Regras do Seguro Desemprego 2024: tudo o que você precisa saber

Felipe Matozo

11/10/2023

O Seguro-Desemprego é um benefício oferecido a trabalhadores demitidos sem justa causa e que se encontram em situação de desemprego, então é importante ficar atento às principais regras para 2024.

Quem tem direito ao seguro-desemprego em 2024?

Regras do Seguro Desemprego 2024_ tudo o que você precisa saber

Veja as principais regras do Seguro Desemprego para 2024.

Para poder solicitar o seguro-desemprego em 2024, é necessário cumprir alguns requisitos.

Primeiramente, o trabalhador precisa ter sido demitido sem justa causa, ou seja, ter sido dispensado do emprego por decisão do empregador. Além disso, deve estar desempregado no momento da requisição do benefício.

Outro critério importante é ter sido empregado formalmente, com registro em carteira de trabalho.

É necessário também não possuir renda própria, ou seja, não exercer atividade remunerada como trabalhador autônomo, MEI ou como empresário.

Além disso, o solicitante não pode estar recebendo outros benefícios da Previdência Social, como auxílio-doença ou aposentadoria.

Valor do Seguro-Desemprego 2024

O valor do seguro-desemprego varia de acordo com a média salarial dos últimos meses trabalhados.

O valor mínimo do seguro-desemprego é equivalente a um salário mínimo vigente no país. Em 2024, a proposta do governo federal para o salário mínimo é que ele seja de R$ 1.421, mas o valor ainda não foi confirmado.

Já em relação ao valor máximo do seguro-desemprego em 2024, ainda não se sabe qual deve ser esse valor, mas ele também será definido com base no salário mínimo. Em 2023, por exemplo, o teto do Seguro-Desemprego foi de R$ 2.230,97.

Como calcular o valor do benefício?

Para calcular o valor do seguro-desemprego, é necessário considerar a média salarial dos últimos meses trabalhados.

Essa média é calculada dividindo-se a soma dos salários pelos últimos meses trabalhados pelo número de meses que compõem esse período.

A partir desse valor médio, é possível saber em qual faixa salarial se encaixa e, assim, determinar o valor do benefício.

O cálculo é feito utilizando uma tabela disponibilizada pelo governo, que estabelece as faixas salariais e os valores correspondentes a cada uma delas.

Tabela para calcular o valor do seguro-desemprego

A tabela para calcular o valor do seguro-desemprego estabelece diferentes faixas salariais e os valores correspondentes a cada uma delas. Em 2023, a tabela foi a seguinte:

  • Para trabalhadores que possuem uma média salarial de até R$ 1.968,36, o valor do benefício foi calculado multiplicando-se essa média por 0,8.
  • Para aqueles que possuem uma média salarial entre R$ 1.968,37 a R$ 3.280,93, o cálculo é um pouco diferente. O valor do benefício foi igual à média salarial multiplicada por 0,5, somada à diferença entre a média e R$ 1.349,43.
  • Para pessoas com média salarial superior a R$ 2.811,60, o valor do seguro-desemprego ficou fixo em R$ 2.230,97, teto estabelecido para 2023.

Como solicitar o seguro-desemprego?

A solicitação do seguro-desemprego pode ser feita de três formas: pelo portal gov.br, pelo aplicativo SINE-Fácil ou presencialmente em uma unidade das Superintendências Regionais do Trabalho.

Essas opções visam facilitar o acesso ao benefício e permitir que o trabalhador escolha a forma mais conveniente para ele.

Quanto ao prazo para dar entrada no seguro-desemprego, é importante destacar que o trabalhador tem um período de até 120 dias para realizar a solicitação. Esse prazo é contado a partir da data da demissão.

Portanto, é fundamental que o trabalhador fique atento aos prazos para não perder a oportunidade de receber o benefício.

Como é feito o pagamento?

O pagamento do seguro-desemprego pode ser realizado de diversas formas.

O trabalhador pode optar pelo depósito em conta bancária, na conta poupança da CAIXA, na conta poupança social digital da CAIXA (Caixa Tem) ou receber o benefício através de terminais de autoatendimento, lotéricas ou agências da CAIXA.

Essas opções visam proporcionar comodidade e facilidade ao trabalhador para que ele possa receber o benefício de acordo com a sua preferência.

Você também pode gostar de ler
Recebi seguro desemprego em 2023, posso receber em 2024?

Felipe Matozo
Escrito por

Felipe Matozo

Jornalista, ator profissional licenciado pelo SATED/PR e ex-repórter do Jornal O Repórter. Ligado em questões políticas e sociais, busca na arte e na comunicação maneiras de lidar com o incômodo mundo fora da caverna.