É por isso que você deve ter MUITO CUIDADO com o Empréstimo do Auxílio Brasil

É por isso que você deve ter MUITO CUIDADO com o Empréstimo do Auxílio Brasil
Saiba porque é preciso ter cuidado com o empréstimo do Auxílio Brasil. Foto: NoDetalhe

A lei que permite que beneficiários do Auxílio Brasil contratem empréstimo consignado foi sancionada na última quarta-feira (03/08), mas antes disso especialistas já alertavam que é preciso ter cuidado com este tipo de crédito.

Afinal, o empréstimo do Auxílio Brasil compromete uma importante fonte de renda de famílias em situação de pobreza e extrema pobreza, o que pode empurrar os beneficiários para o endividamento.

Publicidade

Publicidade

Especialistas recomendam cuidado com empréstimo do Auxílio Brasil

De acordo com Ione Amorim, economista e coordenadora do programa de serviços financeiros do Idec, o empréstimo do Auxílio Brasil serve para dar mais dinheiro aos bancos enquanto deixa famílias que mal conseguem se alimentar ainda mais endividadas.

Um dos pontos mais criticados pelos especialistas são os altos juros que os bancos poderão cobrar por este tipo de crédito. Afinal, a lei não estipula um limite para as taxas, e as instituições são livres para decidir quanto irão cobrar.

Em julho, antes de a medida entrar em vigor, empresas já ofereciam empréstimo consignado para beneficiários do Auxílio Brasil com juros de quase 100% ao ano.

Publicidade

Publicidade

Para Flávia Oliveira, comentarista da Globonews, os juros do empréstimo são quase de agiotagem. Além disso, ela destaca que o crédito é oferecido a “famílias vulneráveis sem qualquer tipo de preparo em termos de educação financeira”.

Segundo a comentarista, “famílias em situação de vulnerabilidade precisam de assistência social, e não de empréstimo bancário”, disse em entrevista ao podcast O Assunto.

Consignado do Auxílio Brasil vale a a pena?

O empréstimo consignado para beneficiários do Auxílio Brasil não é recomendado para pagamento de contas básicas ou de compras desnecessárias.

Afinal, este tipo de crédito compromete por um longo tempo até 40% de um benefício que serve justamente para que famílias pobres possam pagar despesas básicas.

Além disso, outro ponto que merece destaque, é o fato de que o beneficiário do Auxílio Brasil que conseguir pagar empréstimo em dia, não poderá renegociar a dívida com o banco. Isso porque no crédito consignado as parcelas são descontadas diretamente do valor do benefício.

Felipe MatozoJornalista, ator profissional licenciado pelo SATED/PR e ex-repórter do Jornal O Repórter. Ligado em questões políticas e sociais, busca na arte e na comunicação maneiras de lidar com o incômodo mundo fora da caverna.
Veja mais ›
Fechar