Cartão de Crédito PicPay – Como funciona e as condições para ter o seu

O PicPay anunciou recente uma novidade para seus usuários: a disponibilidade do seu cartão de crédito e débito para todos os clientes. O PicPay Card está agora disponível para os 38 milhões de usuários do serviço, e não apenas para uma parcela como ocorria antes.

Entre os destaques do PicPay Card estão a possibilidade de cashback de até 5% nos valores gastos em compras, e o fato de não haver cobrança de anuidade por seu uso. O cartão múltiplo da empresa também dá acesso a todos os benefícios para adquirir produtos e serviços a partir do seu aplicativo.

Nesta terça-feira (12/01), a empresa divulgou um comunicado informando que chegou à marca de 2 milhões de cartões emitidos. O valor é o dobro do índice atingido no último novembro, mês em que o PicPay alcançou o primeiro milhão de emissões.

cartão picpay

Agora que o cartão fica disponível para todos os usuários cadastrados no PicPay, a expectativa é que o número continue com um bom nível de crescimento. Segundo Frederico Trevisan, diretor de Crédito e Cartões da empresa, os clientes devem receber convites para conhecer o cartão, o que vem acontecendo de forma gradual.

Trevisan destaca que o cartão da empresa estimula a inclusão financeira de milhares de pessoas, aumentando seu poder de compra. A oferta do PicPay Card para todos os 38 milhões de usuários acontece em um momento de alta da plataforma. Recentemente, o aplicativo chegou ao topo do ranking de downloads, impulsionado pelo auxílio emergencial.

Com o cartão, ideia é atrair usuários para outros serviços da empresa

A campanha de divulgação do PicPay Card está inserida em uma estratégia de expansão da marca. Oferecendo o cartão para cada vez mais usuários, a empresa pretende atraí-los para seu ecossistema, aumentando a procura por outros produtos oferecidos pelo PicPay.

De acordo com Trevisan, o cliente passa a ter acesso a mais serviços disponíveis na plataforma. Entre eles estão estão o parcelamento de boletos, as possibilidades de recarga de celular ou transporte, além de outras opções da PicPay Store.

A carteira virtual da empresa, por exemplo, vem ganhando muitos adeptos após o rendimento subir de 100% para 210% do CDI. A ação de novembro do ano passado chamou a atenção, e representou índices de rentabilidade em saldo superiores aos do Nubank e do Mercado Pago. A oferta do PicPay vale até o final de janeiro.

Entretanto, nessa quarta-feira usuários da carteira virtual relataram um bug no serviço que assustou muita gente. Algumas contas amanheceram com saldo zerado no aplicativo, de acordo com reclamações no Twitter.

Em resposta, o PicPay informou que a pane ocorreu por questões internas, e que apenas a visualização do saldo teve problemas, de modo que não houve transferência de valores por parte da empresa. Além disso, a situação foi normalizada no mesmo dia.

Como conseguir seu cartão PicPay?

Conforme já explicamos, os cartões estão sendo disponibilizados a partir de convites enviados pelo PicPay para os clientes da plataforma. O usuário que quiser saber se recebeu um convite para ter acesso ao PicPay Card, só precisa conferir no aplicativo a situação.

O cartão múltiplo da empresa é físico e digital, e permite realizar transações no crédito e no débito, além de efetuar saques. No caso da função de pagamento no débito, o valor sai automaticamente da carteira virtual do cliente no PicPay.

Enquanto isso, nas compras por meio do cartão de crédito, o modo de operação é padrão: o cliente recebe uma fatura para pagar até a data de vencimento.

A bandeira do PicPay Card é a Mastercard, e ele permite ao cliente fazer compras em sites e lojas físicas tanto no Brasil quanto no exterior. Além disso, não precisa ter conta em outro banco para utilizar o cartão.

Entretanto, o cartão do PicPay só está disponível para maiores de 16 anos. Afinal, o Banco Central estabelece esta como a idade mínima para usar serviços de crédito.

Felipe Matozo
Estudante de Jornalismo no Centro Universitário Internacional Uninter, repórter do Jornal O Repórter e ator profissional licenciado pelo SATED/PR. Ligado em questões políticas e sociais, busca na arte e na comunicação maneiras de lidar com o incômodo mundo fora da caverna.
FacebookLinkedin

Deixe seu comentário