Caixa liberará mais um saque da 2ª parcela do Auxílio Emergencial até fim de semana

saque do auxílio emergencial
Saque do auxílio emergencial já pode ser feito

Novos saques do auxílio emergencial podem ser realizados até o dia 17 de junho. Acompanhe o calendário para saber quando sacar e saiba como realizar o procedimento.

Sobre o Auxílio Emergencial e valores para 2021

O auxílio emergencial foi implementado em 2020 a fim de reduzir os impactos socioeconômicos agravados com a pandemia do novo coronavírus.

Publicidade

Publicidade

O benefício injetou mais de R$300 bilhões na economia brasileira e foi capaz de evitar um processo de recessão ainda maior. 

Somente ano passado, aproximadamente 70 milhões de brasileiros receberam o auxílio emergencial.

Saque do auxílio emergencial já pode ser feito. Confira o calendário!

O benefício foi concedido em cinco parcelas de R$600 e quatro de R$300. Com a continuidade da Covid-19 o auxílio emergencial foi renovado para 2021 e prevê a contemplação de 45 milhões de brasileiros.

Publicidade

Publicidade

O número de cidadãos beneficiados esse ano é menor em comparação com 2020, bem como o valor do próprio auxílio emergencial que será entre R$150 e R$375 de acordo com a composição familiar.

Os novos pagamentos serão realizados de forma automática aos beneficiários que já estavam cadastrados no programa do auxílio emergencial e para aqueles que estão inscritos no Cadastro Único de Programas Sociais do Governo Federal.

Pagamentos e saques da 2ª parcela de 2021

Os pagamentos e saques do auxílio emergencial de 2021 são liberados pela Caixa Econômica Federal de acordo com o calendário oficial disponibilizado pelo governo.

O primeiro ciclo de pagamentos ocorreu entre os dias 16 e 30 de abril e os saques foram liberados entre 30 de abril e 17 de maio.

Agora, no segundo ciclo, que ocorreu entre os dias 16 e 30 de maio, os primeiros saques foram feitos nos últimos dias 31, 01 e 02, que correspondem aos benefícios dos meses de janeiro, fevereiro e março, respectivamente.

Amanhã, 4, os beneficiários contemplados serão aqueles nascidos em abril. Vale lembrar que o pagamento não ocorrerá hoje, 3, pois é feriado nacional de Corpus Christi.

Publicidade

Publicidade

Os próximos ciclos de pagamentos e saques estão previstos entre 20 de junho e 21 de julho e 23 de julho e 22 de agosto. Veja os calendários de saques:

2º ciclo de saques:

  • Janeiro: 31 de maio;
  • Fevereiro: 01 de junho;
  • Março: 02 de junho;
  • Abril: 04 de junho;
  • Maio: 08 de junho;
  • Junho: 09 de junho;
  • Julho: 10 de junho;
  • Agosto: 11 de junho;
  • Setembro: 14 de junho;
  • Outubro: 15 de junho;
  • Novembro: 16 de junho;
  • Dezembro: 17 de junho.

3º ciclo de saques:

  • Janeiro: 13 de julho;
  • Fevereiro: 15 de julho;
  • Março: 16 de julho;
  • Abril: 20 de julho;
  • Maio: 22 de julho;
  • Junho: 27 de julho;
  • Julho: 29 de julho;
  • Agosto: 30 de julho;
  • Setembro: 04 de agosto;
  • Outubro: 06 de agosto;
  • Novembro: 10 de agosto;
  • Dezembro: 12 de agosto.

4º ciclo de saques:

  • Janeiro: 13 de agosto;
  • Fevereiro: 17 de agosto;
  • Março: 19 de agosto;
  • Abril: 23 de agosto;
  • Maio: 25 de agosto;
  • Junho: 27 de agosto;
  • Julho: 30 de agosto;
  • Agosto: 01 de setembro;
  • Setembro: 03 de setembro;
  • Outubro: 06 de setembro;
  • Novembro: 08 de setembro;
  • Dezembro: 10 de setembro.

É importante ressaltar que existe um prazo para sacar o valor oferecido no auxílio emergencial regulamentado por meio de decreto. 

Sendo assim, o beneficiário tem até 120 dias  para resgatar o valor após o pagamento. O dinheiro que não for movimentado será devolvido aos cofres da União.

Como sacar auxílio emergencial

Os saques do auxílio emergencial podem ser realizados pelo aplicativo Caixa Tem para quem não possui o Cartão Cidadão. Nesse caso, para obter o valor desejado é necessário acessar o app e gerar um código para saque.

Publicidade

É válido informar que esse código só será disponibilizado durante 1h e, por isso, a recomendação é que o procedimento seja feito próximo ao caixa eletrônico, lotérica ou correspondente Caixa Aqui.

Publicidade

Ao estar pronto para movimentar o benefício, bem como gerar o código, o saque será autorizado por meio da opção “Saque Auxílio Emergencial” e, consequentemente, do preenchimento do número do CPF do beneficiário. 

Poderá ser realizado o saque integral ou do auxílio emergencial caso o beneficiário prefira informar o valor manualmente.

Bolsa Família

Os beneficiários do Bolsa Família que recebem os pagamentos do auxílio emergencial devem se atentar para o calendário de pagamento do auxílio emergencial específico para a categoria.

Publicidade

Publicidade

De acordo com o governo federal, cerca de 10 milhões de inscritos no programa social podem contar com o pagamento na última quinzena de cada mês.

Os saques dos benefícios devem ser feitos com o Cartão Cidadão nos canais de autoatendimento, lotéricas, correspondentes Caixa Aqui ou por crédito na conta Caixa Fácil.

Julia de PaulaJulia é formada em jornalismo pela Universidade Metodista de São Paulo e, no momento, atua como redatora para o portal NoDetalhe. Ao longo da carreira, a jornalista tem se especializado em produção de conteúdo otimizado para motores de busca e conversão, além de gerenciamento de mídias sociais e marketing digital.
Veja mais ›
Fechar