Concurso do Ministério da Economia: 590 vagas com inscrições até 14/3!

O Ministério da Economia anunciou abertura do processo seletivo que vai disponibilizar 590 vagas de emprego. Desse total, 100 oportunidades são para contratação imediata, as 490 restantes são destinadas à formação de cadastro reserva.  

As vagas estão distribuídas entre diferentes cargos. A depender da função, é possível concorrer com diploma de ensino médio. Já em outras posições, será cobrado formação de ensino superior.  

A princípio, o concurso do Ministério da Economia oferece uma contratação temporária, pelo período de um ano. Todavia, o edital explica que existe chance de prorrogação, se for constatada necessidade do órgão em permanecer com o vínculo.

Ministério da Economia

Cargos e salários 

O concurso do Ministério da Economia vai recrutar profissionais para quatro funções, cada um deles será remunerado com uma quantia diferente. Confira a seguir todos esses detalhes e a quantidade de vagas disponíveis em cada setor. 

Cargo 

Salário  Total de Vagas   Vagas 

PNE 

Vagas Público Geral 

Cadastro Reserva 

Atividades Técnicas de Alta Complexidade  

R$6.130,00  4  1  2  36 
Atividades técnicas de formação específica   R$1.700,00  8  1  5 

52 

Atividades técnicas de suporte 

R$3.800,00  48  3  35  202 
Atividades técnicas de suporte  R$3.800,00  40  2  30 

200 

Nível de escolaridade para admissão 

Como foi mencionado, o processo seletivo permite a admissão de candidatos com diversos níveis de escolaridade, conforme as atividades propostas. Observe quais cursos são aceitos em cada caso: 

  • Atividades Técnicas de Alta Complexidade: apresentar diploma de nível superior em Administração, Economia, Contabilidade ou Direito. É preciso comprovar experiência profissional na área de formação pelo período mínimo de três anos, ou possuir título de cursos de pós-graduação. 
  • Atividades técnicas de formação específica: ter certificado de conclusão de curso de Ensino Médio, Técnico em Administração, Contabilidade ou Informática. 
  • Atividades técnicas de suporte: possuir diploma de conclusão de curso superior em qualquer área de formação. 

Todos os candidatos do concurso serão submetidos à prova de títulos. Só serão aceitos diplomas e certificados devidamente registrados, emitidos por instituições de ensino reconhecidas pelo Ministério da Educação (Mec).  

Conteúdo da prova 

Além da prova de títulos, os candidatos devem realizar um teste objetivo, que está agendado para o dia 4 de abril. Ele será composto por 60 questões, sendo 30 de conhecimentos específicos, 15 de Língua Portuguesa, 10 de informática básica e 5 sobre ética na administração pública e legislação. 

Serão considerados aprovados os participantes que alcançarem nota igual ou maior que 50% do total de pontos possíveis, e que tiverem acertado pelo menos uma questão em todos os conteúdos. A data prevista para a divulgação do resultado do concurso é dia 3 de maio de 2021. 

Sobre as inscrições

Os interessados devem fazer as inscrições pela internet, no site do Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro (Idib). O prazo vai até às 14 horas do dia 14 de março.  

A participação só estará garantida depois de o candidato pagar uma taxa de inscrição, cujo o valor varia entre R$36 e R$38 – a depender do cargo para o qual está concorrendo.  

É importante saber que quem conseguir a aprovação no concurso do Ministério da Economia vai atuar em Brasília, Distrito Federal. Ou seja, é necessário residir próximo à capital. 

Se ainda houver dúvidas, consulte a íntegra do edital clicando aqui. 

Leia mais: Cursos Gratuitos: São José dos Campos conta com 36 mil vagas em cursos de qualificação

Ludmila Catharina
Uma jornalista de 23 anos, nascida e criada no quadradinho. Encantada por literatura e todas as formas de comunicação. Antes de atuar como redatora, participei dos programas de estágio do Ministério da Justiça, da Defensoria Pública do Distrito Federal e da Câmara dos Deputados. Atualmente, ocupo o papel de estudante, mais uma vez, fazendo especialização em Comunicação Organizacional e Estratégias Digitais no Instituto de Educação Superior de Brasília (IESB).
Linkedin

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário