Inaugurada central de atendimento para MEI que não conseguiu receber auxílio para empresas no Paraná

Governo do Paraná disponibiliza auxílio emergencial para Microempresas e Microempreendedores Individuais. Beneficiários podem contatar canal de atendimento exclusivo para dúvidas e informações.

Central de atendimento

O Programa de Auxílio Emergencial do Paraná anunciou a disponibilização de uma central de atendimento às empresas que apresentam dúvidas ou dificuldades sobre o resgate do benefício.

Publicidade

Publicidade

Os beneficiados podem entrar em contato pelo telefone 0800-642-6650 ou pelo e-mail desenvolvido com exclusividade pela Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná.

Os atendimentos são destinados gratuitamente às Microempresas e aos Microempreendedores Individuais das 8h30 às 18h, de segunda a sexta-feira.

Programa Auxílio Emergencial do Paraná

Cerca de 124 mil empresas ativas receberão apoio financeiro do governo do estado do Paraná como medida de enfrentamento à crise econômica causada pela pandemia do novo coronavírus.

Publicidade

Publicidade

O Fundo Estadual de Combate à Pobreza do Paraná disponibilizou R$80 milhões para o programa, aproximadamente 35% superior ao estimado pela Secretaria de Estado da Fazenda.

Auxílio emergencial para Microempresas e MEIs no Paraná já está valendo

Para receber o benefício as empresas deverão se cadastrar aqui e informar uma conta bancária para resgatar o pagamento na plataforma ou no aplicativo.

Mas fique atento, pois o prazo máximo de cadastro é de 60 dias, a contar de 10 de junho a 9 de agosto de 2021.

O resgate do auxílio emergencial poderá ser feito em até 12 meses após o pagamento. Após o período informado o valor será expirado e o resgate não será mais possível.

Requisitos

Para ter direito ao auxílio emergencial destinado às Microempresas e aos Microempresário Individuais os interessados devem atender aos seguintes requisitos:

Microempresas

  • Ter Cadastro de contribuinte do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços;
  • Ter empresa ativa ou paralisada;
  • Ter emitido documentos fiscais ou entregue o PGDAS-D entre R$0,01 e R$360.000,00 em 2020.

Microempreendedor Individual

  • Ter registro até 31/03/2021.

Quem tem direito

Além de atender aos requisitos do Programa de Auxílio Emergencial do Paraná, as Microempresas devem faturar até R$360 mil por ano e estar vinculado à Receita Federal do estado.

Entre os CNAES beneficiados estão:

  • Restaurantes e similares; 
  • Lanchonetes, casas de chá, de sucos e similares; 
  • Bares e outros especializados em servir bebidas, sem entretenimento; 
  • Bares e outros especializados em servir bebidas, com entretenimento; 
  • Serviços ambulantes de alimentação; 
  • Serviços de organização de feiras, congressos, receitas e festas; 
  • Casas de festas e eventos; 
  • Atividades de sonorização e iluminação; 
  • Transporte rodoviário coletivo de passageiros, com itinerário fixo, municipal; 
  • Transporte rodoviário coletivo de passageiros, com itinerário fixo, intermunicipal na região metropolitana; 
  • Transporte rodoviário coletivo de passageiros, com itinerário fixo, intermunicipal, exceto na região metropolitana; 
  • Transporte rodoviário coletivo de passageiros, com itinerário fixo, interestadual; 
  • Transporte rodoviário coletivo de passageiros, com itinerário fixo, internacional; 
  • Transporte escolar; 
  • Transporte rodoviário coletivo de passageiros, sob regime de fretamento, municipal;
  • Transporte rodoviário coletivo de passageiros, sob regime de fretamento, intermunicipal, interestadual e internacional;
  • Organização de veículos em veículos rodoviários próprios, municipais;
  • Organização de veículos em veículos rodoviários próprios, intermunicipais, interestaduais e internacionais;
  • Comércio de artigos de vestuário e acessórios;
  • Comércio comercial de calçados;
  • Organização de veículos em veículos rodoviários próprios, intermunicipais, interestaduais e internacionais.
Publicidade

Publicidade

O valor do benefício oferecido para essa categoria é de R$1.000,00 a serem pagos em até quatro vezes no valor de R$250,00.

Já os Microempreendedores Individuais devem ter natureza jurídica de MEIs e o benefício será oferecido no valor de R$500,00 em duas vezes de R$250,00.

Entre os CNAES beneficiados estão:

  • Restaurantes e similares; 
  • Lanchonetes, casas de chá, de sucos e similares; 
  • Bares e outros especializados em servir bebidas, sem entretenimento; 
  • Bares e outros especializados em servir bebidas, com entretenimento; 
  • Serviços ambulantes de alimentação; 
  • Competição de instalações de esportes; 
  • Produção e promoção de eventos esportivos; 
  • Serviços de organização de feiras, congressos, receitas e festas; 
  • Casas de festas e eventos; 
  • Produção teatral; 
  • Produção musical; 
  • Produção de espetáculos de dança; 
  • Atividades de sonorização e iluminação; 
  • Aluguel de equipamentos recreativos e esportivos; 
  • Agências de viagens; 
  • Operadores turísticos;
  • Filmagem de festas e eventos.

Até o momento cerca de três mil cadastros foram efetuados e aproximadamente 2.350 pedidos de resgate foram confirmados por Microempresas e 1.180 por MEIs.

Em valores, cerca de R$585.750,00 já foram disponibilizados ao total de beneficiários cadastrados.

Publicidade

Fontes: O Paraná e O Paraná

Publicidade

Julia de Paula
Julia é formada em jornalismo pela Universidade Metodista de São Paulo e, no momento, atua como redatora para o portal NoDetalhe. Ao longo da carreira, a jornalista tem se especializado em produção de conteúdo otimizado para motores de busca e conversão, além de gerenciamento de mídias sociais e marketing digital.
Linkedin

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

1 comentário

  • Cadastrei no primeiro dia, informei minha conta bancária,mas o dinheiro não caiu ainda na conta bancária

Deixe seu comentário