Lista de espera Sisu: como entrar e como funciona

Quem pretende entrar em uma universidade através de bolsas de estudo, precisa ficar atento ao Sistema de Seleção Unificada (SISU) e a lista de espera.

O SISU é um sistema informatizado gerenciado pelo Ministério da Educação (MEC), no qual suas instituições públicas de ensino superior oferecem vagas para os candidatos que fizeram o Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM).

estudante

Para iniciar no sistema, o candidato precisa completar a primeira etapa de inscrição, escolhendo uma ou duas opções de cursos de graduação que estão sendo oferecidas pelas instituições participantes.

É neste momento que o aluno escolhe as vagas de ampla concorrência ou cotas.

Classificação Sisu

Quando o prazo por finalizado, o sistema seleciona automaticamente e classifica os candidatos de cada curso de acordo com suas notas no Enem, pesos e bônus, de acordo com o número de vagas oferecidas por cada instituição, dentro do Sisu.

O candidato deve ficar atento ao cronograma do Sisu, pois os aprovados têm apenas uma oportunidade para efetuar a matrícula e se o prazo vencer, o sistema entende que o candidato não tem interesse e ele é excluído do processo.

Já quem é selecionado na segunda opção, tem uma chance a mais: mesmo que a matrícula seja realizada, o candidato poderá integrar a lista de espera para o curso escolhido na primeira opção.

Como funciona a lista de espera do Sisu?

Ela funciona assim: depois da primeira chamada, o sistema disponibiliza, para as instituições, uma lista de espera para preencher as vagas que não foram ocupadas na chamada regular da seleção.

Essa lista, geralmente, é de vagas dos alunos que desistiram do curso, perderam o prazo ou tiveram problemas e não realizaram a matrícula.

É importante saber que a lista de espera é válida só para as opções de curso selecionado no ato da inscrição. O processo não é automático, por isso, o candidato precisa manifestar seu interesse pela vaga, através do site do Sisu.

Como participar da lista de espera do Sisu?

O processo para a participação é simples. No site do programa existe a opção “Boletim do candidato”. Lá, o candidato precisa selecionar uma das opções de cursos que ele escolheu no ato da inscrição.

Nesse mesmo local, está o botão “participar da lista de espera”.

O prazo para solicitar a participação inicial é divulgada na chamada regular e o sistema exibe uma mensagem de confirmação do pedido.

Em torno de uma semana depois do prazo encerrado, iniciam-se as convocações. Saiba que isso pode acontecer mesmo depois do início das aulas, geralmente em março.

Atenção: algumas instituições pedem que os candidatos declarem seu interesse pela vaga no site da universidade. Por isso, não esqueça de se informar sobre o funcionamento da instituição escolhida!

Quem pode participar da lista de espera do Sisu?

Podem participar todos os candidatos que não foram aprovados na chamada regular, seja na primeira ou na segunda opção.

Para participar da lista de espera do Sisu, o candidato precisa acessar o site do Sisu e selecionar apenas uma das opções de curso na área de “Boletim do Candidato” e clicar em “manifestar interesse pela lista de espera”.

Vale ressaltar que os candidatos que foram selecionados em uma das opções de curso escolhido, não podem manifestar interesse pela lista de espera do Sisu.

O Sisu conta com o sistema de cotas, que disponibiliza 50% das vagas considerando cor, raça ou perfil socioeconômico.

Resultado da lista de espera do Sisu

É de responsabilidade, única e exclusiva, do candidato de acompanhar os resultados da lista de espera.

O pedido tem prazo para ser efetuado, mas o resultado não, já que a convocação pode sair mesmo após o início das aulas.

As instituições são as responsáveis pela convocação e por divulgar resultados.

Por isso, o candidato deve estar atento e entrar em contato com a instituição de ensino, na qual está concorrendo a uma vaga, para se informar sobre os canais de divulgação do Sisu.

O site do MEC divulga a data de início da convocação dos candidatos que estão na lista de espera, mas para saber se você foi selecionado ou não, é preciso entrar em contato com a instituição de ensino, do qual está concorrendo a vaga.

Este procedimento também vale para a rematrícula: o calendário é disponibilizado pela própria universidade, bem como a documentação exigida.

Fique atento aos comunicados e prazos da instituição!

Bruna Santos
Jornalista com mais de 7 anos de experiência. Atuou como redatora em jornais impressos, sites especializados em moda e agências de comunicação em Mogi das Cruzes, São Paulo e Goiânia. Fez parte da equipe voluntários da ONG Trupe do Riso, cuidando das redes sociais da instituição. Além de colaboradora da WebGo Content, é CEO da Agência Conect, especializada em comunicação e marketing para profissionais da Saúde.
FacebookInstagramLinkedin

Deixe seu comentário