Auxílio Emergencial: Agora o benefício poderá ser sacado no Banco24Horas

caixas eletrônicos banco 24 Horas
Auxílio Emergencial pode ser sacado no banco 24 Horas

Quem recebe o auxílio emergencial, agora tem mais uma opção para sacar o valor: o dinheiro pode ser retirado no banco 24 horas.

O anúncio foi feito pela Tecban, a administradora da rede de serviços.

Publicidade

Publicidade

Ao todo, o Brasil conta com mais 23,5 mil caixas eletrônicos.

caixas eletrônicos banco 24 Horas
Auxílio Emergencial pode ser sacado no banco 24 Horas

Auxílio emergencial: saque pode ser feito em Banco 24 Horas

O beneficiário do auxílio emergencial que optar pelos caixas 24 horas, tem duas possibilidades:

  • Transferir o valor do benefício para uma conta de uma das instituições financeiras parceiras;
  • Efetuar o pagamento de boleto/ Código QR para que o benefício seja disponibilizado na carteira digital de uma das fintechs parceiras do HubDigital Tec Ban, para sacar o recurso através do Saque Digital ou de maneira convencional.

Vale saber que esta tecnologia está disponível também para quem não tem conta em banco.

Publicidade

Publicidade

A resolução do Banco Central 3.919/2010, diz que o cliente tem direito a, pelo menos, 4 saques grátis por mês, considerando a soma das operações realizadas nos canais do banco e no Banco 24 Horas.

Por isso, é importante que cada consumidor certifique com sua instituição quais serviços estão inclusos no pacote mensal da conta.

O gerente executivo de Autoatendimento da TecBan, Marcos Mazzi, afirmou, em entrevista para o site Capitalist que o Banco 24 Horas está cada vez mais conectado com bancos, fintchens e carteiras digitais.

“Como estamos localizados majoritariamente em locais residenciais das classes menos favorecidas, conseguimos promover a inclusão e o acesso ao dinheiro e a serviços financeiros”, explicou.

Como sacar o auxílio emergencial no Banco 24 Horas?

Sacar o benefício no Banco 24 Horas é muito fácil. O beneficiário só precisa se dirigir até um caixa 24 Horas e selecionar a opção Saque Digital.

Após isso, ele precisa digitar os números do CPF e do código recebido para liberar o dinheiro na sequência.

O chefe de novas plataformas da TecBan, a administradora da rede de serviços, Tiago Aguair contou, para o Valor Investe, que o Saque Digital foi criado como uma alternativa para o pagamento do auxílio emergencial, criado para minimizar a crise econômica causada pela pandemia de Covid-19, no ano passado.

Publicidade

Publicidade

Segundo o projeto de lei do benefício emergencial, o dinheiro será pago para os trabalhadores informais, desempregados e Microempreendedores Individuais (MEIs).

Mercado Pago e Banco 24 Horas: saque sem cartão

O Mercado Pago, fintech do Mercado Livre, permite que o beneficiário, sem cartão, faça saques no Banco 24 Horas.

Na prática, o beneficiário faz a transferência do dinheiro da conta poupança-social da Caixa para uma conta do Mercado Pago.

Depois de fazer isso, ele precisa ir até um caixa eletrônico e sacar o valor usando um código QR, gerado pelo aplicativo do celular.

Publicidade

O custo do saque é de R$ 4,90 por operação.

Publicidade

“A expectativa é que o Mercado Pago seja a porta de entrada de milhões de pessoas no sistema financeiro”, diz Tulio Oliveira, vice-presidente do Mercado Pago, em entrevista para a Exame.

O superintendente de autoatendimento da TecBan, Ariovaldo Ribeiro, revelou para a Exame que o isolamento social reduziu cerca de 10% o volume de transações nos caixas eletrônicos, mas que o valor médio sacado pelas pessoas aumentou 12%.

“Cerca de 60% de nossos usuários são das classes C, D e E; é bom lembrar que existem alguns ‘Brasis’, em um deles, 50 milhões de pessoas não têm conta em banco”, diz Ribeiro.

No entanto, vale saber que o Mercado Pago não desenvolveu apenas uma solução para saque.

Os beneficiários que não quiserem sacar o benefício do auxílio emergencial podem usar o valor em milhares de lojas físicas e on-line, que aceitam o cartão de débito virtual da Caixa com bandeira Elo.

“Faz duas semanas que o Mercado Livre já aceita; somos a primeira empresa de meios de pagamento a aceitar o cartão no e-commerce”, afirma Oliveira.

Saiba mais sobre a novidade

Publicidade

Publicidade

A iniciativa do Mercado Pago é impulsionar as vendas dos varejistas e isso inclui os vendedores que usam link para pagamento para comercializar seus produtos pelas redes sociais, e-mail e WhatsApp.

Isso também dará poder de compra para os beneficiários do auxílio emergencial.

Além disso, o Mercado Pago concederá a isenção de tarifa para 25 transferências, por mês, na modalidade TED para contas de outras instituições.

Para enviar qualquer valor, entre contas do Mercado Pago não haverá cobrança de tarifa.

Oliveira revela que algumas iniciativas estavam sendo estudadas e que outras foram adaptadas para este novo cenário.

Entre os benefícios disponibilizados, os usuários têm acesso a uma conta completa que permite fazer saques com ou sem cartão, TEDs, pagamento de conta, boletos e impostos.

Além disso, oferece para o consumidor rendimento do saldo acima da remuneração da poupança, além de poder contar com ofertas de serviços, como recargas de celular, TV pré-paga e Bilhete Único.

O chefe de novas plataformas conta que a solução foi desenvolvida para ser facilmente implementada pelas mais de 100 instituições financeiras que fazem parte do Banco 24 Horas, além das fintechs que participam da rede digital da TecBanc.

Fonte: Capitalist, Valor Investe, Exame

Bruna SantosJornalista com mais de 7 anos de experiência. Atuou como redatora em jornais impressos, sites especializados em moda e agências de comunicação em Mogi das Cruzes, São Paulo e Goiânia. Fez parte da equipe voluntários da ONG Trupe do Riso, cuidando das redes sociais da instituição. Além de colaboradora da WebGo Content, atua na Agência Conect, especializada em comunicação e marketing para profissionais da Saúde.
Veja mais ›
Fechar