Prefeitura de Joinville aprova crédito sem juros para empreendedores: saiba como vai funcionar

crédito sem juros para empreendedores Joinville

Assim como os casos de coronavírus, os efeitos da crise econômica se espalharam rapidamente por todo o país. Manter um comércio de portas abertas nos dias de hoje se tornou um desafio e tanto. Diante disso, muitos comerciantes têm recorrido ao empréstimo bancário.  

Por um lado, o dinheiro extra pode ser a única solução para quem precisa continuar trabalhando. Por outro, tem as altas taxas de juros que acabam dando origem à uma nova dívida. Pensando em resolver esse problema e aquecer a economia local, a prefeitura de Joinville criou programa de crédito sem juros, exclusivo para empreendedores. 

Publicidade

Publicidade

Trata-se do Microfinanças de Joinville. A ideia estava sob os cuidados da Câmara de Vereadores, onde obteve votação favorável e se converteu na Lei 8.959.2021. Na segunda-feira (28), por conseguinte, o prefeito Adriano Silva emitiu a sanção da nova Lei. Em outras palavras, isso significa que a partir de agora o programa passa a valer na prática. 

crédito sem juros para empreendedores Joinville
Projeto que instituí nova modalidade de empréstimo foi votado com unanimidade em Plenário. | Fonte: Google Imagens

Por meio das concessões de empréstimo, o comércio de Joinville deve receber uma aplicação de aproximadamente R$ 7 milhões, que permitirá a manutenção das atividades e também o desenvolvimento de novos vínculos empregatícios.  

Saiba como vai funcionar 

O programa de crédito sem juros para empreendedores de Joinville foi elaborado para dar suporte a microempreendedores individuais, empreendedores de micro e pequenas empresas, profissionais autônomos, empreendedores populares e, sobretudo, aqueles que atuam com economia solidária ou agricultura familiar. 

Publicidade

Publicidade

“O empreendedor vai pagar o valor do empréstimo e a prefeitura vai pagar os juros. Na prática, o programa Microfinanças vai proporcionar recursos à juro zero para micro e pequenos empreendedores. Assim, apoiaremos os pequenos negócios, estimulando a economia da cidade”, informou o prefeito. 

No momento, está sendo redigido o edital com as regras de participação para as instituições financeiras, a fim de eleger os locais em que os empreendedores poderão solicitar o novo serviço de empréstimo. A expectativa é para que esse credenciamento seja finalizado até outubro.

Todas as instruções sobre como ter acesso ao dinheiro, com os juros pagos pela prefeitura, serão divulgadas logo em seguida. Para arcar com as taxas cobradas pelos bancos, a prefeitura irá desembolsar R$ 1 milhão. 

Outras medidas a favor do empreendedor local

Além de crédito sem juros para os empreendedores, a prefeitura de Joinville vem trabalhando com outros projetos para apoiar a economia local. Entre eles, destaca-se a realização de cursos sobre vendas na pandemia.  

Neste mês de junho, por exemplo, aconteceu o “Tudo é Evento: retomada e tendências do setor”, que foi promovido pela Secretaria de Cultura e Turismo de Joinville (Secult). 

O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) de Joinville também tem oferecido consultoria para os mais diversos tipos de comércio do município, que desejam obter conhecimento para gerir melhor os negócios.

Publicidade

Publicidade

Este recurso é gratuito e pode ser buscado por qualquer pessoa que seja titular de um CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica). Para ter acesso, basta entrar em contato com a instituição pelo número (47) 3402-3200 e agendar um horário de atendimento. 

Fontes: ND Mais e NSC Total. 

Assuntos que podem te interessar: 

Ludmila CatharinaUma jornalista de 23 anos, nascida e criada no quadradinho. Encantada por literatura e todas as formas de comunicação. Antes de atuar como redatora, participei dos programas de estágio do Ministério da Justiça, da Defensoria Pública do Distrito Federal e da Câmara dos Deputados. Atualmente, ocupo o papel de estudante, mais uma vez, fazendo especialização em Comunicação Organizacional e Estratégias Digitais no Instituto de Educação Superior de Brasília (IESB).
Veja mais ›
Fechar