Saque da 4ª parcela do Auxílio Emergencial é liberado para nascidos em maio

Aplicativo Caixa Tem
Aplicativo Caixa Tem na página inicial | Imagem: No Detalhe

A Caixa Econômica Federal liberou o saque da quarta parcela do auxílio emergencial para nascidos em maio. Quem nasceu de janeiro a abril também já tem acesso ao serviço.

Aqui, você confere todos os detalhes sobre o saque do auxílio emergencial e mais informações sobre o pagamento do benefício. Continue a leitura e confira!

Publicidade

Publicidade

Aplicativo Caixa Tem
Aplicativo Caixa Tem na página inicial | Imagem: No Detalhe

Como consultar o auxílio emergencial

A consulta ao auxílio emergencial é feita online, no site da Dataprev, no qual é possível verificar o status do benefício. A seguir, apresentamos um passo a passo para consulta do auxílio 2021 Dataprev:

  1. Acesse o site Dataprev auxílio emergencial 2021;
  2. Preencha o formulário;
  3. Marque a caixa de recaptcha;
  4. Clique em “enviar”;
  5. Selecione “auxílio 2021”.

Como sacar o auxílio 2021

O saque do auxílio emergencial é por meio da apresentação de um código autorizador, uma vez que a conta social digital na qual o benefício é pago não possui cartão físico.

Mas, como obter esse código autorizador? Simples, no aplicativo Caixa Tem. Abaixo, apresentamos um passo a passo para facilitar a geração do código:

Publicidade

Publicidade

  1. Acesse o aplicativo Caixa Tem;
  2. Toque em “saque sem cartão”, que aparece no menu de serviços;
  3. Selecione “saque do auxílio emergencial”;
  4. Toque em “gerar código para saque”;
  5. Digite sua senha e finalize.

Pronto! O aplicativo exibirá o código autorizador, que deve ser apresentado no momento do saque. O beneficiário consegue tirar o dinheiro da conta em três canais: caixa eletrônico da Caixa Econômica Federal, correspondentes Caixa Aqui e lotéricas.

O código autorizador de saque do auxílio possui validade de uma hora, portanto, é importante utilizá-lo dentro desse período. Caso não consiga, terá de gerar um novo para sacar.

Está com a conta Caixa Tem bloqueada? Neste caso, o desbloqueio é obrigatório para efetuar o saque. O processo de desbloqueio é feito presencialmente em uma lotérica ou agência da Caixa, basta apresentar seu RG e CPF. Caso o saque já esteja disponível, conseguirá efetuá-lo imediatamente após o desbloqueio.

Quem tem direito a receber em 2021

O auxílio 2021 foi liberado somente para beneficiários que cumprem todos os requisitos do programa. A seguir, indicamos quais são os principais:

  • Ter recebido o auxílio em 2020;
  • Possuir renda mínima familiar per capita de até R$ 550,00, bem como renda familiar total de até R$ 3.300,00 ao mês;
  • Não ter emprego formal;
  • Não ser beneficiário de programas sociais, assistenciais ou trabalhistas, exceto do Bolsa Família e abono salarial PIS/Pasep;
  • Ter mais de 18 anos, com exceção de mães adolescentes;
  • Não ter, em 2019, bens acima de R$ 300.000,00;
  • Não ter recebido, no ano de 2019, rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70.

Vale lembrar que essa lista traz somente requisitos principais para receber o benefício, mas há outros divulgados pelo governo. Confira todos no site da Caixa Econômica Federal.

Calendário de pagamentos do auxílio emergencial 2021

O calendário de pagamentos do auxílio emergencial 2021, especificamente o da prorrogação do benefício, ainda não foi divulgado. Por enquanto, só se sabe as datas de pagamento para quem pertence ao Bolsa Família, porque os calendários de ambos os programas são os mesmos para esse público.

Publicidade

Publicidade

Abaixo, apresentamos qual é o calendário de pagamentos do auxílio 2021 para beneficiários do Bolsa Família. Confira quando receberá as parcelas da prorrogação:

5ª parcela do auxílio emergencial

  • NIS final 1: 18 de agosto
  • NIS final 2: 19 de agosto
  • NIS final 3: 20 de agosto
  • NIS final 4: 23 de agosto
  • NIS final 5: 24 de agosto
  • NIS final 6: 25 de agosto
  • NIS final 7: 26 de agosto
  • NIS final 8: 27 de agosto
  • NIS final 9: 30 de agosto
  • NIS final 0: 31 de agosto

6ª parcela do auxílio emergencial

  • NIS final 1: 17 de setembro
  • NIS final 2: 20 de setembro
  • NIS final 3: 21 de setembro
  • NIS final 4: 22 de setembro
  • NIS final 5: 23 de setembro
  • NIS final 6: 24 de setembro
  • NIS final 7: 27 de setembro
  • NIS final 8: 28 de setembro
  • NIS final 9: 29 de setembro
  • NIS final 0: 30 de setembro

7ª parcela do auxílio emergencial

  • NIS final 1: 18 de outubro
  • NIS final 2: 19 de outubro
  • NIS final 3: 20 de outubro
  • NIS final 4: 21 de outubro
  • NIS final 5: 22 de outubro
  • NIS final 6: 25 de outubro
  • NIS final 7: 26 de outubro
  • NIS final 8: 27 de outubro
  • NIS final 9: 28 de outubro
  • NIS final 0: 29 de outubro

Confira também:

Veja mais ›
Fechar