IPVA SP 2022: 5ª e última parcela tem vencimento pra novo grupo nesta terça (14)

Termina nesta terça-feira (14) o prazo para pagamento da 5ª e última parcela do IPVA SP 2022. Saiba como pagar e mais!

Termina nesta terça-feira (14) o prazo para pagamento da 5ª e última parcela referente ao IPVA SP 2022 para veículo com final de placa 2. É importante que os proprietários de veículos estejam atentos, pois, ao deixar de pagar o tributo, os contribuintes ficam sujeitos a multa de 0,33% por dia de atraso.

Neste ano de 2022, o imposto poderia ser parcelado em até cinco vezes, de fevereiro a junho.

Publicidade

Publicidade

Nesta matéria do NoDetalhe, você fica sabendo como pagar o IPVA SP 2022, confere o calendário de pagamentos completo e ainda confere o calendário para quem é caminhoneiro. Continue lendo!

Como pagar o IPVA SP 2022?

IPVA SP 2022: 5ª e última parcela tem vencimento pra novo grupo nesta terça (14)
Termina nesta terça-feira (14) o prazo para pagamento da 5ª e última parcela do IPVA SP 2022. Saiba como pagar e mais! (Imagem: Pexels/Divulgação)

O proprietário de veículo tem algumas alternativas para fazer o pagamento do IPVA SP 2022. Confira a seguir.

  • Em qualquer rede bancária credenciada, com o número do RENAVAM;
  • Pela internet ou débito agendado, nos terminais de autoatendimento, nos guichês de caixa ou outros canais oferecidos pela instituição bancária;
  • Em casas lotéricas;
  • Com o cartão de crédito nas empresas credenciadas à Secretaria da Fazenda e Planejamento.

Como citamos anteriormente, uma das opções de pagamento é com cartão de crédito. Aqueles proprietários de veículo que escolherem essa opção devem ficar atentos ao número de parcelas definido pelas operadoras financeiras.

Publicidade

Publicidade

A Secretaria da Fazenda e Planejamento de São Paulo informa que os valores pagos ao correspondente bancário são repassados ao governo estadual de forma imediata. Além disso, não deve ser feito qualquer desconto ou encargo.

É importante lembrar que os proprietários que não quitarem o imposto dentro do prazo irão receber multa de 0,33% ao dia, além de juros com base na taxa Selic.

Ainda mais, se o contribuinte deixar passar mais de 60 dias após a data limite, a multa passa a ser de 20% sobre o montante. Depois que for feita a inscrição em dívida ativa, os acréscimos corresponderão a 40% do valor do IPVA.

Os contribuintes que fizeram o pagamento do imposto antecipadamente, ainda no mês de janeiro, tiveram direito a desconto de 9% sobre o valor do tributo. Enquanto isso, aqueles que fizeram o pagamento completo ainda  em fevereiro conseguiram desconto de 5%.

Calendário de pagamentos do IPVA SP 2022

A seguir, confira o calendário completo de pagamentos do IPVA SP 2022 e veja todos os prazos de pagamentos das parcelas do tributo.

Mês abril maio junho
Parcela 3ª Parcela
com desc. 5%
4ª Parcela
com desc. 5%
5ª Parcela
com desc. 5%
Placa Vencimento Vencimento Vencimento
Final 1 11/abr 11/mai 10/jun
Final 2 12/abr 12/mai 13/jun
Final 3 13/abr 13/mai 14/jun
Final 4 14/abr 16/mai 15/jun
Final 5 18/abr 17/mai 20/jun
Final 6 19/abr 18/mai 21/jun
Final 7 20/abr 19/mai 22/jun
Final 8 22/abr 20/mai 23/jun
Final 9 25/abr 23/mai 24/jun
Final 0 26/abr 24/mai 27/jun

Pagamento do IPVA SP 2022 para caminhoneiros

O calendário para quem é caminhoneiro já é um pouco diferente do calendário.

Calendário de pagamentos IPVA SP 2022 Caminhões
Calendário de pagamentos IPVA SP 2022 para caminhões. (Imagem: Reprodução/Sefaz-SP)

Licenciamento de veículos

Publicidade

Publicidade

A partir do pagamento do IPVA, o proprietário de veículo pode também licenciar o automóvel. Confira os prazos para fazer o licenciamento de veículos no estado de São Paulo.

  • Julho – Placas final 1 e 2
  • Agosto – Placas final 3 e 4
  • Setembro – Placas final 5 e 6
  • Outubro – Placas final 7 e 8
  • Novembro – Placa final 9
  • Dezembro – Placa final 0

Como é calculado o valor do IPVA?

É importante que os proprietários de veículos entendam como é calculado o valor do IPVA.

O valor do tributo é calculado de acordo com o veículo, usando o preço venal (preço estimado) do automóvel como base multiplicado por uma porcentagem, que varia de um estado para outro.

No caso de São Paulo, vale considerar que a alíquota é diferente de acordo com a categoria do veículo. Confira a seguir.

  • Carros de passeio: 4%;
  • Motos, caminhonetes cabine simples, micro-ônibus; ônibus e maquinário pesado: 2%;
  • Caminhões: 1,5%;
  • Veículos de locadoras: 1%.
Publicidade

Veja também: Sua conta no Caixa Tem pode ser bloqueada caso você não respeite essa regra

Publicidade

Redatora WebGo Content e bacharelanda em Comunicação Organizacional na UTFPR. Fã de café à meia noite e amante de fotografia de paisagens naturais.
Linkedin

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário