Procon SP divulga ranking de empresas perturbadoras: veja lista

Durante um dia, quantas ligações de telemarketing você recebe? Muitos celulares já contam com a opção de spam, que verifica e bloqueia telefonemas desse tipo, mas ainda é comum atender um operador insistente ou mal preparado. Até mesmo o Procon SP sabe disso. 

Como uma forma de combater essa prática, o órgão de defesa ao consumidor preparou o Ranking dos Perturbadores, que nada mais é do que uma lista com os nomes das empresas que mais fazem ligações ou mandam mensagens inoportunas. 

Publicidade

Publicidade

O Ranking dos Perturbadores foi criado porque para muitas empresas apenas a aplicação de multas não tem servido pra refrear sua prática abusiva. Por essa razão, o Procon-SP pretende expor ao consumidor quais são as marcas e fornecedores que não têm respeito por ele, e continuam assediando e fazendo ofertas contra a sua vontade (…) é importante o consumidor lembrar o nome dessas empresas na hora de prestigiar uma marca”, afirma o diretor executivo do Procon SP, Fernando Capez.

Quais empresas estão no ranking do Procon SP?

Confira lista do Procon SP com empresas que mais importunam clientes
Procon SP vai divulgar lista mensal com empresas que mais perturbam consumidores, mesmo aqueles cadastrados na plataforma “Não Me Ligue”. (Imagem: PixaBay / Divulgação)
  1. Vivo: 3.743 ligações;
  2. Dr. de todos: 3.077 ligações;
  3. Claro: 2.524 ligações;
  4. Banco Pan:  2.522 ligações;
  5. Banco Itaú: 2.308 ligações;
  6. Tim: 2.294 ligações;
  7. Viva Mais: 2.256 ligações;
  8. Santander: 1.838 ligações;
  9. Banco BMG: 1.618 ligações;
  10. Safra: 1.167 ligações.

Essa lista será divulgada todos os meses pelo Procon SP e vale para 2021. 

Em 2020, as empresas que mais fizeram ligações foram:

  • Net: 8.892 ligações;
  • Banco BMG: 3.776 ligações;
  • Sky: 3.764 ligações; 
  • Vivo: 3.688 ligações;
  • Claro: 3.337 ligações;
  • Banco Pan: 3.103 ligações;
  • Banco Itaú: 3.055 ligações; 
  • Dr de todos: 2.759 ligações;
  • Tim: 2.425 ligações;
  • Safra: 2.252.

Multas aplicadas pelo Procon SP

Quando um consumidor não quer ser incomodado com ofertas de telemarketing, ele pode usufruir da Lei Estadual nº 13.226/2008, que entrou em vigor em 2009. Ela possibilita que o cidadão se cadastre na plataforma “Não Me Ligue”. 

Publicidade

Publicidade

Essa lei foi atualizada neste ano. Em março, além de ligações telefônicas, robocalls, mensagem SMS ou por aplicativos (como Whatsapp, por exemplo), também foram proibidas de serem feitas. 

Basicamente, o serviço “Não Me Ligue” proíbe que as empresas liguem ou mandem mensagens para o consumidor que estiver cadastrado. Dessa forma, elas ficam proibidas de buscar pelo titular da linha para fazer ofertas ou cobranças. 

As empresas que desrespeitarem a legislação podem ser punidas e multadas.

É fundamental que o desrespeito das empresas seja denunciado para que sejam apuradas as irregularidades e aplicadas as sanções.”, explica o Procon SP em nota. 

Desde 2010, mais de R$ 250 milhões em multas foram aplicados para quem desrespeitou as regras do serviço “Não Me Ligue”. Cerca de 240 processos administrativos foram instaurados para averiguar as reclamações dos consumidores. 

As empresas que têm mais processos instaurados nesses 11 anos são:

  • Claro: 6 processos; 
  • Brasfilter (filtros Europa): 5 processos;
  • Telefonica (Vivo): 5  processos; 
  • Bancos BMG S/A: 4 processos;
  • Bradesco: 4 processos;
  • Banco do Brasil: 4 processos;
  • Banco Pan: 4 processos;
  • Santander: 4 processos;
  • Folha da Manhã S/A: 4 processos;
  • Nextel: 4 processos;
  • Tim: 4 processos. 

Como se cadastrar no Não Me Ligue?

O serviço Não Me Ligue vale para os consumidores do estado de São Paulo. Desde que entrou em vigor, em 2009, 2.988.997 linhas telefônicas foram cadastradas na plataforma. 

Publicidade

Publicidade

Veja como se cadastrar:

  1. Entrar no site: https://bloqueio.procon.sp.gov.br/#/
  2. Clicar em “Cadastre seu telefone aqui”;
  3. Preencher dados pessoais;
  4. Aceitar os termos;
  5. Se, depois de 30 dias, a empresa continuar fazendo ligações  ou enviando mensagens, o consumidor pode fazer uma denúncia na mesma página. 

Os consumidores podem fazer o cadastro de até cinco linhas telefônicas de sua titularidade.

Uma vez inscrito, o número de telefone permanecerá no cadastro por tempo indeterminado. O consumidor pode fazer a exclusão da linha a qualquer momento e pode autorizar ligações de uma ou mais empresas das quais deseja receber ligações ou mensagens.”, explica o Procon SP.

Esse cadastro é exclusivo para cidadãos de São Paulo, mas os Procons de outros estados criaram serviços similares. 

Caso não existe algo desse tipo na sua região, é possível se cadastrar no site Não Me Perturbe, da Anatel. Ele funciona da mesma forma, mas é somente destinado para bloquear o contato de empresas prestadores de serviços de telecomunicações. 

Publicidade

Fontes: UOL e Anatel. 

Publicidade

Formada em Jornalismo pela PUCPR. Atualmente está cursando Pós Graduação em Questão Social e Direitos Humanos na mesma instituição de ensino. Tem paixão por informar as pessoas e acredita que a comunicação é uma ferramenta que pode mudar o mundo!
FacebookLinkedin

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário