Iti Itaú permite antecipar o auxílio emergencial: saiba como fazer

Itaú anuncia conta digital capaz de antecipar o resgate do auxílio emergencial. Saiba como ter acesso ao recurso antes de todos.

Conta digital

A conta digital do banco Itaú, iti, informou que vai antecipar em até um dia o resgate do auxílio emergencial.

Publicidade

Publicidade

O objetivo da iniciativa é promover o acesso ao recurso antes do previsto para quem é cliente do iti.

Para ter acesso ao resgate antecipado é preciso ter uma conta iti

Além de ter acesso ao valor depositado pelo governo, será possível sacar o valor diretamente nos caixas eletrônicos do Banco24Horas ou transferir para a instituição de preferência. 

Para isso, o cliente poderá emitir boletos no aplicativo do iti, bem como realizar compras online e pagamentos com o cartão da conta digital, fazer recarga no celular, entre outros serviços.

Publicidade

Publicidade

Como antecipar o auxílio emergencial

Como mencionado anteriormente, para garantir a antecipação do auxílio emergencial é necessário ser cliente do iti. Quem não for pode abrir uma conta diretamente no app da instituição financeira.

Vale mencionar que não é preciso comprovar renda ou endereço para solicitar a abertura da conta digital iti.

Sendo assim, quando o valor do auxílio emergencial for antecipado basta seguir os seguintes passos para ter acesso:

  • Abra o iti e clique em “colocar dinheiro”;
  • Digite o valor desejado para resgate;
  • Clique em criar boleto;
  • Copie o código de barras e pague no app Caixa Tem.  

Depois de realizar este procedimento o dinheiro será disponibilizado na conta iti em um dia útil, podendo ser utilizado para saques, transferências, bem como outras funcionalidades permitidas pelo app.

De acordo João Araújo, diretor do iti Itaú, “Em um momento delicado como o que estamos vivendo, sabemos o quão importante é, para uma imensa parcela dos brasileiros, receber os valores dos recursos emergenciais no prazo mais curto possível. Na primeira fase do auxílio emergencial, já pudemos notar o quanto esse tipo de solução é positiva para as pessoas”.

Auxílio emergencial

Os pagamentos da terceira parcela do auxílio emergencial serão realizados ainda nesta semana para quem faz parte do Bolsa Família.

Publicidade

Publicidade

O benefício é concedido entre R$150 a R$375 de acordo com a composição familiar. Acompanhe o calendário:

  • 21/06: Beneficiários do Bolsa Família – Final NIS 3;
  • 22/06: Beneficiários do Bolsa Família – Final NIS 4 e público-geral para nascidos em abril;
  • 23/06: Beneficiários do Bolsa Família – Final NIS 5 e público-geral para nascidos em maio;
  • 24/06: Beneficiários do Bolsa Família – Final NIS 6 e público-geral para nascidos em junho;
  • 25/06: Beneficiários do Bolsa Família – Final NIS 7 e público-geral para nascidos em julho;
  • 26/06: Público-geral: depósito para nascidos em agosto;
  • 27/06: Público-geral: depósito para nascidos em setembro.

A partir das novas medidas estabelecidas o benefício será pago às famílias com renda mensal total de até três salários mínimos. Além disso, o beneficiário já deve estar elegível, pois não haverá nova fase de inscrições.

Novos pagamentos

O Ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que o auxílio emergencial será prorrogado de dois ou três meses. 

O objetivo do governo é conceder o benefício até que boa parte da população adulta esteja imunizada contra o novo coronavírus e a expectativa é que isso ocorra até setembro.

Publicidade

Contudo, especialistas em saúde pública apontam que as chances para esse processo são baixas, pois a previsão é de que a vacinação total ocorra somente no final deste ano.

Publicidade

De acordo com o Ministro da Cidadania, João Roma “O presidente Bolsonaro deve anunciar ainda nesta semana a extensão do auxílio emergencial com novas parcelas. Os valores continuam os mesmos e a quantidade de parcelas deve ser superior a duas. Vamos aguardar o pronunciamento do presidente Bolsonaro”.

Fontes: Notícias Concursos, Exame, Contábeis.

Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo atuante na chamada "massa de mídias", trazendo mais um braço da pluralidade de opinião em detrimento do mito da imparcialidade.
Linkedin

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

1 comentário

Deixe seu comentário