Jardins de baixa manutenção: veja 6 plantas que exigem pouca água!

Eduardo Peres

27/01/2023

Quer criar um jardim próprio, mas não quer ter que se preocupar demais com a manutenção? Então confira 6 plantas que exigem pouca água para sobreviver, sendo perfeitas para a criação de jardins de baixa manutenção!

6 – Yuca

(Imagem: Reprodução/ Flores Coloridas)

(Imagem: Reprodução/ Flores Coloridas)

Podendo ser cultivada tanto como uma planta de exterior quanto de interior, a Yuca é um tipo de cactos que pode chegar até 1,5 metros de altura. A planta possui folhas grandes e espessas que são utilizadas para armazenar grandes quantidades de água.

Nativo da América do Norte, esse cactos pode sobreviver em condições severas de seca, e também é muito conhecida por gerar flores brancas grandes que surgem no topo dos caules em cachos. Além de necessitar de pouca água, a essa planta também é muito resistente contra pragas e doenças.

5 – Agave

(Imagem: Clay Banks/ Unsplash)

(Imagem: Clay Banks/ Unsplash)

Nativa da região do México, a planta Agave é um tipo de suculenta que possui tamanhos muito variados, com algumas sendo bem pequenas enquanto outras podem ser muito grandes.

Assim como cactos, agaves podem armazenar grandes quantidades de água nas suas folhas, fazendo com que elas possam sobreviver em locais muito secos durante muito tempo.

Essa planta existe mais na região central do México, onde as condições são ideias para o seu crescimento. Vale lembrar que as folhas da planta podem ser perigosas, pois elas possuem bordas afiadas que podem facilmente cortar a sua pele se você não tomar cuidado.

Além disso, a planta é utilizada para a fabricação de tequila, e pode gerar flores grandes de cor branca ou amarela durante uma única vez na sua vida.

4 – Roseira-Brava

(Imagem: Vilvarin/ Freepik)

(Imagem: Vilvarin/ Freepik)

Nativa da Europa, a Roseira-Brava pode chegar até 2 metros de altura, e consegue sobreviver em regiões com pouca água e é muito utilizada como decoração devido às suas belas flores, que inclusive possuem um bom aroma.

As flores da roseira-brava florescem todos os anos, com suas cores variando entre rosa, vermelho e branco, e possui folhas de cor verde-escuro. Mesmo que ela precise de poucos cuidados, é importante realizar podas frequentes para evitar que a planta cresça demais, e também para garantir que as flores da planta continuem a crescer.

3 – Suculentas

(Imagem: Lingchor/ Unsplash)

(Imagem: Lingchor/ Unsplash)

Podendo ser cultivadas em jardins ou dentro de casa, as suculentas, assim como todas as outras plantas da lista, requerem poucas quantidades de água para conseguirem sobreviver, armazenando o líquido nas suas folhas e caules.

Existem vários tipos diferentes de suculentas, cada uma com suas próprias características, com tamanhos variados, cores diferentes e formatos únicos de folhas. Elas precisam de pouca luz solar para se desenvolverem e podem ser cultivadas em vasos pequenos.

Elas são resistentes contra pragas e doenças, e não necessitam de muita atenção. Mas mesmo assim, tome cuidado para não exagerar muito na rega para não apodrecer as raízes da planta, e fique atento contra pragas, pois suculentas não são imortais.

2 – Lavanda

Lavanda

Originárias da região do Mar Mediterrâneo, lavandas são plantas muito conhecidas por possuírem um belo aroma e por possuírem uma linda aparência, com flores que variam entre as cores azul, roxo e violeta.

Lavandas podem crescer em vários tipos de regiões diferentes e em vários tipos de climas também, sejam quentes ou frios. Além disso, lavandas também conseguem sobreviver com poucas quantidades de água, tornando-as ideais para jardins de baixa manutenção.

Mas vale a pena lembrar que lavandas demoram para se adaptar quando são transferidas para um outro local com condições climáticas diferentes, então é sempre bom regá-la regularmente até que a planta esteja totalmente adaptada.

Além disso, esse tipo de planta requer muita luz solar para se desenvolver e florescer, portanto deixe-a num local onde ela receba uma boa quantidade de luz para que ela tenha um desenvolvimento saudável.

1 – Cactos

Os cactos são plantas suculentas nativas da américa do norte, e que hoje em dia podem ser encontrados em todos os locais do mundo. Essas plantas conseguem sobreviver em locais com pouquíssimas quantidades de água, como desertos por exemplo. Inclusive, esse é um dos motivos pelo qual os cactos são muito associados com desertos e regiões áridas.

Existe uma grande variedade de tipos de cactos no mundo, cada um com suas próprias características e detalhes, como espinhos, flores, tamanhos, folhas etc.

Cactos são muito fáceis de cuidar por necessitarem de poucas quantidades de água e por serem muito resistentes ao clima, doenças e pragas, mas mesmo assim é necessário regar a planta regularmente para que ela não fique desidratada, sendo recomendável regá-la pelo menos uma vez por semana.

Além disso, é importante não exagerar na quantidade de água pois cactos podem apodrecer muito facilmente se tiverem uma quantidade excessiva de água descarregada sobre eles.

Gostou de ler? Pois aproveite e confira também:
6 plantas mais eficazes para melhorar o ambiente de trabalho: ideias para escritório

Eduardo Peres
Escrito por

Eduardo Peres

Redator da WebGo Content desde janeiro de 2022. Tenho interesse por assuntos como história, política, filmes, séries (preferencialmente de ação, aventura e ficção científica), além da literatura e pela tecnologia, principalmente por videogames.

0

Aguarde, procurando sua resposta