Auxílio emergencial de São João: conheça as cidades que vão pagar benefício para profissionais afetados pela falta da festa

Pelo segundo ano consecutivo, as cidades brasileiras não irão celebrar as tradicionais “festas juninas”, eventos que em muitos lugares geram renda para milhares de pessoas. Por conta disso, duas capitais nordestinas e o Governo de Pernambuco irão oferecer um auxílio emergencial de São João.

Como as festas de São João são eventos que atraem muitos turistas em diversas cidades, principalmente na região Nordeste, os cancelamentos por questão de segurança deixaram muitos profissionais sem renda durante a pandemia de Covid-19.

Publicidade

Publicidade

Auxílio são joão
Auxílio são joão | Foto: Divulgação/Gilson Teixeira

Por isso, pelo menos duas cidades já anunciaram que oferecerão auxílio financeiro para trabalhadores do setor cultural prejudicados pela falta das festas de São João: Recife-PE e São Luís-MA, além do auxílio estadual em Pernambuco.

Veja também: Quando desempregados vão começar a receber salário de R$1.100 de auxílio?

Auxílio de São João em São Luís

A Prefeitura da capital maranhense anunciou um auxílio que varia de R$ 1 mil a R$ 10 mil. Chamado de “Auxílio Municipal Emergencial do São João”, o benefício é destinado a grupos e manifestações culturais juninas diretamente afetadas pela pandemia.

Publicidade

Publicidade

As inscrições para o programa abriram na segunda-feira (21/06) e seguem até o dia 30 de junho. Segundo o edital, os interessados em receber o benefício devem se inscrever pelo site do programa, que estava apresentando problemas no momento em que se texto foi escrito.

Podem participar do Auxílio Emergencial do São João brincantes, grupos e manifestações que fazem parte das seguintes categorias:

  • Artes cênicas;
  • Cantores(as) e músicos(as) instrumentistas;
  • Dança Regional;
  • Bumba Meu Boi;
  • Tambor de Crioula;
  • Grupo Alternativo.

O benefício é voltado tanto a pessoas físicas quanto pessoas jurídicas residentes e domiciliadas em São Luís. Além disso, os candidatos também devem comprovar atuação nos Circuitos Oficiais do São João na capital maranhense em algum momento nos últimos três anos.

No caso das pessoas jurídicas, podem participar empresas e instituições sem fins lucrativos que sejam de natureza cultural e se encaixem nas demais condições do edital. Enquanto isso, pessoas físicas devem ser maiores de 18 anos para ter direito ao auxílio.

A divulgação do resultado da análise das inscrições está marcado para o dia 7 de julho, e a lista final dos aprovados deve ser divulgado no dia 13 de julho. O início dos pagamentos para os contemplados será no dia 19 de julho.

Vagas e valores

A quantidade de vagas disponibilizadas pelo edital e o valor do benefício variam conforme a categoria profissional. A distribuição ficou da seguinte maneira:

  • Cantores(as) e instrumentistas – 120 vagas e benefício de R$ 1 mil;
  • Artes cênicas – 4 vagas e benefício de R$ 1 mil;
  • Bumba Meu Boi com menos de 25 anos de fundação – 32 vagas e benefício de R$ 5 mil;
  • Bumba Meu Boi com mais de 25 anos de fundação – 32 vagas e benefício de R$ 10 mil;
  • Dança Regional – 64 vagas e benefício de R$ 2 mil;
  • Grupo Alternativo – 10 vagas e benefício de R$ 5 mil;
  • Tambor de Crioula – 69 vagas e benefício de R$ 2 mil.
Publicidade

Publicidade

O Auxílio Emergencial do São João será pago em parcela única pela Secretaria Municipal de Cultura de São Luís, e não há exigência de contrapartida obrigatória para os participantes.

Para conferir mais informações sobre o benefício e saber como se inscrever, basta acessar o edital do programa.

Veja também: Como antecipar o auxílio emergencial e receber antes da data liberada pela Caixa

Auxílio de São João em Pernambuco

Em Pernambuco, estão abertas as inscrições para o “Auxílio Emergencial Ciclo Junino”. O benefício é destinado a artistas e grupos culturais que participaram dos ciclos juninos de 2018 e 2019 e foram impedidos de promover suas atividades juninas pelo segundo ano consecutivo.

Publicidade

As inscrições seguem até às 18 horas do dia 9 de julho e devem ser realizadas pela plataforma online Prosas. Antes de se inscrever é necessário criar uma conta como “empreendedor” e informar os dados obrigatórios do formulário de cadastro. Em seguida, é importante conferir o edital com as regras para participação no programa, disponível no próprio site.

Publicidade

Têm direito ao auxílio grupos como quadrilhas juninas, trios de forró pé-de-serra, cirandas, grupos de coco, xaxado, bandas de forró, bacamarteiros, bois e artistas solo.

Auxílio municipal no Recife

Na capital pernambucana, o auxílio municipal também é voltado a profissionais do setor cultural afetados pelos cancelamentos das festas de São João. O valor do benefício varia de R$ 1,5 mil a R$ 10 mil, e o investimento total do município deve ser de R$ 2,7 milhões, segundo o prefeito João Campos (PSB).

A expectativa da Prefeitura do Recife é que o auxílio contemple mais de 500 beneficiários entre bandas, agremiações e artistas que participaram do São João da cidade nos últimos três anos.

Publicidade

Publicidade

A prefeitura do Recife ainda não divulgou como serão feitas as inscrições para o auxílio municipal de São João. Em caso de dúvidas, basta entrar em contato com a Secretaria de Cultura do Recife pelo e-mail [email protected]

Fonte: G1.

Jornalista, ator profissional licenciado pelo SATED/PR e ex-repórter do Jornal O Repórter. Ligado em questões políticas e sociais, busca na arte e na comunicação maneiras de lidar com o incômodo mundo fora da caverna.
FacebookLinkedinTwitterYoutube

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário