Auxílio emergencial tem fila de 885 mil pessoas esperando resposta

auxilio emergencial

De acordo com o Ministério da Cidadania, que cuida de benefícios sociais pagos à população, a fila de pessoas que não tiveram resposta sobre receber ou não o auxílio emergencial 2021 já chega a 885 mil.

Boa parte desse grupo é composto por beneficiários que contestaram o resultado negativo do auxílio há dois meses. Desde então, estão sem resposta se receberão ou não a ajuda financeira.

Publicidade

Publicidade

Este é o seu caso? Então, confira aqui se você tem direito ao benefício e como consultar o auxílio emergencial 2021 no site da Dataprev!

auxilio emergencial
auxilio emergencial | Fonte: Caixa Tem

Auxílio emergencial: corte no número de beneficiários

Desde 2020, o governo federal vem anunciando que não tem dinheiro para bancar novos pagamentos do auxílio emergencial. Em 2021, aprovaram uma nova rodada, mas com valores baixíssimos em comparação ao ano passado.

Basta lembrar que a parcela mínima inicial do auxílio em 2020 era de R$ 600,00. Hoje, o valor mínimo é de R$ 150,00, pago para famílias com uma pessoa. Famílias maiores recebem R$ 250,00 e mães chefes de família têm direito a R$ 375,00.

Publicidade

Publicidade

Segundo o governo, a redução do valor foi necessária para adequar os gastos com o programa ao orçamento anual. Além de diminuir a parcela, o governo também implementou novos requisitos para cortar beneficiários da lista.

Um deles é que não haverá inscrição para o auxílio 2021, somente quem recebeu o benefício em dezembro de 2020 poderá participar da seleção. Então, passaram a valer requisitos mais rígidos, principalmente no que se refere à renda, o que resultou no corte de várias famílias.

Inicialmente, o governo comunicou que pagaria o auxílio emergencial 2021 para 45,6 milhões de brasileiros. Hoje, paga somente para 39,1 milhões. Vale lembrar quem em 2020 o auxílio pagou ajuda financeira a 67,9 milhões de pessoas.

Além do corte inicial do número de beneficiários feito em abril, quando o novo auxílio começou a ser pago, o governo vem realizando análises e cortes mensais, tirando famílias que não atendem mais os requisitos básicos do programa.

Em alguns casos, disponibiliza para esses beneficiários a possibilidade de contestar o resultado negativo. Mas, nem sempre o resultado da nova análise sai rápido. A prova disso é que, segundo o Ministério da Cidadania, 885 mil pessoas ainda aguardam a resposta definitiva sobre o pagamento do benefício.

Quem tem direito ao auxílio emergencial 2021?

Um dos principais pré-requisitos para ter direito ao benefício é ter sido beneficiário do programa até dezembro de 2020. Se atender essa norma, terá de cumprir outros como:

  • Ser trabalhador informal ou beneficiário do Bolsa Família;
  • Não ter emprego formal ou ser servidor público;
  • Ter renda familiar mensal de até 3 salários mínimos, o equivalente a R$ 3.300. Além disso, precisa ter renda familiar per capita de até meio salário mínimo, o que dá R$ 550,00;
  • Não receber nenhum outro benefício, exceto no caso do Bolsa Família e abono salarial.

Como consultar o auxílio emergencial 2021?

Publicidade

Publicidade

O beneficiário consegue consultar o resultado do auxílio emergencial 2021 em três diferentes canais. Abaixo, apresentamos quais são eles e como utilizá-los:

Consulta auxílio emergencial Dataprev

Trata-se da consulta ao auxílio emergencial feita no site da Dataprev. É a alternativa que apresenta mais detalhes, incluindo o motivo de negativa. Confira um passo a passo para realizar essa consulta:

  1. Acesse o serviço de consulta ao auxílio emergencial, no site da Dataprev;
  2. Informe seu CPF, nome completo, nome de sua mãe e data de nascimento;
  3. Marque a caixa de recaptcha;
  4. Clique em “enviar”;
  5. Selecione a opção “auxílio 2021”.

Ao finalizar esse passo a passo, será possível verificar o status e resultado do benefício. Caso tenha sido negado, o motivo será especificado.

Consulta auxílio emergencial Caixa

Há, ainda, a possibilidade de consulta ao auxílio emergencial no site da Caixa Econômica Federal. Veja, a seguir, um passo a passo para efetuá-la:

  1. Acesse a página sobre o auxílio emergencial no site da Caixa;
  2. Clique em “acompanhe o seu benefício”;
  3. Informe seu nome, CPF, data de nascimento e nome de sua mãe;
  4. Marque a caixa de recaptcha;
  5. Clique em “continuar”.
Publicidade

Um detalhe importante: o resultado dessa consulta é resumido. Caso o benefício tenha sido negado e queira ter mais informações sobre isso, terá de fazer a consulta no site da Dataprev.

Publicidade

Consulta auxílio emergencial por telefone

Além das alternativas online, também dá para consultar o resultado do auxílio emergencial por telefone. Para isso, basta fazer uma ligação para o número 111 e informar seus dados pessoais.

Flavio CarvalhoGestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.
Veja mais ›
Fechar