Auxílio Emergencial 2021: Veja como consultar aprovação do benefício no Dataprev

Programa permite saber se você tem ou não direito a receber os novos pagamentos do auxílio emergencial. Para acessar a plataforma basta fornecer alguns dados pessoais. Lembrando que é preciso se enquadrar nas novas regras para receber o benefício.

Auxílio emergencial

O Portal de Consultas do Dataprev, empresa de tecnologia e informações da previdência, permitirá o acesso de cidadãos e trabalhadores elegíveis ao programa de auxílio emergencial.

Por meio da consulta é possível saber se houve aprovação para o recebimento do benefício que será pago a partir do dia 1 de abril.

app auxilio emergencial
Pagamentos do auxílio emergencial começam em abril

Vale lembrar que beneficiários do Bolsa Família e inscritos no CadÚnico, e que são elegíveis de acordo com as novas determinações, receberão os pagamentos de forma automática.

Como consultar

O cidadão que quer saber se foi aprovado para receber os novos pagamentos do auxílio emergencial 2021 deve acessar o Portal de Consultas do Dataprev.

Em seguida, o cidadão deve fornecer alguns dados pessoais como CPF, nome completo, nome da mãe e data de nascimento.

Novas regras

De acordo com as novas regras do auxílio emergencial, alguns grupos que antes tinham direito ao benefício não receberão as parcelas nessa nova etapa de pagamentos.

Entre a lista de grupos que não podem receber o auxílio emergencial estão:

  • Trabalhador formal ativo;  
  • Membro de família com renda mensal acima de três salários mínimos;  
  • Residente no exterior;  
  • Beneficiários da previdência assistencial ou trabalhista, exceto Bolsa Família e Pis/Pasep;  
  • Bolsistas, estagiários, residentes médicos ou residentes multiprofissionais; 
  • Contribuintes com rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2019;  
  • Contribuintes com bens ou direitos com valor total superior a R$ 300 mil em dezembro de 2019;  
  • Contribuintes isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, com soma superior a R$ 40 mil em 2019;  
  • Dependente, cônjuge, companheiro, filho ou enteado nas condições dispostas nos três itens anteriores;  
  • Preso em regime fechado ou tenha CPF vinculado à concessão de auxílio-reclusão;  
  • Menores de 18 anos, exceto mães adolescentes;  
  • Quem teve o auxílio emergencial cancelado em 2020;  
  • Quem não movimentou valores do auxílio emergencial em 2020.

Nesse caso, têm direito ao auxílio emergencial 2021 os cidadãos que atendem aos seguintes requisitos:

  • Microempreendedores individuais (MEI);
  • Contribuinte individual da Previdência Social;
  • ​Trabalhador informal.

Para controlar a concessão do benefício, a Caixa Econômica Federal recomendou a atualização dos beneficiários no sistema de controle. 

A atualização pode ser feita pelo aplicativo Caixa Tem, mas o procedimento não é obrigatório para receber o benefício.

Valores

Os novos pagamentos do auxílio emergencial 2021 levarão em conta a composição familiar. Nesse caso, os valores são:

  • R$375,00: valor pago às mulheres chefes de família;
  • R$250,00: valor pago às famílias com duas ou mais pessoas, exceto daquelas com mães chefes de família;
  • R$150,00: destinado às famílias compostas por apenas uma pessoa.

Os pagamentos serão feitos em quatro parcelas, começando no mês de abril e terminando no mês de julho.

Felipe Calbo
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo atuante na chamada "massa de mídias", trazendo mais um braço da pluralidade de opinião em detrimento do mito da imparcialidade.
Linkedin

Deixe seu comentário