Saque do FGTS: moradores de 74 municípios atingidos por chuvas podem sacar até R$ 6.220; veja se você tem direito

Moradores de 74 municípios têm direito ao saque do FGTS por calamidade por chuvas fortes. Saiba se você pode sacar!

A Caixa Econômica Federal liberou o saque do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) para moradores de 74 municípios que foram atingidos por chuvas. Neste caso, é possível sacar até R$ 6.220,00.

Entram nessa lista moradores de cidades que passaram por fortes chuvas na Bahia e na região Sudeste do país. O pedido de saque deve ser feito por meio do aplicativo FGTS e o beneficiário precisa ter saldo positivo nas contas do programa.

Publicidade

Publicidade

A seguir, você confere todos os detalhes sobre o saque do FGTS por motivo de calamidade e descobre como solicitar o valor!

Quem pode fazer esse saque do FGTS?

Saque do FGTS: moradores de 74 municípios atingidos por chuvas podem sacar até R$ 6.220; veja se você tem direito

É preciso cumprir requisitos para efetuar o saque do FGTS de até R$ 6.220,00. A seguir, indicamos quais são as normas para ter acesso ao valor:

  • Residir em um dos 74 municípios atingidos pelas chuvas. A lista inclui cidades da Bahia, Minas Gerais, Espírito Santo e São Paulo;
  • Ter saldo disponível em conta ativa ou inativa do FGTS;
  • Não ter feito saque do FGTS pelo mesmo motivo em período inferior a 12 meses.

Lista de municípios liberados para saque do FGTS

  • Bahia: Canavieiras, Coaraci, Dário Meira, Eunápolis, Floresta Azul, Gandu, Ibicaraí, Ibicuí, Ilhéus, Itabela, Itabuna, Itajuípe, Itamaraju, Itapé, Itapetinga, Itapitanga, Itororó, Jaguaquara, Jequié, Jiquiriçá, Medeiros Neto, Mundo Novo, Prado, Porto Seguro, Santa Inês, Teixeira de Freitas, Teolândia, Ubaíra, Ubaitaba, Vitória da Conquista, Wenceslau Guimarães e Uruçuca.
  • Minas Gerais: Águas Formosas, Almenara, Betim, Brumadinho, Cláudio, Congonhas, Dores do Indaiá, Governador Valadares, Igarapé, Itabirito, João Monlevade, Juatuba, Machacalis, Mário Campos, Mateus Leme, Nova Era, Nova Lima, Onça de Pitangui, Poço Fundo, Pompéu, Raposos, Rio Acima, Rio Manso, Rio Piracicaba, Sabará, Salinas, Santa Luzia, Santana do Deserto, Santo Antônio do Monte e São Joaquim de Bicas.
  • Rio de Janeiro: Bom Jesus de Itabapoana, Italva, Itaperuna, Natividade, Petrópolis e Porciúncula.
  • Espírito Santo: São José do Calçado.
  • São Paulo: Avaré, Campo Limpo Paulista, Capivari, Jaú e Monte Mor.

Como fazer a solicitação?

O pedido de saque do FGTS por calamidade deve ser feito pelo celular, no aplicativo do fundo. A seguir, apresentamos um passo a passo para lhe orientar nesse processo:

Publicidade

Publicidade

  • Baixe o aplicativo FGTS gratuitamente na Play Store ou App Store;
  • Faça login se já tiver conta na plataforma. Caso não tenha, registre a sua;
  • Acesse “meus saques” e selecione “outras situações de saque”. Então, toque em “calamidade pública” e informe o município em que reside;
  • Encaminhe os documentos solicitados, como foto do documento de identidade (CNH ou RG) e comprovante de residência (conta de energia elétrica, água, entre outras) no nome do trabalhador. Se as contas estiverem no nome de cônjuge ou companheiro, é necessário encaminhar certidão de casamento ou escritura pública de união estável;
  • Selecione a opção de creditar o valor em conta da Caixa Econômica Federal ou qualquer banco em que tiver conta e finalize sua solicitação.

Pronto! Agora é só aguardar a análise do pedido! Se aprovado, o crédito em conta ocorrerá em até cinco dias úteis.

Saque de R$ 1.000 do FGTS

O governo federal aprovou em março um novo saque do FGTS, possibilitando que trabalhadores tirem até R$ 1.000,00 de suas contas no fundo.

Trata-se do saque extraordinário do FGTS, que é uma alternativa àqueles que não foram beneficiados pelo saque por motivo de calamidade.

O saque extraordinário será feito em calendário específico divulgado pela Caixa Econômica Federal, de acordo com o mês de nascimento do trabalhador. Veja quais são as datas:

  • Nascidos em janeiro: 20 de abril;
  • Nascidos em fevereiro: 30 de abril;
  • Nascidos em março: 04 de maio;
  • Nascidos em abril: 11 de maio;
  • Nascidos em maio: 14 de maio;
  • Nascidos em junho: 18 de maio;
  • Nascidos em julho: 21 de maio;
  • Nascidos em agosto: 25 de maio;
  • Nascidos em setembro: 28 de maio;
  • Nascidos em outubro: 1 de junho;
  • Nascidos em novembro: 8 de junho;
  • Nascidos em dezembro: 15 de junho.

O trabalhador deve acessar o aplicativo ou site do FGTS para sacar o dinheiro, informando uma conta para crédito do valor. O saque será liberado para todos os trabalhadores, sem restrições, mas ele não é obrigatório.

Caso deixe a data do calendário passar, poderá solicitar o saque até 15 de dezembro de 2022. Se não quiser fazer o saque extraordinário, deverá acessar o aplicativo do FGTS ou se dirigir a uma das agências da Caixa para informar que não quer receber o valor. Outra opção é não mexer no valor liberado e o recurso retornará à conta depois de 15 de dezembro.

Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.
FacebookLinkedinTwitter

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário