Consulta CadÚnico – Como saber se estou inscrito?

Se você quer saber se está inscrito no CadÚnico – Cadastro Único – veja abaixo algumas das maneiras mais simples de realizar essa consulta e fique por dentro.

Consulta via app

  1. Você deve instalar o app oficial do Meu CadÚnico, do qual está disponível tanto na Play Store quanto na Apple Store;
  2. Depois de baixá-lo, você deve abrir o mesmo. Pressione o botão para entrar;
  3. Agora, você deve preencher os dados que estão sendo requisitados, sendo assim, o mesmo está pronto para ser usado.
Consulta CadÚnico - Como saber se estou inscrito?
Consulta CadÚnico – Como saber se estou inscrito? Foto: Reprodução/Pronatec.

Consulta via telefone

Existe também a opção de tirar sua dúvida pelo telefone, onde você pode ligar para o número gratuito 0800 707 2003, seja por meio de telefone fixo ou celular.

Publicidade

Publicidade

Quando for fazer a ligação, basta escolher a opção de número 5, seguindo demais instruções.

O atendimento está disponível entre segunda até sexta-feira, das 7h até às 19h. Nos feriados e durante os finais de semana, o horário de atendimento é entre às 10h até as 16h.

É importante salientar que durante o Calendário de Pagamento para o Bolsa Família, os horários que ficam válidos são iguais aos de feriados.

Publicidade

Publicidade

Como posso me inscrever no CadÚnico?

Se você realizou ambos os procedimentos acima e não encontrou seu perfil do CadÚnico, veja abaixo como conseguir fazer o seu o quanto antes.

Você deve acessar esse link e verificar qual é a agência mais próxima de você https://aplicacoes.mds.gov.br/sagi/mops/.

Além disso, você pode ir até um CRAS – Centro de Referência de Assistência Social -, mais perto do seu município. Se ainda assim não puder fazer seu cadastro, você receberá as demais orientações e indicações de como prosseguir em caso de dúvidas.

O que é o CadÚnico?

Desenvolvido pelo Governo Federal, o Cadastro Único possui como principal intenção a de ter demais dados e informações sobre as famílias brasileiras que são consideradas como de baixa renda.

Assim, esse registro mostra quais são suas condições de vida, como é formada sua constituição familiar, quais são os programas sociais em que se encaixam e demais questões importantes.

O Governo Federal tem uma variedade de programas sociais e benefícios destinados para a população, sendo que o CadÚnico é usado como parâmetro para a aprovação ou não dessas famílias.

Publicidade

Publicidade

Os programas que usam esse programa para verificar informações, são:

  • O Programa Bolsa Família;
  • O Programa Minha Casa, Minha Vida – chamado também de Casa Verde e Amarela;
  • O Programa Bolsa Verde – Programa de Apoio à Conservação Ambiental;
  • Para aposentadoria de pessoa de baixa renda;
  • O Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI);
  • O Programa de Fomento às Atividades Produtivas Rurais;
  • A Carta Social;
  • A Carteira do Idoso;
  • O Programa Brasil Carinhoso;
  • O Programa de Cisternas;
  • O Telefone Popular;
  • O Pro Jovem Adolescente;
  • A  Tarifa Social de Energia Elétrica;
  • E por fim, o passe Livre para pessoas com deficiência.

Alguns programas estaduais ou municipais também podem fazer o uso dessa rede de informações, ademais, essa funcionalidade também permite a isenção de demais taxas em concursos públicos e alguns processos seletivos específicos.

É interessante deixar claro que apenas o simples registro nesse programa não dá a garantia de que o indivíduo será aceito nos programas sociais, dos quais foram citados anteriormente.

Cada qual deles tem regras específicas que precisam ser cumpridas. Ele serve como uma base de dados para verificação de questões importantes e decisivas para a finalização de alguns processos.

Quem pode participar do CadÚnico?

Publicidade

Não são todas as pessoas que podem ter seu registro dentro do CadÚnico, por isso, veja abaixo quem são aquelas que possuem direito de realizar essa inscrição.

Publicidade

  • Famílias que tem renda mensal por pessoa de até meio salário mínimo;
  • Famílias que tem renda mensal familiar total de até três salários mínimos;
  • Famílias que possuem apenas um indivíduo;
  • Famílias que são formadas por pessoas em situação de rua, sejam elas solos ou com mais de uma pessoa.

Além disso, ainda há a possibilidade de que as famílias que tem renda maior, também utilizem o CadÚnico.

Assim, é necessário que elas estejam tentando ou já estejam vinculadas a alguns dos benefícios ou programas que usam esse registro.

Continue acompanhando nosso site para receber essa e demais informações sobre como funciona o CadÚnico, quais são seus principais usos e quando deve-se atualizar o mesmo.

Publicidade

Publicidade

Fonte: Concursos no Brasil e R7.

Avatar
Jornalista formada pela PUCPR viciada em música de todos os tipos, livros e séries. Mestre em curiosidades inúteis, está sempre procurando fugir da rotina.

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário