As armadilhas que todo concurseiro novato deve evitar

Confira aqui aqui algumas das principais armadilhas que todo concurseiro iniciante precisa evitar para ter um resultado satisfatório!

É um concurseiro novato? Está dando os seus primeiros passos no complexo mundo dos concursos públicos? Pois você veio ao lugar certo: nesta matéria do No Detalhe, você vai conhecer algumas das principais armadilhas que todo concurseiro novato deve se esforçar para evitar!

Vale a pena fazer todo concurso que aparece na frente?

Não, não vale a pena sair atirando para todo lado e fazer qualquer concurso público que aparecer na sua frente. É importante que você defina o rumo de sua carreira e mantenha-se focado, estudando e preparando-se especificamente para a área que você almeja.

Publicidade

Publicidade

Obviamente, nada impende que você mantenha algumas cartas na manga e faça outros concursos de tempos em tempos. É possível até que você seja aprovado em alguma outra opção de concurso que não a principal: mesmo assim, é importante continuar estudando e tentando passar naquele que você realmente sonha em passar.

Entretanto, é importante ter em mente o seguinte: isso não significa que você deve focar em um único concurso. O seu foco deve ser em uma área, em uma carreira, e tentar o máximo possível de concursos dentro desse mesmo nicho.

Quanto tempo de estudo por dia é o recomendado? Por que muita gente extrapola?

As armadilhas que todo concurseiro novato deve evitar (Imagem: Jeshoots/Unsplash)
As armadilhas que todo concurseiro novato deve evitar (Imagem: Jeshoots/Unsplash)

Essa é uma das principais armadilhas para quem está começando a estudar para concurso público: o tempo de estudo. Realmente não tem como passar em um concurso estudando apenas uma hora por dia. Porém, é bom evitar ambos os extremos. Ou seja, nada de passar dez ou doze horas por dia estudando.

Publicidade

Publicidade

Estudar demais pode fazer não apenas com que você desanime rápido da empreitada como também acabe não fixando o conteúdo que estudou. Mais importante do que o tempo de estudo são os métodos e as fontes escolhidas.

Achar que o tempo de estudo é tudo é um dos principais motivos que levam concurseiros a estudarem por longas horas seguidas — e também é um dos principais focos de frustração a partir do momento em que o candidato descobre que não passou.

Embora concursos mais concorridos exijam horas semanais de estudo maiores (30 ou 35 horas por semana, por exemplo), o seu foco desde o início deve ser em estudar com qualidade, e não estudar em quantidade.

Conhecer o perfil da banca organizadora é essencial

Esse é um ponto importantíssimo, mas muitas vezes acaba negligenciado por concurseiros iniciantes. Há várias bancas organizadoras, responsáveis pela elaboração e pela aplicação das provas, atualmente em exercício. Algumas das mais famosas são a Fundação Getúlio Vargas (FGV), Vunesp, Cespe, Fundação Carlos Chagas (FCC), Cesgranrio, Esaf etc.

Cada banca tem suas próprias regras e métodos de elaboração. Portanto, conhecer quem está por trás da prova que você está planejando fazer é uma etapa importante, pois permitirá que você reconheça padrões, temas comuns, estruturação e pontuação de cada questão etc. A partir desses pontos, você será capaz de definir os temas e os materiais de consulta mais indicados com uma precisão maior.

Para entender melhor a respeito das bancas organizadores de concursos públicos, leia esta nossa outra matéria sobre o assunto.

Vale a pena fazer um concurso para um nível inferior ao meu?

Publicidade

Publicidade

Essa é uma questão delicada e depende muito de cada caso. Porém, nada impede que você faça um concurso público para um nível inferior ao seu. Caso você esteja tendo dificuldade para passar no adequado ao seu nível de formação, você pode tentar passar em um mais fácil e aproveitar o tempo livre para ir estudando para um mais complicado.

Porém, aqui retomamos o que mencionamos antes: é sempre importante manter o foco naquilo que você realmente deseja, evitando a tentação de atirar para todos os lados e de “tentar passar apenas por passar”.

Gostou dessa matéria sobre as armadilhas de concurseiro? Pois veja também:
Os melhores cursos preparatórios para concursos em 2022

Editor, redator e revisor da WebGo Content, graduado em Letras – Português/Inglês. Tem experiência com redação, revisão e editoração de textos para Web.
FacebookLinkedin

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário