Onde fica o número do Renavam no documento? Aprenda a localizar

Onde fica o número do Renavam no documento? Aprenda a localizar

Um dos dados mais importante sobre o veículo é o número do Renavam. É importante que o motorista saiba esse número, assim como é importante saber onde ele pode ser encontrado.

Essa informação é que garante ao motorista fazer consultas referentes ao veículo.

Publicidade

Publicidade

A seguir, você fica sabendo onde fica o número do Renavam no documento, o que é o Renavam e qual a diferença entre o número do Renavam e o código do Renavam. Confira!

Onde fica o número do Renavam no documento?

Onde fica o número do Renavam no documento? Aprenda a localizar
Descubra onde encontrar o número do Renavam no documento do veículo, entenda o que é o Renavam e saiba como consultá-lo. (Imagem: Reprodução/Internet)

Da mesma forma que os cidadãos possuem um número de identificação, que pode ser ou o RG (Registro Geral) ou o CPF (Cadastro de Pessoa Física), os veículos também são identificados por uma numeração. Essa numeração que especifica cada unidade veicular é o RENAVAM, também conhecido como Registro Nacional de Veículos Automotores.

Esse dado pode ser encontrado pelo condutor do veículo no topo do documento chamado CRLV, que é o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo, acima do campo “nome”. O dado também pode ser encontrado no CRV, que é o Certificado de Registro de Veículo. Nos dois documentos, o Renavam pode ser encontrado no mesmo lugar.

Publicidade

Publicidade

O Renavam é um código composto por 11 dígitos, desde 2013. Anteriormente a esta data, o Renavam era composto por nove dígitos. O aumento do número de dígitos foi estabelecido para ampliar o número de veículos a serem registrados.

O que é o Renavam?

Como comentamos anteriormente, é o número do Renavam que permite a identificação de um determinado veículo. Ele possui o mesmo número de Renavam durante toda a sua vida útil, assim como as pessoas carregam um mesmo número de RG ou CPF até o momento de sua morte.

Depois que um cidadão falece, o CPF fica declarado como cancelado, salvo em casos em que existam pendências, como dívidas e afins.

O mesmo acontece com os veículos. Enquanto eles estão em circulação, podem ser encontrados pelas autoridades através do número do Renavam. Quando eles saem de circulação, independente do motivo, o Renavam acaba sendo cancelado. A não ser que exista alguma pendência envolvendo o veículo, como acontece também às pessoas físicas.

De modo geral, o número do Renavam permite a consulta a informações como as características físicas do veículo, como cor, emplacamento, modelo, ano e mais. Também é o número do Renavam que permite a consulta ao histórico do veículo, como multas que foram emitidas, restrições e assim sucessivamente.

Como descobrir o número do Renavam?

Em geral, o Renavam aparece no CRLV e no CRV, como comentamos anteriormente.

Publicidade

Publicidade

Porém, se o motorista não encontrar o número do Renavam no documento do CRLV ou mesmo no CRV por alguma razão, ele terá duas opções para descobri-lo.

A primeira opção é fazer o procedimento junto à concessionária em que o veículo foi comprado. Nesse caso, o motorista deverá comparecer ao estabelecimento portando o documento CPF, além de contar com o número da placa do automóvel.

Outra alternativa é descobrir o número do Renavam através do chassi do veículo. Isso pode ser feito no CA – Consulta Base Estadual. Ao fazer essa consulta, o usuário terá acesso às seguintes informações:

  • Renavam;
  • Ano de fabricação;
  • Marca e modelo;
  • Cor;
  • Se possui financiamento;
  • Município e Estado atual;
  • Entre outras.

É importante que o usuário tenha o número do Renavam para tomar conhecimento sobre débitos pendentes em relação àquele veículo.

Publicidade

Para saber quais são esses débitos, o condutor deve acessar o site do Detran do estado em que o veículo foi registrado. A partir disso, será possível saber todas as pendências do veículo.

Publicidade

Veja também: 4 principais dúvidas sobre o AUXÍLIO BRASIL DE R$ 600; saiba tudo sobre o benefício

Elouise LopesRedatora WebGo Content e bacharelanda em Comunicação Organizacional na UTFPR. Fã de café à meia noite e amante de fotografia de paisagens naturais.
Veja mais ›
Fechar