Ministério da Educação divulga Edital do Enem 2021

Na última semana, o edital da edição de 2021 do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) foi publicado no Diário Oficial da União. Com isso, os candidatos já tem acesso ao calendário completo e às regras do exame para este ano.

Conforme o Ministério da Educação já havia divulgado antes, as inscrições para o Enem 2021 começam no próximo dia 30 de junho na página do participante, e as provas acontecem em 21 e 28 de novembro. Neste ano, a principal novidade é que as provas impressa e digital acontecerão nas mesmas datas e terão perguntas iguais.





De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão responsável pelo Enem, aplicar as mesmas provas nas duas versões do exame é uma forma de ganhar tempo preparação dos cadernos de questões.

edital enem 2021
Foto: Ronaldo Silva/Futura Press/Estadão Conteúdo

A otimização de tempo é uma das medidas para tentar garantir o cumprimento do cronograma informado no edital do Enem 2021. Isso porque especialistas alertam que o prazo apertado pode comprometer a qualidade e a segurança do exame.

Segundo o Inep, outras medidas para cumprir o prazo incluem novas estratégias para os processos de transporte e armazenamento das provas, e a prorrogação do contrato com a gráfica que atuou na última edição do Enem, o que dispensa a necessidade de realizar uma nova licitação.





No fim de maio, documentos mostravam que o Inep planejava marcar Enem 2021 para janeiro de 2022. Mas o próprio ministro da Educação, Milton Ribeiro, respondeu afirmando que o exame deveria ficar para outubro ou novembro deste ano.

Veja também: ProUni, Fies e SISU – MEC divulga as datas para próximas edições. Confira aqui!

Edital informa o calendário do Enem 2021

De acordo com o edital do Enem 2021, o cronograma com todas as datas referentes à próxima edição do exame ficou da seguinte maneira:

  • Inscrições: de 30/06 a 14/07;
  • Pagamento da taxa de inscrição: até 19/07;
  • Solicitação de atendimento especializado: de 30/06 a 14/07, com divulgação do resultado no dia 23/07;
  • Solicitação de tratamento pelo nome social: de 19/07 a 23/07, com divulgação do resultado no dia 30/07.
  • Aplicação das provas impressas e digitais: 21/11 e 28/11.

Vale lembrar que o prazo para solicitar isenção e para apresentar justificativa de ausência se encerrou no último dia 28/05.

Quanto à escolha entre a prova impressa ou digital, o candidato deve informar a modalidade de preferência no momento da inscrição. Para o Enem Digital 2021, serão disponibilizadas 101.100 vagas.

Como serão as provas?

Como de costume, o Enem 2021 terá quatro provas objetivas com 45 questões cada e uma redação. Os componentes curriculares de cada prova são os seguintes:

  • Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Redação: Língua Portuguesa, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), Literatura, Tecnologias da Informação e Comunicação, Artes e Educação Física;
  • Ciências Humanas e suas Tecnologias: Geografia, História, Filosofia e Sociologia;
  • Ciências da Natureza e suas Tecnologias: Física, Química e Biologia;
  • Matemática e suas Tecnologias: Matemática.




No primeiro dia do exame (21/11), os participantes farão as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Ciências Humanas e suas Tecnologias, além da Redação.  A aplicação no primeiro dia terá duração de 5 horas e 30 minutos.

Vale lembrar que na prova de Língua Estrangeira, o participante deve responder apenas às questões do idioma escolhido na inscrição (Inglês ou Espanhol).

Enquanto isso, o segundo dia do Enem terá 5 horas de duração e trará as provas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias.

Em ambos os dias de exame, os portões abrem às 12h e fecham às 13h, e as provas iniciam às 13h30. No primeiro dia o horário de término das provas é 19h, e no segundo 18h30.



Assim como aconteceu na última edição do exame, o uso de máscaras durante a prova será obrigatório. Além disso, o edital do Enem 2021 também determina o uso de álcool em gel para higienizar as mãos. Quem não seguir os protocolos de prevenção será eliminado do exame.



Como se inscrever no Enem 2021?

Mais uma vez, as inscrições para o Enem serão realizadas pela Página do Participante. Para se inscrever, basta seguir os passos descritos abaixo:

  1. No período de inscrições, acesse a Página do Participante no site do Inep;
  2. Na primeira etapa, informe seu CPF e data de nascimento. Em seguida, preencha a ficha de cadastro com os demais dados pessoais solicitados;
  3. Crie uma senha entre seis e dez caracteres e guarde-a para não esquecer. Vale lembrar que esta mesma senha deve ser usada para consultar o resultado do exame e participar de processos seletivos que usam a prova do Enem como critério de seleção;
  4. Nas etapas seguintes, informe se você precisa de atendimento especializado e qual prova de língua estrangeira deseja fazer;
  5. Depois disso, é preciso responder às perguntas referentes à sua situação no Ensino Médio e ao Formulário socioeconômico, com perguntas sobre renda e grupo familiar;
  6. Por fim, basta imprimir o boleto e pagar até dia 19/07 para finalizar a inscrição. Quem obteve o direito à isenção da taxa não precisa realizar o pagamento.

Fonte: G1.

Felipe Matozo
Jornalista formado pelo Centro Universitário Internacional Uninter, repórter do Jornal O Repórter e ator profissional licenciado pelo SATED/PR. Ligado em questões políticas e sociais, busca na arte e na comunicação maneiras de lidar com o incômodo mundo fora da caverna.
FacebookLinkedin

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário