Enem 2021: Veja resultados dos pedidos de reaplicação de prova

Candidatos que solicitaram reaplicação das provas do Enem 2021 em janeiro do ano que vem já podem consultar os resultados dos pedidos.

Candidatos que solicitaram reaplicação da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 já podem consultar o resultado dos pedidos na internet.

As respostas estão disponíveis desde a noite de ontem (13/12), e quem teve o pedido negado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) não poderá participar da edição deste ano do Enem.

Publicidade

Publicidade

As datas de reaplicação do Enem 2021 serão nos dias 9 e 16 de janeiro de 2022. A seguir, veja como consultar o resultado do pedido e quem poderá participar do exame nas datas indicadas.

Resultados dos pedidos para a reaplicação da prova do Enem liberados!
Candidatos que pediram para fazer o Enem 2021 em janeiro já podem consultar o resultado. Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Veja também: Cálculo da Média do Enem – Entenda como Funciona

Como ver a resposta para o pedido de reaplicação do Enem 2021?

Para consultar as respostas para os pedidos de reaplicação do Enem 2021, os candidatos só precisam acessar a página do participante. Após fazer login no site, já é possível conferir o resultado.

Publicidade

Publicidade

Entre as pessoas que terão direito de participar da reaplicação da prova, estão inscritos que passaram pelos seguintes tipos de situação nos dias originais:

  • Problemas logísticos, como falta de luz no local de exame;
  • Desastres naturais;
  • Erros na aplicação que tenham prejudicado o participante;
  • Falha no dispositivo eletrônico fornecido ao candidato;
  • Doenças infectocontagiosas, como a própria covid-19;
  • Outros fatores que o edital do Enem define como “supervenientes, peculiares, eventuais ou de força maior”.

Mas a lista de candidatos do Enem 2021 que poderão fazer as provas em janeiro ainda inclui participantes que tiveram outro tipo de problema nesta edição.

Isso porque alguns estudantes tiveram direito a um novo prazo de inscrição após o Supremo Tribunal Federal (STF) garantir o direito à isenção na taxa de inscrição. Foi o caso de quem havia perdido esse direito por ter faltado na edição de 2020 por medo da covid-19.

Além disso, também participarão do exame em janeiro pessoas privadas de liberdade ou sob medida socioeducativa.

Jornalista, ator profissional licenciado pelo SATED/PR e ex-repórter do Jornal O Repórter. Ligado em questões políticas e sociais, busca na arte e na comunicação maneiras de lidar com o incômodo mundo fora da caverna.
FacebookLinkedinTwitterYoutube

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário