Milionário digitaliza e INCENDEIA obra de arte avaliada em R$ 51,5 milhões; entenda

Elouise Lopes

28/09/2022

Um milionário tomou a decisão de colocar fogo em uma obra da pintora mexicana Frida Kahlo (1907-1954) depois de digitalizar a imagem, transformada em 10 mil tokens não fungíveis (NFTs).

No momento, o Instituto Nacional de Belas Artes e Literatura (INBAL) tenta descobrir se a imagem incinerada seria a obra original.

Milionário incendeia obra de Frida Kahlo

Depois que uma pintura de Frida Kahlo avaliada em R$ 51,5 milhões foi convertida em 10 mil NFTs, um milionário tomou a decisão de incinerar a obra. O caso aconteceu em Miami, nos Estados Unidos, e o vídeo que registra a ocasião viralizou (de forma bastante negativa) na rede social YouTube.

Quem se responsabiliza pelas investigações em torno do episódio é o Instituto Nacional de Belas Artes e Literatura (INBAL), do México.

Em linhas gerais, o que o Instituto está tentando descobrir é se a imagem que foi incinerada é a tenta descobrir se a pintura queimada por Martin Mobarak é realmente o original da obra “Fantasmones Siniestros” (fantasmas sinistros), de 1944, que foi avaliada em 10 milhões de euros, R$ 51,5 milhões pela cotação da moeda europeia na última terça-feira, 27.

O milionário que tinha a obra em sua posse desde 2015, Martin Mobarak, afirma que o objetivo da transformação da obra em NFTs é criar “pedaços” que possam crescer “na eternidade”.

Martin Mobarak também chegou a afirmar que os fundos arrecadados pela venda dos NFTs devem ser destinados a entidades ligadas à saúde infantil, além de se destinarem à Casa Museu Frida Kahlo e à Escola de Belas Artes Mexicana, e a Escola Nacional de Artes Plásticas, entre outros beneficiários.

Na tentativa de se defender, o magnata também disse em entrevista ao jornal El Pais que a artista já é bastante conhecida e que pode alcançar a “imortalização”.

A respeito do caso, o INBAL disse ainda que não deu autorização ou mesmo recebeu qualquer pedido de reprodução da obra de Frida Kahlo.

Veja também: Mega-Sena de R$ 200 milhões: saiba QUANTO RENDE por mês o prêmio

Elouise Lopes
Escrito por

Elouise Lopes

Redatora WebGo Content e bacharelanda em Comunicação Organizacional na UTFPR.

0

Aguarde, procurando sua resposta