Pis/Pasep de R$1,2? Veja se você pode receber esse valor e quando

Descubra se você tem direito ao abono salarial Pis/Pasep de R$ 1,2 mil que será pago a partir de 2022 e qual o calendário de repasse.

O governo prevê a retomada do pagamento do abono salarial Pis/Pasep para 2022. O benefício, que tem como base o valor do salário mínimo, deve chegar a R$ 1,2 mil.

Não sabe se tem direito ao abono salarial Pis/Pasep? Então, confira esta matéria completa que preparamos e veja quando começam os pagamentos!

Publicidade

Publicidade

saques pis pasep
Saques do PIS/Pasep podem ser feitos nas agências da Caixa. Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O que é o Pis/Pasep?

O Pis é o Programa de Integração Social, que é um projeto voltado a trabalhadores de empresas privadas. O Pis possibilita que profissionais de baixa renda registrados por CLT tenham direito ao abono salarial anualmente, se cumprirem requisitos do programa.

O Pasep é o Programa de Formação de Patrimônio do Servidor Público. É semelhante ao Pis, com a diferença que é destinado a pessoas que trabalham em órgãos públicos como servidores. Ele também paga um abono salarial anualmente para servidores de baixa renda.

Quem tem direito ao abono salarial Pis/Pasep?

Para receber o abono salarial Pis/Pasep em 2022, o trabalhador precisa cumprir os seguintes requisitos:

Publicidade

Publicidade

  • Ter trabalhado com carteira assinada por pelo menos 30 dias em 2020 e 2021;
  • Ter recebido, no máximo, dois salários mínimos por mês, em média;
  • Ser inscrito no PIS/Pasep há cinco anos, pelo menos;
  • A empresa deve ter informado os dados do trabalhador corretamente para o governo na Rais (Relação Anual de Informações Sociais).

Consulta Pis/Pasep online

Caso esteja em dúvida se cumpre todos os requisitos para receber o abono salarial, dá para sanar essa questão facilmente, basta fazer uma consulta Pis/Pasep online. Veja, a seguir, como verificar se você tem direito ao benefício:

Consulta Pis online

  1. Acesse o portal Caixa FGTS e Pis;
  2. Informe seu CPF, NIS ou e-mail, bem como sua senha de acesso. Caso não tenha cadastro, informe um desses dados e clique em “cadastrar/esqueci senha” e siga as orientações dadas na página;
  3. Marque a caixa de recaptcha;
  4. Clique em “acessar”;
  5. No menu de serviços, clique em “Pis” e depois em “consulta a pagamento”.

Consulta Pasep online

  1. Acesse o site de consulta Pasep Banco do Brasil;
  2. Informe seu número de inscrição Pasep (está na sua carteira de trabalho) ou CPF e data de nascimento;
  3. Marque a caixa de recaptcha;
  4. Clique em “confirmar”.

Quando finalizar o passo a passo, a página será atualizada e trará a informação se você possui direito ao abono. Em caso positivo, haverá menção ao valor e a partir de qual data poderá sacar o dinheiro.

Qual o valor do abono salarial Pis/Pasep?

O valor do abono salarial tem como base o salário mínimo vigente no ano. Em 2022, o valor máximo previsto é de R$ 1,2 mil, mas esse total pode ser alterado.

Atenção a um detalhe! Não são todos que recebem o valor máximo, pois o governo considera o tempo de trabalho no ano base. Por exemplo, suponha que tenha trabalhado por seis meses em 2020.

Neste caso, para calcular o valor é só dividir o salário mínimo por 12 e multiplicar pelo número de meses trabalhados (que no nosso exemplo é 6). Considerando o salário mínimo de R$ 1,2 mil, o trabalhador receberia um abono de R$ 600,00.

Na prática, o valor do abono sempre será proporcional ao número de meses trabalhados. Quanto mais trabalhar, maior o valor, podendo receber até um salário mínimo completo.

Calendário de pagamentos do Pis/Pasep

Publicidade

Publicidade

O Ministério do Trabalho comunicou que o calendário de pagamento do abono salarial Pis/Pasep será publicado pelo Codefat (Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador) em janeiro de 2022.

Embora ainda não haja uma data oficial, tudo indica que o pagamento começará a ser feito ainda em janeiro, de acordo com o governo, estendendo-se pelo primeiro semestre do ano.

A princípio, o pagamento do abono salarial 2021 estava programado para julho do mesmo ano, mas o governo adiou o repasse sob a justificativa de utilizar os recursos para programas sociais como o BEm (Benefício Emergencial para Preservação de Renda e do Emprego) durante a pandemia de covid-19.

Quando iniciar os pagamentos, os trabalhadores beneficiários com saldo disponível poderão sacar os valores na Caixa Econômica Federal (se trabalharem no setor privado) ou Banco do Brasil (servidores públicos). Quem é correntista num desses bancos pode receber por crédito em conta.

Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.
FacebookLinkedinTwitter

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário