Vai ter Bolsa Família de R$300 a partir de novembro? Saiba quais são as promessas do governo

Muitas promessas estão sendo feitas pelo então presidente da República, Jair Bolsonaro, principalmente em relação a alguns dos principais benefícios sociais distribuídos por entre nosso país.

Você sabia que segundo ele, o Bolsa Família será alterado para o valor de R$300 para as famílias que o recebem a partir do mês de novembro? Veja aqui informações completas.

Publicidade

Publicidade

Acompanhe aqui como vai funcionar essa nova ampliação do programa, quais são as previsões estipuladas pelos especialistas e tudo que precisa saber.

Vai ter Bolsa Família de R$300 a partir de novembro? Saiba quais são as promessas do governo

Vai ter Bolsa Família de R$300 a partir de novembro? Saiba quais são as promessas do governo
Vai ter Bolsa Família de R$300 a partir de novembro? Saiba quais são as promessas do governo | Fonte:

O presidente Jair Bolsonaro, disse no dia de ontem que o governo vai começar a fazer o pagamento do novo Bolsa Família no mês de novembro, logo após o fim do auxílio emergencial do ano de 2021, onde o valor mínimo dele será de R$300.

No momento, o pagamento realizado pelo Governo Federal é de uma média de R$191, o que simboliza um aumento de 56,25%.

Publicidade

Publicidade

Prorrogamos por mais três meses o auxílio. Pretendemos em novembro já ter o novo Bolsa Família, e o valor será, no mínimo, R$300. Hoje em dia, a média do Bolsa Família equivale a R$192, e vamos passar isso para R$300. É um pouco mais de 50% de reajuste. Esse dinheiro vem de onde? Vem dos pagadores de impostos. Tenho que ter responsabilidade com esse dinheiro”, disse Bolsonaro em entrevista cedida à TV Brasil.

Esse valor já tinha sido anunciado previamente pelo presidente no dia 15 de junho, durante entrevista que foi concedida a SIC TV, que é afiliada da Record TV em Rondônia.

Nessa ocasião, porém, Bolsonaro também disse que o benefício teria seu valor médio de R$300, e não o mínimo, conforme foi anunciado no dia de ontem.

A previsão para o mês de novembro também não é novidade para os entendidos do assunto, visto que no começo do mês, ao confirmar que aconteceria a prorrogação do pagamento do auxílio emergencial, o político reforçou que esse novo Bolsa Família teria seu começo de pagamento no mês de novembro.

Nessa ocasião, o ministro da Cidadania, João Roma, teria explicado que esse programa federal teria sido fortalecido e com maior ampliação para atingir mais pessoas.

Já em novembro entraremos com um novo programa social do governo, fortalecido e ampliado, para que os brasileiros possam também avançar cada vez mais não só com o suporte do Estado brasileiro para essa situação de vulnerabilidade, mas que ele possa vencer e avançar na sua situação e na sua qualidade de vida”. Conforme declaração realizada por João Roma, ministro da Cidadania, no dia 05/07.

Dinheiro do benefício ainda não possui origem

Conforme novamente dito por Bolsonaro, esse valor do novo Bolsa Família terá sua definição por meio dos rumos que forem desenvolvidos pela reforma tributária no Congresso, diante do que foi publicado no dia primeiro de julho pelo próprio Jornal do Estado de São Paulo.

O governo usará o ganho de arrecadação das medidas como o caso da tributação dos lucros e dividendos, como exemplo, para que isso possa servir de financiamento diante da ampliação do programa, de forma definitiva.

Publicidade

Publicidade

Dessa forma, pode ser que exista uma possível redução na alíquota do Imposto de Renda do qual está sendo proposto, onde passaria de 20% para 15%, o que poderia afetar diretamente no valor médio do qual será para os beneficiários do Bolsa Família.

Esse processo de vincular uma medida com a outra, foi uma decisão do governo, da qual surgiu diante da avaliação de que a reforma do IR deveria ter um maior movimento para sua aprovação, conforme o próprio jornal anteriormente citado.

Mesmo que algumas propostas sejam mais populares, como o caso da correção da tabela do IRPF – Imposto de Renda da Pessoa Física -, existem outras que ainda estão passando por um grande processo de resistência, dos quais podem interferir diretamente no lobby das empresas e categorias, das quais no momento pagam por menores impostos diante da “pejotização”.

O valor desse novo Bolsa Família, porém, terá sua definição a partir da reforma do Imposto de Renda, além da folga de 2022 diante do teto de gastos, do qual limitará esse avanço das despesas diante da inflação.

Publicidade

Continue acompanhando nosso site para receber essa e demais notícias relacionadas sobre política local e demais interferências na economia.

Publicidade

Jornalista formada pela PUCPR viciada em música de todos os tipos, livros e séries. Mestre em curiosidades inúteis, está sempre procurando fugir da rotina.

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário