O que é a Tabela de Imposto de Renda? Como ela funciona?

O que é a Tabela de Imposto de Renda Como ela funciona (Imagem: Towfiqu Barbhuiya/Unsplash)
O que é a Tabela de Imposto de Renda Como ela funciona (Imagem: Towfiqu Barbhuiya/Unsplash)

A partir do dia 7 de março, os brasileiros já podem entregar a tão temida Declaração do Imposto de Renda 2022. Embora não tenha tido nenhuma alteração na Tabela de Imposto de Renda, as regras para a declaração deste ano já foram divulgadas pelo Governo Federal e contam com algumas mudanças em relação aos anos anteriores.

Nesta matéria do No Detalhe, você vai conferir a Tabela de Imposto de Renda de 2022 e tirar todas as suas dúvidas a respeito do cálculo do imposto. Continue lendo e evite cair nas garras do Leão!

Publicidade

Publicidade

Como é a tabela do Imposto de Renda?

A tabela do Imposto de Renda mostra as faixas de renda e as alíquotas de imposto cobradas em cima de cada uma delas. Com isso, o contribuinte tem uma noção de quanto quanto será a alíquota e de quanto será a parcela dedutível e, com essas informações, consegue planejar melhor a sua Declaração de Imposto de Renda de Pessoa Física.

Em 2022, a Tabela do Imposto de Renda (mensal) é a seguinte:

  • Salário de até R$ 1.903,98: isento de alíquota e parcela dedutível de R$ 0,00
  • Salário de R$ 1.903,98 a R$ 2.826,65: alíquota de 7,5% e parcela dedutível de R$ 142,80
  • De R$ 2.826,65 a R$ 3.751,06: alíquota de 15% e parcela dedutível de R$ 354,80
  • De R$ 3.751,06 a R$ 4.66468: alíquota de 22,5% e parcela dedutível de R$ 636,13
  • Acima de R$ 4.664,68: alíquota de 27,5% e parcela dedutível de R$ 869,36

Já a Tabela do Imposto de Renda (anual) de 2022 é a seguinte:

Publicidade

Publicidade

  • Salário de até R$ 22.847,76: isento de alíquota e parcela dedutível de R$ 0,00
  • Salário de R$ 22.847,77 até R$ 33.919,80: alíquota de 7.5% e parcela dedutível de R$ 1.713,58
  • De R$ 33.919,81 até R$ 45.012,60: alíquota de 15% e parcela dedutível de R$ 4.257,57
  • De R$ 45.01261 até R$ 55.976,16: alíquota de 22,5% e parcela dedutível de R$ 7.633,51
  • Acima de R$ 55.976,16: alíquota de 27,5% e parcela dedutível de R$ 10.432,32

2022 traz alguma mudança na Tabela do Imposto de Renda?

Não, não houve nenhuma mudança na Tabela do Imposto de Renda de 2022. As faixas salariais, as alíquotas e as parcelas dedutíveis permanecem as mesmas desde o ano de 2015, quando houve a última atualização.

De acordo com especialistas na área, como por exemplo o Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Sindifisco), a Tabela do Imposto de Renda, desde 1996, acumula uma defasagem de 134,53%. Mesmo assim, não há nenhuma previsão de quando ela terá uma nova atualização.

Com um ajuste para a realidade de hoje, levando-se em consideração a inflação atual, o número de contribuintes isentos de pagamento triplicaria.

Como funciona o cálculo do Imposto de Renda?

O Imposto de Renda é uma forma de arrecadação do Governo Federal que leva em consideração a renda dos brasileiros. Para o Cálculo do Imposto de Renda, a Receita Federal inclui não apenas o salário do contribuinte, mas também outras formas de rendimento, como venda de imóveis, herança, doações, investimentos, indenização trabalhista etc.

Por outro lado, alguns gastos que o contribuinte teve no ano tomado como base para a declaração são deduzidos (subtraídos) do imposto a se pagar. Como, por exemplo, despesas com saúde, educação, previdência (privada e do INSS) etc.

Há também o Imposto de Renda Retido na Fonte (IRRF), que é automaticamente descontado na folha de pagamento do trabalhador que recebe mais de R$ 1.903,98 por mês.

Publicidade

Publicidade

O cálculo do Imposto de Renda funciona, portanto, da seguinte maneira: você soma todos os rendimentos tributáveis e subtrai os gastos considerados dedutíveis. Essa é a base de cálculo que a Receita Federal utilizará, em conjunto com a alíquota correspondente à sua faixa de renda, para calcular o seu Imposto de Renda e determinar o quanto você está devendo ou o quanto você tem de restituição a receber (comparando, por exemplo, o quanto você deve de Imposto de Renda e o quanto foi automaticamente retido na fonte, em caso de trabalhadores assalariados).

Gostou dessa matéria? Pois aproveite e confira também:
PIS e FGTS: Trabalhadores podem ter milhões esquecidos; veja como consultar

Alexandre PeresEditor, redator e revisor da WebGo Content, graduado em Letras – Português/Inglês. Tem experiência com redação, revisão e editoração de textos para Web.
Veja mais ›
Fechar