560 mil pessoas ainda não fizeram saque do Abono Salarial – prazo termina 30 de junho

De acordo com a Caixa Econômica Federal, 560 mil trabalhadores ainda não fizeram o saque do abono salarial do calendário 2020-2021, ano base 2019.

O prazo para sacar o benefício termina em 30 de junho. Caso não o faça até a data máxima, terá de aguardar até o próximo calendário de pagamentos para acessar o valor.

Publicidade

Publicidade

Segundo a Caixa, o abono salarial fica reservado ao trabalhador que tem direito ao benefício pelo prazo máximo de cinco anos.

Não sabe se tem direito ao abono salarial, muito menos como fazer para sacá-lo? Aqui, damos essas informações. Confira e saiba como proceder!

abono salarial pis pasep pagamento

O que é o abono salarial?

O abono salarial é um benefício criado em 1990, destinado a trabalhadores de baixa renda da iniciativa privada e pública que atendem os requisitos estabelecidos em lei.

Publicidade

Publicidade

O programa paga até um salário mínimo vigente, com valor estabelecido de acordo com a quantidade de meses trabalhados no ano-base. Quanto maior o período, maior o valor do benefício.

Quem tem direito a receber o abono salarial?

O abono salarial é pago para o trabalhador cadastrado no PIS (Programa de Integração Social) ou PASEP (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público) há no mínimo cinco anos. Além disso, também é preciso cumprir os seguintes requisitos:

  • Ter trabalhado, com recebimento de remuneração, para pessoa jurídica pelo período mínimo de 30 dias, consecutivos ou não, no ano-base considerado para o cálculo do benefício;
  • Ter recebido, em média, até dois salários mínimos no ano-base utilizado para o cálculo do abono salarial;
  • Ter dados informados corretamente pelo empregado à RAIS (Relação Anual de Informações Sociais) ou e-Social.

Quem NÃO tem direito ao abono salarial?

  • Empregados domésticos;
  • Trabalhadores rurais empregados por pessoa física;
  • Trabalhadores urbanos empregados por pessoa física;
  • Trabalhadores empregados por pessoa física equiparada a jurídica.

Como consultar o abono salarial?

Quem ainda está em dúvida se atende os requisitos do programa pode fazer uma consulta online para saber se tem algum valor de abono salarial liberado. A seguir, apresentamos um passo a passo de como consultar:

  1. Acesse o site de consulta da Caixa;
  2. Informe seu CPF, NIS ou e-mail e senha, caso já tenha cadastro. Se não tiver, digite o dado de identificação e clique em “cadastrar/esqueci senha” e siga as recomendações dadas no site;
  3. No menu superior principal, clique em “PIS”.

Pronto! Se houver algum valor liberado, o site informará quanto. Vale lembrar que essa consulta é válida somente para trabalhadores da iniciativa privada. Caso atue como servidor público, a consulta é outra, conforme indicado a seguir:

  1. Acesse o site de consulta Pasep;
  2. Informe seu número de inscrição Pasep, que está em sua carteira de trabalho. Se preferir, é possível consultar informando CPF e data de nascimento;
  3. Marque a caixa de recaptcha;
  4. Clique em “confirmar”.

Qual o valor do abono salarial?

O valor do abono salarial é de até um salário mínimo vigente (R$ 1.100,00 em 2021) e varia conforme o tempo em que a pessoa trabalhou no ano-base (2019).

Se trabalhou durante todo o ano, receberá um salário mínimo. Caso tenha atuado por menos de 12 meses, receberá um valor proporcional ao período de trabalho.

Publicidade

Publicidade

Por exemplo, suponha que trabalhou por seis meses em 2019. Neste caso, basta dividir o salário mínimo atual por 12, o que dá R$ 91,67. O governo arredonda o valor, portanto, para cálculo utiliza-se R$ 92,00.

Então, multiplique R$ 92,00 pelo número de meses trabalhados, o que dá R$ 552,00 de abono salarial.

Como fazer o saque do abono salarial

O pagamento do abono salarial é feito de diferentes formas, de acordo com o perfil do trabalhador. No caso da iniciativa privada, o abono salarial do PIS pode ser pago com crédito em conta, caso seja correntista da Caixa.

Se não for, o benefício é pago via Caixa Tem, que também é utilizado para o pagamento do auxílio emergencial. Já para servidores públicos, o crédito é feito em conta do Banco do Brasil.

Publicidade

Caso queira sacar o benefício, poderá fazê-lo em terminais de autoatendimento, lotéricas e correspondentes Caixa Aqui, se for correntista da Caixa. Caso tenha recebido via Caixa Tem, gere um código autorizador de saque no app e apresente essa informação em um dos canais de saque.

Publicidade

Servidores públicos conseguem sacar o benefício normalmente em agências do Banco do Brasil, utilizando o cartão de débito de sua conta.

Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.
FacebookLinkedinTwitter

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário