Governo do Pará pagará a 11ª recarga do vale alimentação de R$ 80 para alunos

O governo do Pará liberou a 11ª recarga do vale alimentação de R$ 80,00 para 586 mil estudantes da rede de ensino estadual. Os valores começaram a ser creditados em 05 de julho e vão até o dia 20 do mesmo mês. Confira, aqui, mais informações sobre o pagamento!

carro de supermercado

O que é o vale alimentação Pará?

Trata-se de um benefício criado pelo governo do estado do Pará para estudantes da rede pública de ensino. A ajuda financeira foi implementada em 2020 com a suspensão de aulas presenciais devido à pandemia de Covid-19 e medidas de isolamento social. O vale alimentação paga um auxílio mensal de R$ 80,00 ao estudante desde abril de 2020.

Publicidade

Publicidade

Quem tem direito ao vale alimentação no Pará?

O programa tem como foco os estudantes da rede estadual de ensino, ou seja, aqueles que estão no ensino médio público e em aulas remotas. Também têm direito ao benefício os alunos de escolas técnicas de ensino.

De acordo com o governo estadual, 586 mil alunos foram contemplados, o que gerou uma despesa de R$ 497 milhões ao Pará. Para pagamento do programa, o governo utilizou recursos do tesouro estadual.

Como receber o auxílio?

O período de inscrições foi encerrado e a 11ª e última parcela será paga ainda em julho. O pagamento é feito por meio de crédito em um cartão do programa, que pode ser utilizado em estabelecimentos comerciais para comprar alimentos.

Publicidade

Publicidade

Calendário de pagamento da 11ª do vale alimentação Pará

O pagamento é liberado de forma escalonada, sendo que em cada uma das datas uma região do Pará recebe o benefício. Veja, a seguir, os dias de pagamento e regiões que receberão:

Dia 05/07

Região de Guajará: Ananindeua, Belém, Benevides, Marituba e Santa Bárbara do Pará.

Dia 06/07

Região de Rio Capim: Abel Figueiredo, Aurora do Pará, Bujaru, Capitão Poço, Concórdia do Pará, Dom Eliseu, Garrafão do Norte, Ipixuna do Pará, Irituia, Mãe do Rio, Nova Esperança do Piriá, Ourém, Paragominas, Rondon do Pará, Tomé-Açu e Ulianópolis.

Dia 07/07

Região de Tapajós: Aveiro, Itaituba, Jacareacanga, Novo Progresso, Rurópolis e Trairão.

Dia 08/07

Região de Tocantins: Abaetetuba, Acará, Baião, Barcarena, Cametá, Igarapé-Miri, Limoeiro do Ajuru, Mocajuba, Moju, Oeiras do Pará e Tailândia.

Dia 09/07

Região de Araguaia: Água Azul do Norte, Bannach, Conceição do Araguaia, Cumaru do Norte, Floresta do Araguaia, Ourilândia do Norte, Pau D’Arco, Redenção, Rio Maria, Santa Maria das Barreiras, Santana do Araguaia, São Félix do Xingu, Sapucaia, Tucumã e Xinguara.

Dia 12/07

Publicidade

Publicidade

Região de Baixo Amazonas: Alenquer, Almeirim, Belterra, Curuá, Faro, Juruti, Mojuí dos Campos, Monte Alegre, Óbidos, Oriximiná, Prainha, Santarém e Terra Santa.

Dia 13/07

Região de Carajás: Bom Jesus do Tocantins, Brejo Grande do Araguaia, Canaã dos Carajás, Curionópolis, Eldorado do Carajás, Marabá, Palestina do Pará, Parauapebas, Piçarra, São Domingos do Araguaia, São Geraldo do Araguaia e São João do Araguaia.

Dia 14/07

Região de Guamá: Castanhal, Colares, Curuçá, Igarapé-Açu, Inhangapi, Magalhães Barata, Maracanã, Marapanim, Santo Antônio do Tauá, Santa Maria do Pará, Santa Izabel do Pará, São Caetano de Odivelas, São Domingos do Capim, São Francisco do Pará, São João da Ponta, São Miguel do Guamá, Terra Alta e Vigia de Nazaré.

Dia 15/07

Região de Lago de Tucuruí: Breu Branco, Goianésia do Pará, Itupiranga, Jacundá, Nova Ipixuna, Novo Repartimento e Tucuruí.

Dia 16/07

Publicidade

Região de Marajó: Afuá, Anajás, Bagre, Breves, Cachoeira do Arari, Chaves, Curralinho, Gurupá, Melgaço, Muaná, Ponta de Pedras, Portel, Salvaterra, Santa, Cruz do Arari, São Sebastião da Boa Vista e Soure.

Publicidade

Dia 19/07

Região de Rio Caeté: Augusto Corrêa, Bonito, Bragança, Cachoeira do Piriá, Capanema, Nova Timboteua, Peixe-Boi, Primavera, Quatipuru, Salinópolis, Santa Luzia do Pará, Santarém Novo, São João de Pirabas, Tracuateua e Viseu.

Dia 20/07

Região de Xingu: Altamira, Anapu, Brasil Novo, Medicilândia, Pacajá, Placas, Porto de Moz, Senador José Porfírio, Uruará e Vitória do Xingu.

Retorno as aulas presenciais no Pará

O governo anunciou o retorno às aulas presenciais no Pará, especificamente na rede estadual, para o dia 2 de agosto. Elas estavam suspensas desde 18 de março de 2020, quando a Secretaria de Estado de Educação adotou medidas de isolamento social em decorrência da pandemia do novo coronavírus.

Publicidade

Publicidade

Desde então, o governo vinha disponibilizando videoaulas na TV Cultura do Pará, bem como áudios educativos no Seducast e conteúdos de aprendizagem na ferramenta Para Casa, para possibilitar os estudos em casa.

Flavio Carvalho
Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.
FacebookLinkedinTwitter

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário