Linhas de créditos para MPEs — confira as opções disponíveis para microempreendedores

Para ajudar no impacto econômico provocado pela pandemia, os microempreendedores têm à disposição as linhas de créditos para MPEs.

São várias instituições financeiras envolvidas nesse financiamento. A seguir, saiba quais são esses bancos, seus programas e os critérios exigidos.

Programas bancários que oferecem linhas de créditos para MPEs

Homem segurando um cartão escrito "crédito"
Linhas de créditos para MPEs. (Imagem: Reprodução/site Portal Dedução)

Abaixo, conheça os programas que prestam apoio financeiro às empresas:

1. Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social — BNDES

Atualmente o BNDES está oferecendo crédito às médias empresas com a finalidade de promover um capital de giro ou, aos microempreendedores que precisam fazer para que investimentos.

Tanto para capital de giro quanto para investimentos, o BNDES estabelece que o valor mínimo de financiamento seja de R$ 40 milhões.

A carência vai de 3 a 12 meses àqueles que optarem pelo financiamento para capital de giro, com prazo de até 48 meses para debitar a dívida.

Enquanto aos microempreendedores que solicitarem o crédito para investir, o período de carência vai de 12 a 60 meses, dispondo de até 120 meses para pagar o financiamento.

2. Programa de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe)

Outro programa de linhas de créditos para MPEs é o Pronampe. Com ele, o governo federal socorreu as micro e pequenas empresas durante a disseminação do novo coronavírus.

Funciona da seguinte forma: o dinheiro é emprestado pelos bancos, que têm como garantia os recursos de um fundo público.

3. BB, Caixa, Itaú e suas linhas de créditos para MPEs

O Banco do Brasil oferece linhas de créditos para MPEs tanto para os que demonstrem querer investir quanto àqueles com a finalidade de fazer capital de giro.

A carência para a linha capital de giro é de seis meses, com prazo de pagamento até 48 meses.

Já o financiamento é direcionado aos microempreendedores que pretendem adquirir bens de capital.

Esse tipo de crédito tem a carência de 6 meses, com prazo de até 60 meses para quitar o financiamento.

Linha de crédito da Caixa

A instituição financeira Caixa Econômica Federal vem atuando com taxas e condições especiais desde que foi decretado estado de calamidade por conta da pandemia de covid-19.

Além do PRONAMPE, o banco oferece linhas de créditos para MPEs como o Fundo Garantidor para Investimentos (FGI) e o Fundo de Aval para as Micro e Pequenas Empresas (FAMPE).

A respeito do FAMPE, ele atua em parceria com o SEBRAE e oferece aos microempreendedores um capital de giro com taxas a partir de 1,19% ao mês, com carência de até 12 meses.

Linha de crédito Itaú

Além desses bancos, a instituição Itaú também oferece linhas de créditos para MPEs. Os microempreendedores que optarem pela linha capital de giro, conseguem carência de cinco meses e tem até 60 meses para debitar a dívida.

No entanto, para aqueles que escolherem antecipar pagamentos no cartão de crédito, não possuem carência e o prazo dessa antecipação varia de 5 a 360 dias.

4. Banco do Povo  e Desenvolve SP

O governo estadual de São Paulo anunciou linhas de créditos para MPEs disponibilizados pelo Banco do Povo e pelo Banco Desenvolve SP.

Assim, cerca de 50 milhões vai ser reservado de forma exclusiva para bares e restaurantes, e aproximadamente 50 milhões é o valor destinado a pequenos comércios como salões de beleza, academias, entre outros.

Paulo Victor Silva
Estudante do curso de Jornalismo pela UFES. Dono de uma mente inquieta e curiosa. Além disso, é amante de leitura e apaixonado por música.
FacebookLinkedin

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário