SISU 2021: Mudança na nota de corte? Entenda o que o MEC anunciou!

O Ministério da Educação anunciou uma mudança na nota de corte do SISU 2021. 

A mudança foi motivada por um erro no sistema na última edição. Segundo o MEC, as medidas estão sendo tomadas para dar mais transparência aos processos de concessão de bolsas. 

Com isso, àqueles que querem aproveitar a oportunidade do SISU para começar os estudos em uma universidade pública, deve ficar atento. 

alunos em prova
SISU 2021: Mudanças na nota de corte? Entenda o que o MEC anunciou!

O que é a nota de corte?

A nota de corte do SISU é a menor nota necessária para conseguir uma vaga no programa. Isso não quer dizer que o candidato acima da nota de corte estará automaticamente selecionado, mas determina o primeiro parâmetro para concessão da bolsa.  

Essa nota é calculada diariamente, sendo chamada de nota parcial, e a nota que prevalecer no final do processo seletivo, será a nota de corte final. 

Ou seja, o aluno deve estar atendo às divulgações das parciais para acompanhar suas chances de conseguir entrar na faculdade. 

Mudança na nota de corte do SISU 2021

A principal mudança na nota de corte do SISU 2021 é que, a partir de agora, a nota de corte será considerada para às duas primeiras opções de curso escolhidas pelo candidato. 

Até então, a nota era considera apenas para a primeira opção. 

Em entrevista ao Portal Yahoo Notícias, o especialista em SISU, Frederico Torres explicou que pode haver uma dupla classificação do aluno: 

“O que gera uma dupla classificação. Ou seja, um mesmo candidato ocupa temporariamente duas vagas, gerando algo como uma “classificação fantasma”. Isso ocorre pois, ao sair o resultado, caso o candidato seja aprovado em sua primeira opção, ele desaparecerá da lista de classificados da sua segunda opção, fazendo com que outros candidatos em posições inferiores durante as prévias ganhem várias colocações no momento do resultado da chamada regular.”

Como exemplo, Torres destaca que um de seus alunos teve a posição alterada após o remanejamento de acordo com a mudança na nota de corte do SISU. 

Nesse caso, o candidato estava na 83ª posição. Com o fechamento do sistema e a saída da lista de quem colocou aquele curso como segunda opção, ele subiu para a 43ª.

Nessa forma, a posição real do estudante e suas chances de ingresso na universidade podem ser alteradas constantemente. 

Segundo levantamento do Portal O Globo, de 3.353 cursos de universidades federais,  em 87% dos casos a nota de corte caiu se comparada com o último dia de inscrições no Sisu de 2020 e o último resultado.

Como participar do SISU 2021

Podem participar do processo seletivo do SISU 2021, os alunos que prestaram o ENEM 2020, tenham alcançado ao menos 450 pontos de média e não tenham tirado zero na redação. 

As inscrições acontecem entre os dias 6 e 9 de abril e divulgação da primeira lista de selecionados está prevista para o dia 13 de abril.

Quem for selecionado deverá efetivar a matrícula entre os dias 14 e 19 também de abril. As vagas remanescentes, normalmente são calculadas e divulgadas após a efetivação das matrículas, abrindo um novo processo para os interessados. 

Vale lembrar que o último Enem entrou para a história com o maior índice de abstenção. 

Mais de 3 milhões de estudantes, ou seja, aproximadamente 55% dos inscritos, não fizeram as provas. Os motivos foram a falta de oportunidade de estudos por conta da pandemia da COVID-19, que paralisou as aulas no ano letivo e até mesmo casos da doença entre os alunos.

Fonte: O Globo.

Amanda Lino
Jornalista com mais de 8 anos de experiência. Trabalhou como redatora, repórter e produtora na emissora Nossa Rádio FM e produtora na Metropolitana AM, depois foi diretora-geral do conhecido podcast Mamilos, passou por algumas agências de São Paulo e Rio de Janeiro e agora, além de colaboradora da WebGo Content, é Copy Content na In House da divisão agrícola da Bayer e Host/Criadora do podcast "Me Empresta Seus Óculos".
InstagramLinkedin

Deixe seu comentário