Prefeitura de Curitiba começa a pagar 4ª parcela do auxílio alimentação de R$ 70

A prefeitura de Curitiba começou a pagar a quarta parcela do auxílio alimentação de R$ 70,00 para famílias que estão em situação de extrema pobreza. Trata-se de um benefício criado durante a pandemia para ajudar quem está em vulnerabilidade social.

Veja, aqui, detalhes sobre o benefício, quem tem direito ao auxílio alimentação Curitiba e quais são as datas do calendário de pagamentos da quarta parcela divulgado pela prefeitura.

Publicidade

Publicidade

Auxílio alimentação

O que é o auxílio alimentação Curitiba?

Trata-se de um benefício criado pela prefeitura de Curitiba durante a pandemia, para ajudar famílias que estão em situação de extrema pobreza. O valor do auxílio é de R$ 70,00 pagos em três parcelas, renováveis para mais 90 dias.

Quem tem direito ao auxílio alimentação da prefeitura de Curitiba?

Apenas famílias que estão em situação de extrema pobreza e têm inscrição no CadÚnico (Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal) têm direito ao auxílio alimentação.

Se você se atende ao requisito de renda (ganhar até R$ 89,00 por mês), mas não possui CadÚnico, é possível realizá-lo em um CRAS (Centro de Referência da Assistência Social).

Publicidade

Publicidade

Como fazer seu CadÚnico?

O CadÚnico é feito no CRAS, que possui unidades em diversos endereços da cidade. Para identificar o mais próximo de você, acesse o site da prefeitura e vá ao local para realizar seu cadastro.

Leve consigo um documento de identificação oficial com foto, como o RG ou CNH, e seu CPF. O comprovante de endereço não é obrigatório, no entanto agiliza o atendimento. Portanto, apresente um se tiver.

Também é preciso apresentar documentos de identificação de pessoas que moram na mesma casa (que pertencem ao mesmo grupo familiar). RG, CPF ou certidão de nascimento ou casamento são aceitas.

Como solicitar o auxílio alimentação Curitiba?

A prefeitura não abriu inscrições para o benefício, mas sim fez um levantamento de pessoas com CadÚnico que estão em situação de extrema pobreza e as incluiu no programa. Caso sua família tenha direito ao benefício, o CRAS entra em contato para comunicar isso e esclarecer como receber o auxílio alimentação.

De acordo com a prefeitura de Curitiba, 29,3 mil famílias cumprem os requisitos do programa e têm direito ao benefício, mas o auxílio alimentação pode ser liberado para um total de 35 mil famílias.

Como o pagamento do auxílio alimentação é feito?

O pagamento é feito por meio da liberação do crédito para uso em Armazéns da Família. Para usar o benefício, basta comparecer a um Armazém próximo de sua residência ou trabalho e apresentar CPF e um documento de identificação com foto.

Publicidade

Publicidade

O beneficiário conseguirá utilizar o benefício de R$ 70,00 para comprar mais de 300 produtos que contemplam gêneros alimentícios, de higiene pessoal e produtos de limpeza. Confira no site da prefeitura os endereços dos Armazéns da Família.

Um detalhe importante: o beneficiário consegue usar o auxílio alimentação somente na capital. Se tentar utilizá-lo em Armazéns da Família na Região Metropolitana, não terá a liberação do valor.

Calendário de pagamentos do auxílio alimentação Curitiba

  • Grupo 1: a partir de 27 de julho
  • Grupo 2: a partir de 03 de agosto
  • Grupo 3: a partir de 10 de agosto
  • Grupo 4: a partir de 17 de agosto
  • Grupo 5: a partir de 24 de agosto

Vale lembrar que essas datas correspondem ao pagamento da quarta parcela do benefício. O auxílio tem validade de 30 dias contados a partir da data de liberação da ajuda financeira, portanto, tente utilizá-lo dentro desse período.

Quem pode retirar o auxílio alimentação Curitiba?

Apenas o titular do CadÚnico consegue retirar o auxílio alimentação. Caso queira que outra pessoa da família tenha acesso ao benefício para fazer compras, é obrigatório cadastrá-la no CRAS para que o crédito seja liberado.

Preciso usar o auxílio alimentação Curitiba de uma só vez?

Publicidade

O beneficiário não precisa usar os R$ 70,00 de uma só vez, dá para ir comprando alimentos de acordo com sua necessidade. No entanto, lembre-se que o benefício tem um prazo de validade de trinta dias.

Publicidade

Se não o utilizar dentro desse período, o saldo expira e não pode ser reativado. Logo, se quiser aproveitar ao máximo o auxílio alimentação é importante utilizá-lo totalmente dentro do prazo, que é contado a partir da data de liberação.

Flavio Carvalho
Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.
FacebookLinkedinTwitter

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário