Prova de vida passará por mudanças em 2022

Prova de vida passará por mudanças em 2022
Fonte/Reprodução: original

O processo para realizar a prova de vida do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) é obrigatório, no que diz respeito à liberação dos benefícios de aposentadoria e pensão. O principal foco é saber se, de fato, o beneficiário está vivo e caso a resposta seja positiva, será possível realizar os pagamentos.

Que mudanças a prova de vida terá em 2022?

Para o ano de 2022, haverá um cronograma distinto da prova de vida, que será feito somente no mês de aniversário do segurado. Se passar da data limite, o benefício poderá ser suspenso, então é importante tomar cuidado.

Publicidade

Publicidade

Prova de vida passará por mudanças em 2022 (2)
Fonte/Reprodução: original

Uma das principais modificações para a prova de vida seria dispensar a presença do titular, que terá a oportunidade de solicitar que alguém o represente e esteja habilitado por procuração para fazer este serviço. Confira outras mudanças:

  • A prova de vida digital será por biometria cadastrada no cartão magnético
  • Com auxílio do INSS o segurado que possua mais de 80 anos poderá contar com um procedimento distinto nas agências, que será mais pessoal
  • Se acontecer de o beneficiário passar da data exigida em calendário, a pensão ou aposentadoria ficarão suspensos por um prazo de 6 meses até a prova de vida ser, de fato, realizada

Os beneficiários do INSS deverão se atentar com as modificações futuras, para poderem cumprir com a data contida no calendário e evitar perder o benefício.

O que acontece com quem não realiza a prova de vida?

Aquele que não realizar a prova de vida em 2022 terá o benefício suspenso por cerca de 6 meses. Apenas com o comparecimento do beneficiário será possível liberar os pagamentos.

Publicidade

Publicidade

No entanto, pode ser mais grave. Caso o prazo de 6 meses seja ultrapassado sem a comprovação, ocorrerá o cancelamento dos pagamentos. Então, será muito importante que os beneficiários se atentem ao calendário. Confira:

Mês para vencimento e prazo final para 2022:

  •  Novembro de 2020 a junho de 2021: prazo para janeiro de 2022
  • Julho e agosto de 2021: prazo final em fevereiro de 2022
  • Setembro e outubro de 2021: março de 2022
  • Novembro e dezembro de 2021: abril de 2022

Por fim, os beneficiários devem se atentar e cumprir com os devidos prazos, a fim de evitar problemas futuros com os pagamentos de aposentadoria e pensão. Será preciso apenas dirigir-se à agência na qual recebe o pagamento, com RG e solicitar pela prova, fazê-la por representante ou biometria.

Veja mais ›
Fechar