Contratou o Consignado do Auxílio Brasil na Caixa? Cuidado: ISSO pode ter acontecido com seu empréstimo

Elouise Lopes

25/10/2022

A pedido do Tribunal de Contas da União (TCU), a Caixa Econômica Federal optou por suspender o serviço de contratação do empréstimo consignado do Auxílio Brasil até apresentar esclarecimentos sobre as falhas no serviço ao órgão.

Na matéria a seguir, você fica sabendo por que o TCU fez este pedido à autarquia.

Caixa congela recursos de consignados do Auxílio Brasil por 24h

O Tribunal de Contas da União solicitou à Caixa Econômica Federal que desse explicações sobre o consignado do Auxílio Brasil. O prazo que o TCU deu para isso foi de 24h e, durante esse tempo, orientou a autarquia a congelar os recursos de consignados do Auxílio Brasil.

Veja também: Não recebeu o Auxílio Brasil no Caixa Tem neste mês de outubro? Veja o que pode ter acontecido…

Atendendo ao pedido do TCU, a Caixa congelou por 24 horas a liberação de empréstimos do consignado do Auxílio Brasil solicitados nesta segunda-feira (24).

Em nota, a Caixa informou aos clientes: “Nos contratos que foram celebrados na data de hoje, a CAIXA informa que não há previsão de liberação de valores financeiros referentes a essas solicitações, nas próximas 24 horas, cumprindo automaticamente a prudência recomendada”.

Ou seja, quem solicitou o empréstimo deverá aguardar a liberação do valor contratado por tempo indeterminado.

Pedido do TCU se justifica “por prudência”

O ministro Aroldo Cedraz, do TCU, pediu que a Caixa apresentasse esclarecimentos sobre o atraso na liberação do empréstimo para os beneficiários do Auxílio Brasil. Durante o último fim de semana, a Caixa suspendeu os empréstimos.

Enquanto a autarquia se prepara para justificar os últimos ocorridos, o ministro Cedraz orientou que a Caixa, por prudência, suspendesse de maneira imediata a contratação do serviço.

De acordo com Cedraz, essa iniciativa seria “como medida de zelo com o interesse público, até que este Tribunal examine a documentação a ser encaminhada e a entenda apta a demonstrar não estarem presentes as graves irregularidades sugeridas na representação”.

Veja também: Salário mínimo vai aumentar em 2023? Veja o que é VERDADE sobre reajuste pela inflação

Elouise Lopes
Escrito por

Elouise Lopes

Redatora WebGo Content e bacharelanda em Comunicação Organizacional na UTFPR.

0

Aguarde, procurando sua resposta