Após rebelião, governador anuncia novo presidente da Funase em PE

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, anunciou o o advogado Roberto Franca como o novo presidente da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) no começo da noite desta segunda-feira (31). A mudança ocorre logo após a rebelião que deixou sete mortos na unidade da Caruaru da fundação, no Agreste de Pernambuco.
No dia 25 de outubro, ocorreu uma outra rebelião, mas no Centro de Atendimento Socioeducativo (Case), em Timbaúba, na Zona da Mata Norte de Pernambuco, distante 98 quilômetros do Recife. A confusão deixou quatro jovens infratores mortos, além de outros feridos. Em setembro, ao menos 12 jovens fugiram após um motim na mesma unidade.
A nomeação do novo presidente da Funase, que entra no lugar de Moacir Carneiro Leão Filho, vai ser publicada no Diário Oficial Estado na terça-feira (1º), com a posse marcada para a quinta-feira (3), segundo o governo. Franca vai ter 60 dias apresentar ao líder do executivo estadual um plano de reestruturação da fundação, responsável pela ressocialização de jovens no estado.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Perfil
O novo presidente da Funase, Roberto França Filho, nasceu no Recife em 20 de maio de 1951. É formado em Direito pela Faculdade de Direito do Recife e foi secretário de Gabinete do então senador Marcos Freire (1975-1978). De 1978 a 1980, foi secretário de gabinete na Assembleia Legislativa de Pernambuco. Em 1980, passou a presidir o Centro de Cultura Professor Luís Freire, em Olinda, cargo no qual permaneceria durante dois anos. Entre 1985 e 1986 presidiu a Comissão de Justiça e Paz da Arquidiocese de Olinda e Recife.
Franca foi também secretário de Justiça de Pernambuco dos segundo Governo Miguel Arraes, de 1988 a 1990, quando passou a comandar a Secretaria de Segurança Pública. Em 1990, Roberto Franca foi eleito deputado federal. Em 1995, no terceiro Governo Arraes, voltou a assumir a Secretaria de Justiça, onde permaneceu até o final da gestão.
Com o término o governo, voltou a exercer o cargo de procurador judicial da Prefeitura de Recife. Atualmente, Franca era um dos integrantes da Comissão Estadual da Memória e Verdade Dom Helder Câmara. Roberto Franca é casado com Janeide Maria Gomes França e tem três filhas.

Do G1

divulgação

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar