Fim do Auxílio Emergencial: Quais outros benefícios disponíveis? Como Conseguir?

Beneficiários do Auxílio Emergencial podem participar de outros programas do governo após o fim dos pagamentos em outubro.

Os pagamentos do Auxílio Emergencial acabam em outubro, e o fim do programa que atendeu 34,4 milhões de famílias neste último mês deixará muita gente em situação de vulnerabilidade sem nenhuma ajuda do governo federal.

A estimativa é que 22,6 milhões de brasileiros fiquem sem ajuda com o fim do benefício emergencial, pois nem todos serão atendidos pelo Auxílio Brasil, programa criado para substituir o Bolsa Família. Com isso, o poder de consumo dos mais pobres deve cair 17,7%.

Publicidade

Publicidade

Mas além do Auxílio Brasil, que começa a ser pago em novembro, há outros benefícios que podem ser solicitados pelas pessoas que forem prejudicadas com o fim do Auxílio Emergencial, conforme veremos a seguir. Como muitos desses programas exigem cadastro no CadÚnico, aproveite para conferir os critérios do sistema e como se inscrever.

Fim do Auxílio Emergencial Quais outros benefícios disponíveis Como Conseguir

Benefícios disponíveis após o fim do Auxílio Emergencial

Auxílio Brasil

O Auxílio Brasil começa a ser pago justamente depois da última parcela do Auxílio Emergencial. Segundo o Ministério da Cidadania, o programa irá pagar parcelas de pelo menos R$ 400 em 2022, mas por enquanto o valor médio será de R$ 230.

Como o governo afirma que irá aumentar o número de famílias atendidas das atuais 14,6 milhões do Bolsa Família para 17 milhões, o programa é a principal aposta para cobrir o fim do benefício emergencial.

Publicidade

Publicidade

O novo programa irá atender quem já recebe o Bolsa Família e também pode incluir pessoas que estão na fila de espera do programa e outras famílias de baixa renda inscritas no CadÚnico. Para saber quem tem direito ao benefício e como fazer a solicitação, basta conferir o nosso texto sobre o assunto.

Benefício de Prestação Continuada (BPC)

O BPC é um benefício do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que garante o pagamento mensal de até R$ 1.100 para idosos com mais de 65 anos e pessoas com deficiência.

Para se inscrever no BPC também é necessário estar inscrito no CadÚnico, e não exigência de contribuição prévia. Confira as regras do BPC 2021 e como solicitar o benefício.

Veja também: 20 benefícios que você pode receber com o CadÚnico.

Auxílio Inclusão

Este é um auxílio pago a beneficiários do BPC que entram para o mercado de trabalho. O valor do benefício é de R$ 550, e só quem trabalha de carteira assinada pode receber.

Para saber como funciona o Auxílio Inclusão, basta conferir o nosso texto sobre este benefício.

Tarifa Social de Energia Elétrica

Publicidade

Publicidade

A Tarifa Social é outro benefício para famílias inscritas no CadÚnico, e oferece descontos de 10% a 100% na conta de luz para famílias de baixa renda.

Para se cadastrar no programa, basta entrar em contato com a empresa de energia elétrica da sua região e apresentar os documentos necessários: RG, número do NIS e o código da casa junto à companhia de energia.

Para conferir as regras e mais detalhes sobre o programa, é só conferir o nosso texto sobre a Tarifa Social de Energia Elétrica.

Outros benefícios que podem ser solicitados por quem recebeu Auxílio Emergencial

Além dos programas federais, também é importante pesquisar os benefícios pagos no seu Estado, pois há programas como “CNH Popular” e “Vale Gás” espalhados por várias regiões. Além disso, alguns Estados oferecem auxílios como os do Bolsa do Povo SP.

Jornalista, ator profissional licenciado pelo SATED/PR e ex-repórter do Jornal O Repórter. Ligado em questões políticas e sociais, busca na arte e na comunicação maneiras de lidar com o incômodo mundo fora da caverna.
FacebookLinkedinTwitterYoutube

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário