Saque extraordinário de R$ 1.000 do FGTS começa em abril; confira o calendário

Calendário do saque extraordinário de R$1000 do FGTS começa no dia 20 de abril. Veja quem pode receber e como o dinheiro será depositado

Mais uma medida do Programa Renda e Oportunidade, do Governo Federal, será liberada em abril: o saque extraordinário de R$1000 do FGTS. O principal objetivo é reduzir o comprometimento da renda e endividamento das famílias que foram atingidas financeiramente pela pandemia de covid-19. 

Como vai funcionar o saque de R$ 1.000 do FGTS?

Saque extraordinário de R$ 1.000 do FGTS começa em abril; confira o calendário
Veja quem tem direito ao saque extraordinário de R$ 1.000 do FGTS. (Imagem: Marcelo Camargo / Agência Brasil)

O saque extraordinário de R$1000 do FGTS será liberado a partir de 20 abril, mas antes dessa data, a partir de 8 de abril, será possível que os brasileiros consultem o valor disponível. O Governo Federal estima que cerca de R$ 30 bilhões serão liberados para 42 milhões de trabalhadores em abril. 

Publicidade

Publicidade

Calendário do saque de R$ 1.000 do FGTS

As datas disponíveis para sacar o dinheiro variam de acordo com o mês de nascimento do trabalhador. O prazo máximo em que o saque poderá ser realizado é até 15 de dezembro de 2022. 

Os primeiros brasileiros a receberem os valores em suas contas, a partir de 20 de abril, serão os nascidos em janeiro. Confira o calendário completo: 

Calendário do saque extraordinário de R$1000,00 do FGTS
Calendário do saque extraordinário de R$1000,00 do FGTS. (Imagem: Divulgação / Governo Federal)

Quem vai ter direito ao saque extraordinário de R$1000 do FGTS?

Todo o trabalhador com saldo no Fundo de Garantia do Tempo de Serviço tem direito ao saque. De acordo com as regras da Medida Provisória, R$1000,00 é o limite máximo para retirar do FGTS. Caso o trabalhador não tenha esse valor em sua conta, ele só poderá ter acesso à quantia disponível.  

Publicidade

Publicidade

Nos casos em que o brasileiro tem mais de uma conta vinculada ao seu nome, deve existir uma prioridade para o saque emergencial de R$1000,00, que segue essa ordem: 

  • Primeiro: contas vinculadas relativas a contratos de trabalho extintos, com início pela conta que tiver o menor saldo; 
  • Em seguida: demais contas vinculadas, com início pela conta que tiver o menor saldo.

Quantias bloqueadas não estarão disponíveis para o saque nessa modalidade. 

Como consultar o saldo?

O saldo do FGTS pode ser consultado pela internet ou pelo aplicativo. 

Passo a passo para baixar o App FGTS:

  1. Busque FGTS na loja de aplicativos do seu celular;
  2. Clique em instalar e abra o aplicativo;
  3. Selecione a opção “Cadastre-se”;
  4. Preencha todos os dados solicitados: CPF, Nome Completo, Data de Nascimento, E-Mail e cadastre uma senha de acesso; 
  5. Clique no botão “Não sou um robô”;
  6. Você vai receber um e-mail de confirmação. Acesse-o e clique no link que foi enviado;
  7. Abra novamente e informe o “CPF” e “Senha” cadastrados;
  8. Responda perguntas adicionais sobre a sua vida funcional.
  9. Leia e aceite as condições de uso do Aplicativo, clicando em concordar;
  10. Agora, você pode consultar o saldo e fazer saques do FGTS.

Passo a passo para consultar saldo do FGTS pela internet:

  1. Acesse o site da Caixa;
  2. Informe o número do seu NIS ou CPF;
  3. Clique em “cadastrar senha”;
  4. Leia o regulamento e clique em “aceito”;
  5. Preencha os seus dados pessoais;
  6. Crie uma senha com até 8 dígitos, com letras e números;
  7. Você será direcionado para a tela de login novamente; 
  8. Preencha os campos com NIS ou CPF, insira a senha cadastrada e o botão Acessar.

Como fazer o saque extraordinário de R$1000 do FGTS? 

Não é necessário solicitar o saque extraordinário de R$1000 do FGTS. O depósito será feito automaticamente, na conta da poupança de titularidade do trabalhador,  contanto que ele não se manifeste de forma contrária. 

Publicidade

Publicidade

Mesmo se ele não tiver conta, a Caixa abrirá uma, que poderá será acessada pelo aplicativo Caixa Tem.

Assim que o dinheiro for depositado na conta dos brasileiros, ele pode ser usado para pagar boletos e contas, utilizar o cartão de débito virtual para pagamento em lojas, sites ou aplicativos e fazer compras em estabelecimentos comerciais pagando com o QR code nas maquininhas. Tudo isso também é possível por meio do app Caixa Tem

Quem preferir, também pode transferir o valor para outras contas bancárias, por Pix, saque nos terminais de autoatendimento da Caixa e nas casas lotéricas.

Se não houver desejo de ter acesso ao dinheiro, a pessoa deve acessar o Aplicativo FGTS ou se dirigir a uma das agências do banco para informar que não quer receber o crédito. A solicitação pode ser feita até 10 de novembro. 

Publicidade

Caso a quantia já tiver sido transferida para a Conta Poupança Social Digital, o trabalhador poderá optar pela anulação do crédito automático, também até 10 de novembro de 2022. Outra opção é não mexer no valor, para que o recurso retorne à conta do FGTS depois de 15 de dezembro.

Publicidade

Formada em Jornalismo pela PUCPR. Atualmente está cursando Pós Graduação em Questão Social e Direitos Humanos na mesma instituição de ensino. Tem paixão por informar as pessoas e acredita que a comunicação é uma ferramenta que pode mudar o mundo!
FacebookLinkedin

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário