Revelado o segredo do faturamento de um dos principais bancos digitais do Brasil

Revelado o segredo do faturamento de um dos principais bancos digitais do Brasil

Uma das mais instituições financeiras do Brasil na atualidade é o Nubank, que tem milhões de clientes no país e oferece diversas vantagens e benefícios. Para muitos, ainda é um mistério o segredo do faturamento do Nubank.

Porém, as estratégias usadas pela fintech são mais claras do que parecem ser.

Publicidade

Publicidade

A seguir, você fica sabendo como o Nubank se tornou uma das maiores empresas da América Latina e os fatores que fazem com que a empresa tenha um grande faturamento.

Nubank é uma das instituições mais inovadoras da América Latina

Revelado o segredo do faturamento de um dos principais bancos digitais do Brasil
O Nubank é uma das maiores instituições financeiras presentes na América Latina. Conheça o segredo do faturamento da fintech. (Imagem: Reprodução/Internet)

A revista americana conhecida por Fast Company elegeu o Nubank como uma das empresas mais inovadoras da América Latina ainda em 2018. Mais do que isso, o Nubank era a empresa mais inovadora do Brasil.

Um dos principais motivos para que o Nubank tenha tanto destaque é que a fintech costuma ir contra as altas taxas cobradas no cartão de crédito por outras instituições financeiras, como é o caso de muitos bancos tradicionais.

Publicidade

Publicidade

A política da instituição de pagamentos é não cobrar anuidade, nem mesmo tarifas mensais aos clientes.

Além de tudo, devemos lembrar que o Nubank conta com uma notável acessibilidade aos serviços, o que também contribuiu para que a instituição fosse reconhecida há mais ou menos quatro anos. Afinal, o Nubank não tem agências físicas e tudo pode ser resolvido sem grandes burocracias e com muita praticidade.

O que o Nubank faz para ganhar dinheiro?

É certo que o Nubank é uma instituição que oferece uma série de vantagens aos clientes e uma série de benefícios bem interessantes. Não é à toa que o Nubank é o banco digital mais baixado do Brasil, mesmo com as ações sendo tão baratas na bolsa de valores, valendo menos que o Banco Itaú. Em geral, a fintech oferece um relacionamento legal e transparente com os clientes.

Em relação aos consumidores, o que deixa o Nubank tão à frente de outras organizações é o fato de que não tem cobrança de anuidade, nem taxas de manutenção pelos seus serviços oferecidos.

A principal fonte de receita da fintech, e que o é o grande segredo de faturamento do Nubank, é a chamada “interchange“.

No momento em que uma compra é realizada com a maquininha de cartão, há uma cobrança que é paga em três partes:

  • Uma parcela vai para o lojista;
  • Outra parte vai para a bandeira do cartão de crédito; e
  • A última vai para o Nubank.
Publicidade

Publicidade

Isso porque o lojista deve sempre pagar um valor pela transação, que costuma ser de, em média, 5% do valor total da compra.

Além desse, outros ganhos que o Nubank adquire estão por trás dos juros cobrados no atraso ou financiamento da fatura do cartão de crédito.

Cristina Junqueira, que é a cofundadora da empresa, afirma que essa é uma pequena parcela que a empresa fatura.

Também devemos lembrar que o Nubank é uma instituição que conta com certos programas e benefícios, que têm uma boa adesão dos clientes, também porque os preços costumam ser acessíveis e os contratos geralmente não têm letras miúdas, como a própria instituição costuma afirmar.

Publicidade

Ou seja, os clientes podem até não pagar taxas e tarifas, mas fazem pagamentos na hora de aderir a esses programas e benefícios, como é o caso do Nubank Vida, Nubank Seguro Celular e mais.

Publicidade

Essa adesão é opcional e o valor é convertido em benefícios para o consumidor. Mesmo assim, como comentamos anteriormente, os valores são acessíveis e costumam chamar a atenção dos usuários por isso.

Afinal, outras instituições costumam cobrar preços mensais bastante elevados pela contratação de certos benefícios. Assim, os programas do banco roxinho tendem a ser mais atraentes para os consumidores. Então, isso com certeza é parte do segredo de faturamento do Nubank.

O Nubank obteve lucro de R$ 76 milhões ao longo do primeiro semestre de 2021. Os ganhos da fintech se dividem em:

  • 20% recarga;
  • 6% empréstimo pessoal;
  • 3% anuidade (algumas modalidades);
  • 2% saques (algumas modalidades);
  • 2% acolhimento;
  • 1% tarifas e similares;
  • 41% intercâmbio;
  • 25% juros (cartão de crédito).
Publicidade

Publicidade

Atualmente, a instituição de pagamentos tem mais de 40 milhões de clientes, estando entre as empresas mais valiosas do Brasil. O montante é de US$52 bilhões. As ações estão em US$ 9,92, 10% a mais do que o valor referente ao IPO (circulação na bolsa de valores).

Veja também: Aposentados e pensionistas do INSS devem estar atentos a estas datas ao longo de 2022

Elouise LopesRedatora WebGo Content e bacharelanda em Comunicação Organizacional na UTFPR. Fã de café à meia noite e amante de fotografia de paisagens naturais.
Veja mais ›
Fechar