Vale-Gás: por que o benefício não vai ser pago em maio?

Em maio não haverá pagamentos do Vale-Gás, benefício que volta a ser pago apenas em junho. Entenda o motivo e veja quem terá direito.

Como já entramos nos últimos dias de maio, muitos participantes do Vale-Gás já estavam se preparando para receber o benefício deste mês, mas dessa vez não haverá pagamentos.

Isso porque os pagamentos do Vale-Gás acontecem de dois em dois meses. Sendo assim, como o benefício foi pago em abril, agora ele retorna apenas em junho.

Publicidade

Publicidade

Em 2022, os pagamentos do benefício acontecem somente em meses pares, sempre nas mesmas datas das parcelas do Auxílio Brasil. Ou seja, após junho (mês 6) eles retornam em agosto (8), depois em outubro (10) e por fim em dezembro (12).

Quando serão os próximos pagamentos do Vale-Gás?

Vale-Gás: por que o benefício não vai ser pago em maio?
Vale-Gás não será pago em maio, calendário retorna apenas no final de junho. Foto: Marina Silva/Correio 24 horas

Assim como o Auxílio Brasil, o Vale-Gás sempre é pago nos últimos 10 dias úteis do mês, conforme o último número do NIS do beneficiário. Em junho, as datas de depósito são as seguintes:

  • NIS final 1 – 17/06
  • Final 2 – 20/06;
  • Final 3 – 21/06;
  • 4 – 22/06;
  • 5 – 23/06;
  • 6 – 24/06;
  • 7 – 27/06;
  • 8 – 28/06;
  • 9 – 29/06;
  • 0 – 30/06.

Quem terá direito?

Ao contrário do Auxílio Brasil, o Vale-Gás não tem um público fixo de beneficiários. Ou seja, quem recebeu o benefício em abril não está garantido entre os participantes de junho.

Publicidade

Publicidade

Em abril, por exemplo, o número de famílias contempladas pelo Vale-Gás caiu em relação a fevereiro. Ao todo, 5,39 milhões de famílias tiveram direito ao auxílio, cerca de 190 mil a menos do que na rodada de pagamentos anterior.

Isso porque a seleção de famílias para o programa é feita por meio da base de dados do CadÚnico. Nesse caso, o governo seleciona seleciona quem se encaixa nos seguintes critérios:

  • Está inscrito no CadÚnico e tem renda menor ou igual a meio salário mínimo (R$ 606) por pessoa;
  • Tem entre os membros residentes na mesma caso quem receba o BPC (Benefício de Prestação Continuada);

Qual o valor do Vale-Gás?

Assim como o público, o valor do Vale-Gás também não é fixo. Segundo as regras do programa, eles devem corresponder a pelo menos metade do preço médio nacional do botijão de 13 kg.

Em abril, o valor do benefício foi de R$ 51, o que também caiu em relação a fevereiro. Segundo um levantamento do g1, o benefício de abril equivalia à 50% do preço médio do botijão apenas no estado do Rio de Janeiro. Nos outros estados, o Vale-Gás não pagava nem metade de um botijão de 13kg.

Jornalista, ator profissional licenciado pelo SATED/PR e ex-repórter do Jornal O Repórter. Ligado em questões políticas e sociais, busca na arte e na comunicação maneiras de lidar com o incômodo mundo fora da caverna.
FacebookLinkedinTwitterYoutube

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário