2 mentiras e 2 verdades contadas por Ciro Gomes no Jornal Nacional

Alexandre G. Peres

24/08/2022

Na noite da última terça-feira (23), o candidato à presidência Ciro Gomes (PDT) participou da segunda edição da sessão de sabatinas que o Jornal Nacional, da Rede Globo, está fazendo com candidatos nestas eleições de 2022.

A seguir, você vai ver 2 mentiras e 2 verdades que Ciro Gomes contou à bancada do Jornal Nacional durante sua passagem pela emissora.

“[Fui] o mais popular governador do Brasil” — VERDADE

Em setembro de 1994, Ciro Gomes (na época filiado ao PSDB) deixou o cargo de governador do Ceará com 74% de aprovação, a melhor porcentagem entre os 12 estados levados em consideração durante uma pesquisa do Datafolha da época, com uma distância considerável para o segundo colocado, Pedro Pedrossian, do PTB. que teve 58% de avaliação como governador do Mato Grosso do Sul.

“Você, indeciso, sabe quantos [são] vocês? Mais da metade da população” — MENTIRA

Essa informação não é verdadeira. Diversas pesquisas vêm mostrando que o número de indecisos quando o assunto é candidato à presidência é bem baixo. Com a polarização, a maioria esmagadora da população brasileira já está bem decidida em quem votar.

A última pesquisa do Inteligência em Pesquisa e Consultoria (Ipec), instituto que veio substituir o antigo Ibope, revelou que o número de indecisos é de apenas 7% dos eleitores. Ou seja, o número está bem distante do apresentado por Ciro Gomes.

“No Brasil morreram 11 de cada 100 pessoas que morreram no mundo na pandemia” — VERDADE

O Brasil foi um dos países mais afetados pela pandemia de Covid-19. No mesmo trecho da entrevista, Ciro Gomes menciona que o Brasil tem 3% da população do mundo, o que também é verdade.

Ao todo, 682.941 brasileiros morreram de Covid-19. Se levarmos em consideração a possibilidade de grande parte dos casos não terem sido devidamente notificados, a realidade pode ser bem pior.

No mundo, há 6.451.016 mortes por Covid19. Ou seja, apenas o Brasil tem 10,6% (682.941) de todas as mortes pela doença no mundo, valor que pode ser arredondado para 11 a cada 100 (11%).

“Fortaleza não tem mais áreas de risco” — MENTIRA

Enaltecendo o trabalho que fez no Ceará e como prefeito de Fortaleza, Ciro Gomes afirmou que a capital do estado não tem mais áreas de risco.

Porém, de acordo com a Central de Segurança da Prefeitura de Fortaleza, a cidade atualmente tem 89 áreas de risco, com 21.345 vivendo sob essa condição.

Para a defesa civil da cidade, “área de risco” é toda aquela que, por diferentes tipos de vulnerabilidade, podem ameaçar a segurança de seus habitantes.

Você também pode gostar de ler:
Pix foi CRIADO POR BOLSONARO? Servidores do Banco Central explicam…

Alexandre G. Peres
Escrito por

Alexandre G. Peres

Editor, redator e revisor da WebGo Content, graduado em Letras – Português/Inglês. Tem experiência com redação, revisão e editoração de textos para Web.

0

Aguarde, procurando sua resposta