Governo de SP promete vacinar contra Covid-19 todos os moradores adultos até o final de agosto: confira o calendário

O governo de São Paulo antecipou mais uma vez o calendário de vacinação contra Covid-19 e promete vacinar toda a população adulta até o fim de agosto.

O novo calendário, que foi anunciado pelo governador João Doria (PSDB), também prevê datas de vacinação de adolescentes, o que ainda não foi autorizado pelo Ministério da Saúde.

Publicidade

Publicidade

Confira, aqui, como ficou o novo calendário de vacinação contra Covid-19 em São Paulo e mais informações sobre a campanha realizada no estado!

calendário vacinação covid sp

Calendário de vacinação contra Covid-19 de São Paulo

A vacinação contra o novo coronavírus tem ocorrido de forma escalonada em São Paulo, variando entre diferentes idades. Veja, a seguir, as novas datas do calendário:

  • 37 a 39 anos: de 8 a 14 de julho;
  • 35 e 36 anos: de 15 a 18 de julho;
  • 30 a 34 anos: de 19 de julho a 4 de agosto;
  • 25 a 29 anos: de 5 a 12 de agosto;
  • 18 a 24 anos: de 13 a 20 de agosto;
  • 12 a 17 anos com deficiência, comorbidades e gestantes: de 23 de agosto a 5 de setembro;
  • 15 a 17 anos: 6 a 19 de setembro;
  • 12 a 14 anos: 20 a 30 de setembro.

Um detalhe importante: esse é o calendário oficial do estado de São Paulo, mas os municípios não precisam segui-lo à risca. Portanto, as datas podem variar entre as cidades.

Publicidade

Publicidade

Na capital, por exemplo, a prefeitura optou por um calendário fracionado de vacinação, para reduzir a possibilidade de falta do imunizante nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) e demais postos de vacinação.

De acordo com o governo estadual, a antecipação é possível devido à compra de 30 milhões de doses da CoronaVac para uso exclusivo no estado. Desse total, 2,7 milhões de doses chegaram da China no dia 7 de julho.

Segundo Regina de Paula, coordenadora do PEI (Programa Estadual de Imunização), não há previsão para mudança do intervalo de imunizantes, como outros estados têm feito, porque a estratégia inicial é vacinar toda a população com a primeira dose.

Vacinação contra Covid-19 para adolescentes em SP

O governador João Doria também iniciou uma previsão para começar a vacinar adolescentes entre 12 e 17 anos, começando no final de agosto até setembro.

Das quatro vacinas autorizadas para uso no país, somente a da Pfizer foi liberada pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para uso nessa faixa etária. O Ministério da Saúde, no entanto, não prevê a vacinação desse grupo.

Marcelo Queiroga, ministro da saúde, indicou ser favorável à imunização de adolescentes, principalmente dos que possuem comorbidades, mas o tema ainda está em discussão.

Publicidade

Publicidade

A recomendação geral da pasta é que os estados e municípios deem prioridade para a vacinação da população adulta, que é a mais vulnerável. A OMS (Organização Mundial da Saúde) também indica que a vacinação da população com menos de 18 anos não deve ser uma prioridade no momento.

O governo do estado de São Paulo diz que tomou a decisão de vacinar adolescentes porque há dados que comprovam que o novo coronavírus pode deixar sintomas persistentes nesse público, trazendo prejuízos à sua qualidade de vida. A vacina é um meio para prevenir esse tipo de problema e poupar gastos com saúde pública no futuro.

Falta de vacina

A prefeitura de São Paulo não sabe dizer se conseguirá avançar no calendário de vacinação conforme divulgado pelo estado. O prefeito da capital, Ricardo Nunes (MDB), disse que o munícipio tem vacina suficiente até quarta-feira (14/07), o que possibilita vacinar a população de 37 anos.

Para conseguir vacinar a população a partir de 36 anos, a prefeitura espera o recebimento de um novo lote de vacinas. A princípio, a previsão de imunização dessa faixa etária é a partir de quinta-feira (15/07).

Publicidade

A Secretaria Municipal de Saúde anunciou que a entrega de um novo lote de vacinas está prevista para esta terça-feira (13/07), o que possibilitará dar continuidade à imunização.

Publicidade

Por enquanto, o público-alvo das novas etapas pode fazer seu pré-cadastro no site Vacina Já, para acelerar o atendimento nos postos de vacinação.

Antes de sair para tomar sua vacina, recomenda-se verificar a situação do posto de atendimento no site De Olho na Fila, criado pela prefeitura. Nele, dá para saber o tamanho da fila de espera em diferentes locais de imunização e se o posto tem vacina.

Flavio Carvalho
Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.
FacebookLinkedinTwitter

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário