Saque do auxílio emergencial 2021 é liberado para nascidos em fevereiro a partir de amanhã (01/06)

caixa auxílio emergencial

A Caixa Econômica Federal libera a partir de amanhã (01/06) o saque da segunda parcela do auxílio emergencial 2021 para nascidos em fevereiro. Hoje, o banco disponibilizou o saque e transferência entre contas para nascidos em janeiro.

Veja, aqui, como realizar o saque e transferência do auxílio emergencial, bem como demais datas de liberação de ambos os serviços para os beneficiários.

Publicidade

Publicidade

auxilio emergencial

Quem já pode sacar e transferir a segunda parcela do auxílio emergencial 2021?

Somente os beneficiários que nasceram em janeiro tiveram os serviços liberados hoje (31/05). A partir de amanhã, somam-se a essa lista os beneficiários que aniversariam em fevereiro e assim consecutivamente, conforme calendário divulgado pela Caixa.

Há limite para saque ou transferência do auxílio emergencial 2021?

Não existe limite de valor de saque ou transferência, logo, o beneficiário consegue movimentar a parcela integral ou residual disponível em conta, caso já tenha utilizado o dinheiro via Caixa Tem para pagamento de boletos ou compras.

Também não há limite de data para saque ou transferência, portanto, o beneficiário poderá movimentar o dinheiro quando quiser, a partir do dia de liberação de ambos os serviços.

Publicidade

Publicidade

Como sacar o auxílio emergencial?

O saque do auxílio emergencial é feito por meio da apresentação de um código autorizador que é obtido no aplicativo Caixa Tem. A seguir, elaboramos um passo a passo para gerar esse código:

  1. Acesse o aplicativo Caixa Tem;
  2. Toque em “saque sem cartão”, item disponível no menu de serviços;
  3. Selecione “saque do auxílio emergencial”;
  4. Toque em “gerar código para saque”;
  5. Informe sua senha para finalizar o serviço.

Pronto! O aplicativo exibirá um código autorizador que deverá ser apresentado no momento do saque. Como o código tem validade de duas horas, procure usá-lo dentro desse período. Se expirar, terá de gerar um novo para saque do benefício.

Mas, onde sacar o auxílio emergencial? O serviço está disponível em lotéricas, correspondentes Caixa Aqui e no caixa eletrônico de agências da Caixa.

Saque do auxílio com conta Caixa Tem bloqueada

Está com a conta Caixa Tem bloqueada? Neste caso, se quiser sacar ou transferir o valor terá de desbloqueá-la, o que é feito em agências da Caixa ou lotéricas.

Dirija-se ao local e apresente um documento de identificação com foto e CPF. Tenha consigo o celular em que o aplicativo Caixa Tem está cadastrado.

Quando o desbloqueio for finalizado, o beneficiário conseguirá sacar o valor imediatamente, sem gerar o código autorizador, mas somente se o serviço já foi liberado.

Como transferir o auxílio emergencial entre contas?

Publicidade

Publicidade

A transferência entre contas pode ser feita por Pix, TED e DOC, opções gratuitas. No caso do Pix, a compensação ocorre em poucos segundos, logo, é a melhor alternativa para ter o dinheiro na conta rapidamente.

No caso do TED ou DOC, a compensação pode demorar até um dia útil. Consequentemente, não é a melhor opção para quem quer ter acesso rápido ao dinheiro.

Para finalizar a transação, é obrigatório informar a chave Pix ou dados da conta para a qual o dinheiro será enviado.

Calendário de saque e transferência do auxílio emergencial 2021

A Caixa estabeleceu um calendário específico para saque e transferência do auxílio emergencial, com datas definidas de acordo com o mês de nascimento do beneficiário.

Publicidade

Segundo o banco, a proposta tem como objetivo evitar a aglomeração de pessoas em agências bancárias e lotéricas, contendo o avanço da pandemia de Covid-19.

Publicidade

Veja, a seguir, quais são as datas atualizadas de saque e transferência de cada parcela do benefício:

Janeiro

  • Primeira parcela: 30 de abril
  • Segunda parcela: 31 de maio
  • Terceira parcela: 13 de julho
  • Quarta parcela: 13 de agosto

Fevereiro

  • Primeira parcela: 3 de maio
  • Segunda parcela: 1 de junho
  • Terceira parcela: 15 de julho
  • Quarta parcela: 17 de agosto

Março

  • Primeira parcela: 4 de maio
  • Segunda parcela: 2 de junho
  • Terceira parcela: 16 de julho
  • Quarta parcela: 19 de agosto

Abril

  • Primeira parcela: 5 de maio
  • Segunda parcela: 4 de junho
  • Terceira parcela: 20 de julho
  • Quarta parcela: 23 de agosto

Maio

  • Primeira parcela: 6 de maio
  • Segunda parcela: 8 de junho
  • Terceira parcela: 22 de julho
  • Quarta parcela: 25 de agosto

Junho

  • Primeira parcela: 7 de maio
  • Segunda parcela: 9 de junho
  • Terceira parcela: 27 de julho
  • Quarta parcela: 27 de agosto

Julho

  • Primeira parcela: 10 de maio
  • Segunda parcela: 10 de junho
  • Terceira parcela: 29 de julho
  • Quarta parcela: 30 de agosto

Agosto

  • Primeira parcela: 11 de maio
  • Segunda parcela: 11 de junho
  • Terceira parcela: 30 de julho
  • Quarta parcela: 01 de setembro

Setembro

  • Primeira parcela: 12 de maio
  • Segunda parcela: 14 de junho
  • Terceira parcela: 4 de agosto
  • Quarta parcela: 3 de setembro

Outubro

  • Primeira parcela: 13 de maio
  • Segunda parcela: 15 de junho
  • Terceira parcela: 6 de agosto
  • Quarta parcela: 6 de setembro

Novembro

  • Primeira parcela: 14 de maio
  • Segunda parcela: 16 de junho
  • Terceira parcela: 10 de agosto
  • Quarta parcela: 08 de setembro

Dezembro

  • Primeira parcela: 17 de maio
  • Segunda parcela: 17 de junho
  • Terceira parcela: 12 de agosto
  • Quarta parcela: 10 de setembro

Flavio CarvalhoGestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.
Veja mais ›
Fechar