6 plantas ideais para se cultivar em pequenos espaços: dicas para jardinagem em apartamento

Alexandre G. Peres

23/01/2023

Muitas vezes, quem mora em apartamento acha que não pode cultivar plantas por falta de espaço, mas há diversas espécies se adaptam muito bem a ambientes internos e pequenos. A seguir, confira alguns exemplos.

1 – Begônia

Begônia Cerosa

Begônia Cerosa

Começamos esta lista com a Begônia porque está é uma planta possui belas flores que lembram pequenas rosas e pode floresce o ano todo, dependendo dos cuidados com o seu cultivo.

As flores da Begônia apresentam variações de cores como branco, amarelo, rosa, salmão e vermelho, e podem ter combinações entre estas cores.

No entanto, mesmo que esta planta se adapte bem a ambientes internos, é necessário mantê-la em um lugar em que ela receba luz solar indireta. Também é recomendado ter atenção com a data do plantio, pois a Begônia prefere climas quentes e não suporta temperaturas baixas.

As regas devem acontecer sempre que o solo estiver seco, a cada três ou quatro dias, cuidando para não encharcar a terra e para molhar apenas o solo, não as folhas.

2 – Echeveria

Também conhecida como “Rosa de Pedra”, a Echeveria se destaca por ser uma das suculentas que dá flores. E por ser um tipo de suculenta, esta é uma espécie relativamente fácil de se cuidar.

Como a Echeveria precisa de sol para se desenvolver, é recomendado manter o vaso em um lugar que receba luz solar de manhã ou à tarde.

Outro detalhe que merece atenção é que esta espécie possui uma haste floral lateral, e é importante ficar de olho para conferir se esta haste não cresce no centro da planta. Afinal, se isso ocorrer, a Echeveria morre após florir.

3 – Jiboia

Jiboia - Plantas Pendentes

Foto: Jacob Spaccavento/Unsplash

A Jiboia é um tipo de planta pendente. Ou seja, é ideal para você colocar em vasos suspensos ou em prateleiras altas, pois se espalha de maneira a enriquecer o ambiente.

Esta também é uma planta recomendada para iniciantes em jardinagem, pois é fácil de se cuidar. A Jiboia se adapta muito bem em espaços fechados e precisa permanecer em um ambiente bem iluminado, mas sem exposição direta ao sol.

Outro cuidado que você deve tomar para manter esta planta saudável é regar sempre que o solo estiver seco. Mas é importante manter a Jiboia em fora de alcance de crianças e pets, pois ela possui substâncias tóxicas.

4 – Violeta

Violeta Africana

Foto: Corina Bianca/Unsplash

A Violeta é uma das melhores plantas com flores para se cultivar em ambientes internos, inclusive para quem mora em apartamento, principalmente pela beleza de suas flores e por não tolerar luz solar direta e constante.

No caso espécie “Violeta Africana”, como a da imagem acima, a floração pode acontecer durante todo o ano. Para que a planta cresça saudável, a recomendação é mantê-la sob luz solar indireta brilhante ou luz moderada e deixá-la sempre úmida, mas nunca encharcada.

5 – Mini Cactos

Cactos

Cactos (Imagem: Divulgação/Unsplash)

Conhecidos por sua resistência, os mini cactos são plantas fáceis de cuidar e ideais para quem mora em apartamento. Como os cactos armazenam a água necessária para sua sobrevivência, eles toleram alguns dias entre uma rega e outra.

De modo geral, os cactos preferem sol pleno, mas alguns toleram meia-sombra com boa luminosidade.

Mas segundo a paisagista Flávia Nunes, muitas vezes a espécie só consegue se adaptar a meia sombra porque foi produzida em estufa, longe do sol. Nesse caso, é preciso “introduzir a planta aos poucos à luz direta”, explica a paisagista.

Para conferir mais detalhes sobre como ter sucesso no cultivo de cactos, aproveite para ver o nosso texto sobre o assunto.

6 – Lírio da Paz

Lírio da Paz

Lírio da Paz (Imagem: Divulgação/Unsplash)

O Lírio da Paz é uma planta de médio porte bastante comum em ambientes internos. Além disso, por ser uma planta que simboliza paz e tranquilidade, esta espécie também ajuda a criar um ambiente harmonioso em seu apartamento.

Esta é uma planta que se adapta bem a locais com sombras claras e gosta de umidade. Sendo assim, é necessário ter um cronograma regular de regas, mantendo o solo úmido, mas nunca encharcado.

Você também pode gostar de ler
7 Plantas para a Sala que são TENDÊNCIA entre designers de interiores

Alexandre G. Peres
Escrito por

Alexandre G. Peres

Editor, redator e revisor da WebGo Content, graduado em Letras – Português/Inglês. Tem experiência com redação, revisão e editoração de textos para Web.