15,17% da população brasileira está totalmente vacinada contra covid-19

Pessoa sendo vacinada
Mais de 15% dos brasileiros estão vacinados contra a covid-19 (imagem: reprodução/site AgênciaBrasil)

O Brasil já ultrapassou a marca de 15% em relação à quantidade de pessoas que foram imunizadas contra a covid-19.

Dessa porcentagem, cerca de 2.907.947 milhões tomaram a dose única e 29.210.779 milhões receberam a segunda dose, resultando em 32.118.717 milhões de cidadãos imunizados.

Publicidade

Publicidade

Esses dados foram divulgados na quarta-feira (14) pelo consórcio de veículos de imprensa. Confira a seguir mais informações sobre o assunto.

Situação do Brasil diante a vacinação contra a covid-19

Pessoa sendo vacinada
Mais de 15% dos brasileiros estão vacinados contra a covid-19 (imagem: reprodução/site AgênciaBrasil)

Com base no número de pessoas que foram vacinadas com a dose única e a segunda dose da vacina da Janssen, chega-se a pouco mais de um quarto da população brasileira imunizada.

Nos últimos dias, levando em consideração as vacinas compostas por duas doses, 912.894 cidadãos receberam a primeira delas.

Publicidade

Publicidade

Essa etapa inicial resultou em 89.332.665 de pessoas vacinadas, o que corresponde a aproximadamente 70,77% da população do país. De terça (13) para quarta-feira (14), outras 490.678 tomaram a segunda dose.

Tipos de vacina

Atualmente o Brasil possui quatro vacinas contra a covid-19, são elas:

  • CoronaVac;
  • Pfizer/BioNTech;
  • Oxford/AstraZeneca;
  • Janssen.

Os laboratórios que atuam na produção da CoronaVac, Pfizer/BioNTech e Oxford/AstraZeneca recomendam que seus imunizantes seja aplicados em duas doses.

Enquanto o laboratório responsável pela fabricação da Janssen recomenda que a aplicação da vacina deva ser feita somente com uma dose de seu imunizante.

Primeira dose e vacinação completa

O estado de Rio Grande do Sul está registrado como o território brasileiro com maior aplicação da primeira dose em seus habitantes, cerca de 47,92%.

Entre os estados, Mato Grosso do Sul mostra-se com maior quantidade de pessoas que têm a vacinação completa, o que representa aqueles que tomaram a dose única ou a segunda dose.

Vacinação contra covid-19 por estado

Publicidade

Publicidade

Abaixo, separamos e listamos, respectivamente, os estados e o número de vacinas aplicadas até o momento. Confira:

  • Acre, 414.717;
  • Alagoas, 1.552.728;
  • Amazonas, 2.239.008;
  • Amapá, 304.321;
  • Bahia, 7.528.424;
  • Ceará, 4.842.158;
  • Distrito Federal, 1.474.873;
  • Espírito Santo, 2.418.621;
  • Goiás, 3.532.435;
  • Maranhão, 3.322.162;
  • Minas Gerais, 11.087.088;
  • Mato Grosso do Sul, 1.836.135;
  • Mato Grosso, 1.506.671;
  • Pará, 4.124.678;
  • Paraíba, 2.033.842;
  • Pernambuco, 4.880.941;
  • Piauí, 1.565.304;
  • Paraná, 6.469.889;
  • Rio de Janeiro, 8.958.899;
  • Rio Grande do Norte, 1.844.944;
  • Rondônia, 796.635;
  • Roraima, 248.421;
  • Rio Grande do Sul, 7.589.653;
  • Santa Catarina, 4.210.167;
  • Sergipe, 1.176.195;
  • São Paulo, 28.889.878;
  • Tocantins, 694.638.

Avanço da vacinação mundial contra covid-19 gera desigualdade

Embora as campanhas de vacinação contra covid-19 tenham sofrido avanço mundial, também tem aumentado a desigualdade entre nações pobres e ricas.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 45% de todas as vacinas foram compradas pelos países tidos como de alta renda.

Em contrapartida, aproximadamente dez nações (países que em grande parte compõem a África) não chegaram a aplicar uma única dose.

Publicidade

Diante desse cenário, a OMS considera que a pandemia pode se prolongar pelo fato de a vacinação acontecer de forma lenta em alguns países. Os laboratórios de grande porte pressupõem que, até o final de 2021, se torna possível imunizar a maior parte da população mundial.

Publicidade

Contudo, especialistas apontam a possibilidade de nações mais pobres só conseguirem finalizar a inoculação em 2024.

Paulo Victor SilvaEstudante do curso de Jornalismo pela UFES. Dono de uma mente inquieta e curiosa. Além disso, é amante de leitura e apaixonado por música.
Veja mais ›
Fechar