Número de beneficiários da Tarifa Social pode duplicar até 2022

Entenda como a Tarifa Social pode beneficiar o dobro de pessoas no próximo ano. Entenda sobre esse beneficio aqui, no No Detalhe.

A Tarifa Social beneficia aproximadamente 12 milhões de famílias. Essa realidade está prestes a se modificar de um jeito radical, pois uma nova decisão do Governo Federal pode fazer com que o número de famílias contempladas pelo programa seja dobrado até o ano de 2022.

Como funciona a Tarifa social?

Trata-se de um programa do Governo Federal cuja finalidade é diminuir os gastos com as contas de luz para as famílias que possuem baixa renda.

Publicidade

Publicidade

Número de beneficiários da Tarifa Social pode duplicar até 2022

O benefício funciona através de uma parceria entre o governo e as empresas de energia. A partir do momento em que o usuário da energia elétrica atende aos requisitos do programa, a empresa de energia deve dar o desconto na conta mensal.

O desconto pode ir de 10% até 65%. A variação se dá em acordo com o consumo de cada família todo mês. Além disso, indígenas e quilombolas já inscritos no Cadastro Único (Cadunico) podem ter direito a até 100% de desconto para consumos de energia de até 50 kWh/mês.

Até então essa diminuição no valor da conta de luz não é realizada de forma automática. A própria família apta a receber o benefício deve entrar em contato com a empresa provedora de luz e solicitar que seja incluída no programa.

Publicidade

Publicidade

Porém, no ano que vem (2022) as empresas deverão incluir os beneficiários de maneira automática no recebimento de descontos. Isso poderá fazer com que o número de beneficiários bata a marca de 24 milhões de famílias.

Quem tem direito a esse benefício

A Tarifa Social ampara famílias cadastradas em outros programas sociais, como o CadÚnico e o BPC (Benefício de Prestação Continuada).

Na prática, têm direito ao benefício as famílias que possuem até 3 salários mínimos de renda ou que tenham algum membro da família que seja deficiente, e que o tratamento envolve energia elétrica (como a ligação e manutenção de máquinas).

Famílias com renda até R$ 3.300 e com Idosos a partir de 65 anos também podem usufruir da Tarifa Social. Porém, é bom reiterar que todos esses requisitos só valem para quem está cadastrado no CadÚnico.

Flavio Carvalho
Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.
FacebookLinkedinTwitter

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário