Prova de vida para servidor aposentado voltou a ser obrigatória em julho: saiba como fazer

A Previdência Social retomou recentemente o procedimento de prova de vida, que evita que benefícios do INSS, como a aposentadoria, tenham o pagamento suspenso.

A partir de hoje (01/07), a prova de vida passará a ser obrigatória, também, para aposentados e pensionistas do serviço público federal, bem como a anistiados políticos.

Publicidade

Publicidade

Veja, aqui, mais informações sobre a prova de vida e confira para como realizá-la de forma simples e rápida!

prova de vida online inss banco do brasil
Prova de vida para servidor aposentado voltou a ser obrigatória em julho | Imagem: Canva

Prova de vida INSS na pandemia

Durante a pandemia, a Previdência Social suspendeu a realização da prova de vida, para evitar aglomerações em agências bancárias que faziam o procedimento, de modo a minimizar a possibilidade de disseminação do vírus Covid-19.

Mais de um ano depois, o órgão decidiu retomar o procedimento e sua obrigatoriedade. A partir de julho de 2021, todos os servidores públicos aposentados, pensionistas e anistiados políticos precisam realizar a prova, senão o pagamento do benefício será suspenso ou bloqueado.

Publicidade

Publicidade

Em junho de 2021, o governo retomou a prova de vida para demais aposentados do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

Como fazer a prova de vida?

Existem duas formas principais: presencialmente ou virtualmente. No primeiro caso, o beneficiário deve comparecer à agência do banco em que recebe o pagamento e buscar atendimento.

Normalmente, dá para realizar a prova pessoalmente apresentando um documento, no caixa eletrônico ou por meio de aplicativo do celular (o Banco do Brasil oferece essa alternativa para seus correntistas).

Já no caso da prova de vida online, ela está disponível somente para beneficiários que têm sua digital cadastrada no Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) ou no TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Deve-se fazer o serviço pelo aplicativo MeuGov.br, que pode ser baixado gratuitamente na loja de apps de celulares com sistema operacional Android ou iOS. Também dá para acessá-lo pelo aplicativo Meu INSS, que redireciona o usuário para o MeuGov.br.

Como fazer prova de vida no aplicativo Meu INSS

O procedimento de prova de vida pelo Meu INSS é simples de ser feito! A seguir, apresentamos um passo a passo para lhe auxiliar a realizá-lo online, sem precisar ir a um banco:

  1. Baixe o aplicativo Meu INSS na loja de apps de seu celular;
  2. Faça login no aplicativo;
  3. Acesse o serviço de prova de vida, disponível no menu de serviços em destaque;
  4. Se o serviço estiver liberado, você será redirecionado para o MeuGov.br. Toque em “autorizações” para liberar o acesso à câmera do celular e siga as recomendadas das pelo aplicativo;
  5. Confirme a identidade do beneficiário, informando dados solicitados;
  6. Leia as instruções e selecione “entendi”;
  7. A câmera frontal do celular será ativada para fazer a leitura do rosto do beneficiário. Posicione seu celular como se fosse fazer uma selfie, centralizando o círculo em seu rosto;
  8. Faça os movimentos indicados no aplicativo;
  9. Finalize a prova de vida.
Publicidade

Publicidade

Um detalhe importante: se tiver problemas com a leitura da imagem, o aplicativo pode pedir para refazer os procedimentos. Tente seguir todas as recomendações fielmente para reduzir a necessidade de fazer tudo de novo.

Quem mais precisa fazer prova de vida?

A prova de vida INSS é um procedimento obrigatório para todos os aposentados, pensionistas e anistiados políticos civis que recebem benefícios da Previdência Social em conta-corrente, poupança ou cartão e não realizaram o procedimento desde março de 2020.

Quem estiver com o benefício suspenso também deve fazer a comprovação, bem como que está com a aposentadoria ou pensão bloqueada e depois restabelecida pelo Sigepe.

O que acontece se não fizer a prova de vida?

O beneficiário que não faz o procedimento no prazo indicado pela Previdência Social e governo federal tem a aposentadoria ou pensão suspensa, ou bloqueada e só conseguirá regularizar a situação se realizar a prova.

Calendário de prova de vida

Publicidade

A prova de vida deve ser feita em datas específicas, sendo estabelecidas de acordo com o mês de nascimento dos beneficiários. Veja, a seguir, como ficou o calendário:

Publicidade

Nascidos de janeiro a julho:

  • Prova de vida 2020 e 2021 – de 1º de julho a 30 de setembro

Nascidos em agosto:

  • Prova de vida de 2020 – de 1º de julho a 30 de setembro
  • Prova de vida de 2021 – de 1º de agosto a 30 de setembro

Nascidos em setembro:

  • Prova de vida de 2020 – de 1º de julho a 30 de setembro
  • Prova de vida de 2021 – de 1º a 30 de setembro

Nascidos de outubro a dezembro

  • Prova de vida de 2020 – de 1º de julho a 30 de setembro
  • Prova de vida de 2021 – a partir do 1º dia do mês do aniversário

Flavio Carvalho
Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.
FacebookLinkedinTwitter

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário