Auxílio Brasil: Quem receberá em dezembro? Qual o valor?

Auxílio Brasil pode passar por alterações em dezembro. Veja como fica a situação do benefício neste mês, com ou sem os aumentos prometidos.

Na próxima sexta-feira (10/12) começa o calendário da segunda rodada de pagamentos do Auxílio Brasil, que segue um cronograma diferente em dezembro e também pode contar com um valor novo.

Isso porque com a aprovação da PEC dos precatórios no Senado, o ministro da Cidadania, João Roma, afirmou que o pagamento das parcelas de no mínimo R$ 400 já devem começar neste mês. A expectativa é que o governo publique uma Medida Provisória (MP) durante a semana para garantir este valor.

Publicidade

Publicidade

Além disso, o ministro ainda falou em aumentar o número de beneficiários do Auxílio Brasil em dezembro após a aprovação da PEC. Mas esse aumento também não está confirmado ainda, pois o prazo para inserir novas famílias a tempo é curto.

Quem receberá o Auxílio Brasil em dezembro Qual o valor
Auxílio Brasil pode ter aumentos no valor e no número de beneficiários em dezembro. Foto: Willian Moreira/Futura Press

O que está confirmado para o Auxílio Brasil em dezembro?

Enquanto os aumentos esperados para o Auxílio Brasil com a aprovação da PEC dos precatórios não forem confirmados, ele continua como foi em novembro. Sendo assim, se não der tempo de o governo promover as mudanças ainda em dezembro, os beneficiários e o valor das parcelas serão os mesmos.

Vale lembrar que no primeiro mês do novo programa apenas quem recebia Bolsa Família teve direito ao benefício, e o valor médio foi de R$220.

Publicidade

Publicidade

Outro ponto sobre o Auxílio Brasil de dezembro que já está confirmado é o calendário, que começa dia 10 e segue até dia 23. Para conferir o calendário completo, que segue de acordo com o NIS de cada beneficiário, basta conferir nosso texto sobre o assunto.

E se houver mudanças?

Caso as mudanças prometidas para o Auxílio Brasil se confirmem neste mês, o número de beneficiários deve passar de 14,6 milhões para 17 milhões, e todos receberão parcelas mínimas de R$ 400. Em novembro, por exemplo, algumas pessoas afirmaram ter recebido apenas R$ 65.

Nesse caso, a expectativa do Ministério da Cidadania é zerar a fila do Auxílio Brasil. Ou seja, todas as famílias que atendem aos critérios do programa e já estão em espera podem receber o benefício. Os principais requisitos são os seguintes:

  • Estar inscrito no CadÚnico;
  • Ter renda mensal de até R$ 100 por pessoa (situação de extrema pobreza); ou
  • Ter renda mensal entre R$ 100,01 e R$ 200 por pessoa (situação de pobreza), desde que a família tenha gestantes, crianças ou adolescentes.

Jornalista, ator profissional licenciado pelo SATED/PR e ex-repórter do Jornal O Repórter. Ligado em questões políticas e sociais, busca na arte e na comunicação maneiras de lidar com o incômodo mundo fora da caverna.
FacebookLinkedinTwitterYoutube

Participe dos nossos grupos

WhatsappWhatsApp

Entre no Grupo e receba as notícias do dia

TelegramTelegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookFacebook

Curta nossa Página e receba as notícias do dia

Deixe seu comentário