IPVA 2022 SP: Pagamento em até 5x começa a ser cobrado em fevereiro. Veja calendário completo

O parcelamento do IPVA 2022 SP começa em fevereiro. Ele pode ser feito em até cinco parcelas, com 5% de desconto. Veja como pagar o imposto!

O parcelamento do IPVA 2022 SP começa neste mês. Em 2022, o Governo de São Paulo estendeu o prazo de pagamentos e instituiu um maior desconto para pagamento em cota única, como uma forma de mitigar os efeitos da pandemia de covid-19. 

Neste ano, o valor venal dos veículos ficou, em média, 22,54% mais caro, de acordo com uma pesquisa da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) para a Secretaria de Fazenda e Planejamento. Consequentemente, o IPVA também aumentou. 

Publicidade

Publicidade

O que acontece é que os carros estão mais caros. Devido à alta da inflação e do dólar e da falta de suprimentos para a indústria automobilística, os preços dos veículos subiram. É um dos reflexos da pandemia. Por isso, o governo de São Paulo ampliou o número de parcelas de pagamento, de três para cinco, e concedeu um desconto maior. É a forma de atenuar a situação”, afirma o secretário da Fazenda e Planejamento, Henrique Meirelles.

As alíquotas permanecem as mesmas:

  • 4% para carros de passeio; 
  • 2% para motocicletas e similares, caminhonetes cabine simples, micro-ônibus, ônibus e maquinário pesado; 
  • 1,5% para caminhões;
  • 1% para os veículos de locadoras, registrados em São Paulo. 

A Secretaria de Estado da Fazenda de São Paulo espera arrecadar R$ 21,8 bilhões em 2022 com o IPVA. Dos 26 milhões de veículos no estado, 17,8 milhões estão sujeitos ao recolhimento,  7,5 milhões estão isentos por terem mais de 20 anos de fabricação e cerca de 612 mil veículos são considerados isentos, imunes ou dispensados do pagamento, por serem usados por taxistas, pessoas com deficiência, igrejas, entidades sem fins lucrativos, entre outros casos. 

Primeira parcela do IPVA 2022 SP com pagamento em fevereiro

Primeira parcela do IPVA 2022 SP está marcada para este mês, com 5% de desconto
Primeira parcela do IPVA 2022 SP está marcada para este mês, com 5% de desconto. (Imagem: Governo de São Paulo / Divulgação)

O pagamento do IPVA 2022 SP começou em janeiro, em cota única, com desconto de 9% para os proprietários de veículos. Outra forma de quitar o imposto é por meio do parcelamento em cinco vezes. Se forem pagas em dia, as parcelas garantem desconto de 5%. 

Publicidade

Publicidade

O primeiro vencimento está marcado para fevereiro, para automóveis, caminhonetes, ônibus, microônibus, motos e similares:

  • Final 1: 10/02
  • Final 2: 11/02
  • Final 3: 14/02
  • Final 4: 15/02
  • Final 5: 16/02
  • Final 6: 17/02
  • Final 7: 18/02
  • Final 8: 21/02
  • Final 9: 22/02
  • Final 0: 23/02

Os proprietários de veículos novos precisam pagar o imposto em até cinco dias da emissão da nota fiscal. Eles têm direito ao desconto de 3% para pagamento à vista ou, se preferirem, podem optar pelo parcelamento em cinco vezes, sem desconto, com vencimento da primeira parcela em 30 dias da emissão do documento fiscal.

Calendário completo para pagamento do IPVA parcelado

O calendário completo de parcelamento do IPVA 2022 SP começa em fevereiro e termina em junho. Veja as datas:

 

Veja o calendário completo de pagamentos do IPVA 2022 SP
Veja o calendário completo de pagamentos do IPVA 2022 SP. (Imagem: Governo de São Paulo / Divulgação)

O pagamento do tributo pode ser feito de diversas maneiras:

  • O contribuinte pode se dirigir a qualquer rede bancária credenciada, com o número do RENAVAM; 
  • É possível efetuar o recolhimento pela internet ou débito agendado, nos terminais de autoatendimento, nos guichês de caixa ou outros canais oferecidos pela instituição bancária;
  • Fazer o pagamento em casas lotéricas;
  • Utilizar o cartão de crédito para quitar o imposto, nas empresas credenciadas à Secretaria da Fazenda e Planejamento.

O que acontece se não pagar o IPVA 2022?

Em São Paulo, o contribuinte que não pagar o IPVA 2022 SP  fica sujeito à multa de 0,33% por dia de atraso e juros de mora com base na taxa Selic. Depois de 60 dias em que o imposto não foi pago, o percentual da multa é fixado em 20% do valor do tributo.

Publicidade

Publicidade

Se ainda assim o IPVA não for quitado, o débito será inscrito na Dívida Ativa e o nome do proprietário será inserido no Cadin Estadual. Dessa forma, ele fica impedido de aproveitar possíveis créditos que ele tenha na Nota Fiscal Paulista. 

Além disso, quando o cidadão não paga o IPVA, ele não consegue  fazer o novo licenciamento do veículo. Assim, após a data limite fixada pelo Detran para o licenciamento, o veículo pode ser apreendido, com multa gravíssima de sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Formada em Jornalismo pela PUCPR. Atualmente está cursando Pós Graduação em Questão Social e Direitos Humanos na mesma instituição de ensino. Tem paixão por informar as pessoas e acredita que a comunicação é uma ferramenta que pode mudar o mundo!
FacebookLinkedin

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário